Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias

0
Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
Seguros Promo

Confira este roteiro completo recheado de dicas e muitas atrações bacanas em San Francisco, uma das principais cidades da Califórnia, e nos seus arredores. Aqui você também vai encontrar dicas de hotéis, restaurantes, passeios, tours e muitas sugestões bacanas. Como o post está bem completo, ele ficou enorme e, para facilitar, está organizado em um índice. Você pode clicar no assunto que interessa e ir direto para ele.

ÍNDICE: CONFIRA O QUE ENCONTRAR NESTE POST

A CIDADE DE SAN FRANCISCO

Com uma população de pouco menos de 900 mil habitantes, San Francisco é uma das principais cidades do norte da Califórnia. Ela é a quarta cidade mais populosa da Califórnia, atrás de Los Angeles, San Diego e San Jose, a “capital” do Vale do Silício. A cidade fica localizada no norte da península de San Francisco na San Francisco Bay Area (Área da Baía de San Francisco). A região é cortada pela Falha de San Andreas, e possui aproximadamente 1.300 km de comprimento. A falha representa o encontro de duas placas tectônicas que provocam abalos sísmicos na área.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Os icônicos bondinhos de San Francisco

A cidade foi fundada em 1776, com a criação da Missão de São Francisco de Assis, uma das 21 missões espanholas estabelecidas no estado da Califórnia. A cidade se tornou a maior da Costa Oeste entre 1870 e 1900 devido à corrida do ouro. No entanto, em 1906 a cidade sofreu com um fortíssimo terremoto que desencadeou incêndios pela cidade. Por conta disso, cerca de 80% de San Francisco foi destruída e mais de 3 mil pessoas morreram em decorrência dos incêndios que se alastraram por dias.

PÓS-GUERRA EM SAN FRANCISCO: OS MOVIMENTOS LIBERAIS

Na Segunda Guerra Mundial, San Francisco foi um importante porto de embarque devido à sua posição às margens do Oceano Pacífico. Após a guerra, fatores como militares retornando, imigração significativa, atitudes liberalizantes, juntamente com a ascensão da contracultura hippie, a Revolução Sexual, o Movimento pela Paz crescendo em oposição ao envolvimento dos Estados Unidos na Guerra do Vietnã e outros fatores levaram ao “Verão do Amor” e ao movimento pelos direitos dos homossexuais, consolidando San Francisco como um centro de ativismo liberal nos Estados Unidos. Até os dias de hoje, a cidade é uma das mais liberais do país.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
A arquitetura marcante de San Francisco

CARACTERÍSTICAS DE SAN FRANCISCO

San Francisco também é conhecida por seu nevoeiro, ladeiras íngremes, mistura arquitetônica com edifícios em estilo vitoriano, a famosa ilha de Alcatraz e a icônica Ponte Golden Gate. Uma curiosidade é que cerca de 48 mil casas em estilo vitoriano e eduardiano  foram construídas entre 1849 e 1915 e muitas delas foram pintas em cores vivas como vermelho, amarelo, laranja. No entanto, muitas foram destruídas devido ao terremoto de 1906. Devido à presença de empresas de alta tecnologia, San Francisco é uma as cidades com maior PIB dos Estados Unidos, mas também uma das mais caras para se viver. São Francisco também é a sede de cinco grandes instituições bancárias e várias outras empresas, como a Levi’s, a Gap Inc., a Fitbit, a Salesforce.com, a Dropbox, a Reddit, a Dolby, Airbnb, Weebly, Yelp, Pinterest, Twitter, Uber, Lyft, Mozilla, Fundação Wikimedia, Craigslist, entre outras.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
A ilha de Alcatraz também é um dos ícones de San Francisco

O QUE NOS SURPREENDEU NEGATIVAMENTE EM SAN FRANCISCO

San Francisco é uma cidade linda, ensolarada e localizada em uma região próspera, com muitas empresas de alta tecnologia e altas rendas. Ficamos encantado por sua história, seu desenvolvimento político e social, sua arquitetura e pelo fato de estar na vanguarda da maior parte dos assuntos. No entanto, o custo de vida na cidade (e região) é absurdamente alto. No post “Quanto custa morar na Califórnia” falamos um pouco sobre isso, pois recebemos muitos questionamentos de pessoas que sonham em morar no estado. Nós gastamos mais para morar no Vale do Silício do que gastávamos para morar em um local super bem localizado em Londres, na Inglaterra. Para nós, é bem negativo pagar tão caro e não ter o mesmo acesso à cultura, transporte público de qualidade e proximidade com outros países incríveis.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
A área em que fica a prefeitura de San Francisco se tornou um dos grandes desafios da cidade

No entanto, como turistas, o que mais nos surpreendeu negativamente em San Francisco foi mesmo a questão dos homeless (sem teto). A região do Civic Center, onde fica localizada a prefeitura da cidade possui uma considerável população de sem tetos e usuários de drogas. Como o custo de vida na região é muito alto, ficar desempregado é um risco enorme de acabar nas ruas. Quer saber mais sobre as causas? Veja este artigo e este aqui, ambos em inglês. Por conta disso, estão cada vez mais comuns os furtos. Há muitos relatos de pessoas que estacionaram o carro nas ruas e tiveram os vidros quebrados. Por isso, uma dica de ouro: sempre que possível deixe o carro em um estacionamento (até porque é bem difícil achar vaga para parar na rua) e nunca, em hipótese alguma, deixe bolsas, malas ou mochilas a vista. Guarde tudo no hotel, no porta-malas do carro ou leve com você.

O CLIMA DE SAN FRANCISCO

Já fique avisado sobre o clima bizarro de San Francisco e leve um agasalho mesmo no verão! Não é à toa que o escritor americano Mark Twain disse: “The coldest winter I ever spent was a summer in San Francisco.” (O inverno mais frio que já passei foi um verão em San Francisco). O clima de São Francisco é fortemente influenciado pelas correntes frias do Oceano Pacífico, no lado oeste da cidade, e pelas águas da Baía de São Francisco, ao norte e leste. Isso modera as variações de temperatura e produz um clima excepcionalmente ameno durante todo o ano, com pouca variação sazonal de temperatura. No inverno não costuma fazer frio extremo, mas é a época que mais chove na cidade. O nevoeiro é uma característica regular dos verões de São Francisco. No entanto, devido à sua topografia acentuada e influências marítimas, São Francisco acaba abrigando uma infinidade de microclimas distintos e no mesmo dia você pode ter experiências bem distintas.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Não estranhe a neblina em San Francisco no verão

SAN FRANCISCO BAY AREA

San Francisco Bay Area é uma região ao redor da cidade de San Francisco que abriga aproximadamente 8 milhões de pessoas. A população é etnicamente bem diversa, sendo que metade dos moradores da região é classificado como hispânico, asiático, afro-americano ou proveniente das ilhas do Pacífico. Precisamos falar dela para entender San Francisco pois há algumas atrações e times esportivos que, embora carreguem o nome da cidade, ficam localizados na “Grande San Francisco”, que é justamente o que chamamos de SF Bay Area. A área está dividida em sub-regiões, as quais são:

  • North Bay: É a região onde ficam as famosas regiões vinícolas de Napa Valley e Sonoma Valley, sendo Santa Rosa a maior cidade da região. Entre outras cidades estão: Vallejo, Fairfield, Vacaville, Napa, Petaluma, San Rafael e Novato. Os condados desta região incluem Napa County, Sonoma County, Solano County e Marin County.
  • East Bay: Abriga mais de 2,5 milhões de pessoas e é focada pelos Condados de Conta Costa e Alameda, incluindo as cidades de Alameda, Berkeley, Concord, Emeryville, Fremont, Pleasanton, Richmond, San Ramon, Walnut Creek, e Oakland, que é a maior cidade da East Bay e a terceira maior da Bay Area. Nesta região ficam a University of California, Berkeley, a sede mundial de grupos como a Chevron, Safeway, Kaiser Permanente, entre outros.
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Mapa da San Francisco Bay Area

COMO CHEGAR DO AEROPORTO AO CENTRO

O Aeroporto Internacional de San Francisco fica localizado a cerca de 20 km ao sul da cidade. Este é o maior aeroporto no norte da Califórnia e o segundo mais movimentado da costa oeste, depois do Aeroporto de Los Angeles. As principais formas de chegar até o centro são:

  • METRÔ (BART): O serviço tem 5 linhas, sendo que a Linha Amarela liga Antioch até o Aeroporto de San Francisco. As tarifas do BART variam conforme a distância percorrido em cada viagem.
  • TREMA empresa de trem Caltrain oferece um serviço entre San Francisco e a cidade de San Jose. A estação mais próxima do aeroporto é a Millbrae, localizada a 3 km ao sul do aeroporto.
  • ÔNIBUS: SamTrans é a empresa de ônibus que oferece um serviço 24 horas entre o aeroporto de San Francisco e o Condado de San Mateo e algumas partes de San Francisco. São 6 linhas de ônibus disponíveis sendo que uma delas leva os passageiros até a estação de trem e de metrô de Millbrae.
  • TRANSFER: Para quem está procurando um serviço de transferência privado, pode contar com um serviço porta-a-porta com um motorista profissional. Veja mais informações para uma opção de transferência para um grupo de até 4 pessoas.
  • CARRO ALUGADOAs empresas que estão disponíveis no aeroporto são Alamo, Avis, Budget, Dollar, Enterprise, Fox, Hertz, National e Thrifty. Fora do aeroporto você pode encontrar outras empresas como a Advantage, EZ Rental a Car, Payless, Silvercar, Sixt e Travelcar. Faça uma cotação aqui para verificar as melhores opções.
  • TÁXI / UBER: Considerando condições normais, o trajeto leva cerca de meia hora, mas pode variar dependendo do local que você pretende ir na cidade. Confira informações sobre as empresas que prestam serviços de táxi e tarifas neste link. Trata-se do Taxi2Aiport.com um serviço de táxi especializado em transporte de/para o aeroporto que está presente nas principais cidades do mundo.

Veja detalhes sobre o transporte entre a cidade e o aeroporto no post especial que escrevemos sobre o assunto. Nele, incluímos também dicas para quem chegar à região pelo Aeroporto de Oakland, na East Bay, e pelo Aeroporto de San Jose, no Vale do Silício.

Leia mais: Califórnia: Como ir do Aeroporto de San Francisco ao centro

Califórnia: Como ir do Aeroporto de San Francisco ao centro
Vista aérea do Aeroporto de San Francisco

COMO SE LOMOCOVER EM SAN FRANCISCO

O trânsito de San Francisco costuma ser bem travado e, por este motivo, recomendamos usar e abusar do transporte público sempre que possível. Outras opções são bicicleta e os serviços de aplicativos como Uber e o Lyft, que possui o mesmo conceito. Abaixo, veja as principais opções de transporte público disponíveis em San Francisco.

NÃO SE ESQUEÇA DE CONTRATAR O SEGURO VIAGEM!

É super recomendável contratar um seguro viagem antes de embarcar. Alguns lugares do mundo, o seguro é obrigatório, como é o caso da Europa. Não vale a pena fazer um rombo no orçamento caso algo inesperado aconteça. O seguro cobre cancelamentos de voos, malas extraviadas, emergências médicas e muitas coisas que podem dar uma dor de cabeça danada se você não se planejar com antecedência. Nosso parceiro é o Seguros Promo que possui uma ferramenta bem inteligente de comparação de preços de seguros, trazendo as melhores opções disponíveis em cada caso. Faça uma cotação sem compromisso neste link. E não se esqueça de utilizar o código VIAJONARIOS5 para garantir 5% de desconto na compra do seu seguro!


1. CABLE CAR (BODINHO)

Os bondinhos de San Francisco são uma das características mais marcantes da cidade. Este é o último sistema do mundo ainda operado manualmente! Entre os anos 1873 e 1890 foram criadas 23 linhas de Cable car, mas apenas 3 delas continuam em funcionamento. A grande maioria dos 7 milhões de usuários anuais são turistas, já que o bondinho está longe de ser uma opção eficiente de transporte. O preço é de US$ 7 (veja detalhes aqui). As linhas disponíveis são as seguintes:

  • Powell-Mason: Esta linha (verde no mapa abaixo) compartilha os trilhos com a linha Powell-Hyde até a Mason Street, quando atravessa as ruas Washington e Jackson. Tal como acontece com o Powell-Hyde, é preciso virar os bondinhos manualmente quando chegam ao final dos trilhos. Esta linha também é muito usada pelos turistas, mas também por alguns locais.
  • Powell-Hyde: A linha (vermelha no mapa abaixo) segue para o norte e a subida é íngrime a partir da Market Street, antes de cruzar a linha California Street no alto da colina. Esta linha é muito utilizada pelos turistas e muitas vezes tem longas filas.
  • California Street: Os bondinhos desta linha (azul no mapa abaixo) usam carros de dois batentes com alavancas de empuxo em cada extremidade dos carros mais longos, que são operados em cada direção, sem que os carros sejam virados nas extremidades da linha. Esta linha é usada mais por quem mora e/ou trabalha em San Francisco.
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Mapa das linhas de Cable Car. Figura: site Cable Car Museum

Existe, inclusive um museu dedicado à história dos bondinhos, o Cable Car Museum (Endereço: 1201 Mason St, San Francisco, CA 94108 | Horários: diariamente de 10h às 18h entre os meses de abril a outubro e de 10h às 17h de novembro a março | Entrada: gratuita).

Leia mais: Califórnia: Como andar de bondinho em San Francisco

Califórnia: Como andar de bondinho em San Francisco
Powell-Hyde, a linha de bondinho imperdível

2. METRÔ

O metrô de San Francisco pode ser um pouco confuso no início, principalmente pelo fato de ser operado por duas empresas distintas: BART e MUNI. As duas empresas dividem 4 estações no centro da cidade: Civic Center, Powell, Montegomery e Embarcadero, as quais são atendidas pelas linhas vermelha, amarela, azul e verde.

> BART

BART é a sigla para Bay Area Rapid Transport (Transporte Rápido da Área da Baía) possui 5 linhas que conectam o centro San Francisco a outras regiões mais afastadas e até de outras cidades na Bay Area. O horário de funcionamento é de 4h da manhã à meia-noite de segunda a sexta, de 6h à meia-noite aos sábados e de 8h à meia-noite aos domingos. Os trens chegam a cada 15 ou 20 minutos. Veja a tabela de horários neste link. As tarifas do BART variam conforme a distância percorrida em cada viagem. Dependendo do trajeto, uma viagem pode custar entre $2,50 e $12,90. Clique aqui para acessar a calculadora de tarifas. Abaixo, confira as linhas que fazem parte do sistema do BART:

  • Linha Amarela: Liga o Aeroporto de San Francisco à cidade de Antioch em East Bay.
  • Linha Vermelha: Liga a cidade de Richmond, passando pelo centro de San Francisco, chegando até Daly City/Millbrae.
  • Linha Verde: Esta linha liga a cidade de Fremont, em East Bay, a Daly City.
  • Linha Azul: Liga Daly City às cidades de Dublin/Pleasanton.
  • Linha Laranja: Esta linha não passa pelo centro de San Francisco, ficando inteiramente na East Bay e ligando as cidades de Richmond e Warm Springs/South Fremont.
Califórnia: Como ir do Aeroporto de San Francisco ao centro
Mapa das linhas do metrô. Figura: site oficial do BART

> MUNI

A rede MUNI (San Francisco Municipal Railway) funciona exclusivamente no centro da cidade de San Francisco. Há tanto estações subterrâneas quanto na superfície. Há 6 linhas normais e uma Linha Especial (S) que opera em horário de pico. Para quem olha o mapa, a impressão que dá é que as linhas são exatamente iguais. Porém, embora tenham o mesmo destino, todas elas fazem percursos diferentes entre si. A frequência é  a cada 7 a 10 minutos e o horário de operação varia dependendo da estação, mas é geralmente de 5h da manhã a 1h da manhã do dia seguinte. Na madrugada, ônibus noturnos operam para cobrir o trajeto com as Linhas L e N. O preço é de US$ 2,50 e o ticket é válido por 90 minutos. Confira as linhas que fazem parte do sistema MUNI:

  • Linha J (laranja): Embarcadero – Balboa Park
  • Linha K (azul clara): Embarcadero – Balboa Park
  • Linha L (roxa): Embarcadero – Zoo de San Francisco
  • Linha M (verde): Embarcadero – Balboa Park
  • Linha N (azul escura): Caltrain Depot – Ocean Beach
  • Linha T (vermelha): West Portal – Bayshore and Sunnydale
  • Linha S (amarela): Embarcadero – Castro Street
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Mapa das linhas do MUNI. Figura: site oficial

3. TREM

Caltrain é o serviço de trem que liga San Francisco até a região do Vale do Silício, passando próximo do Aeroporto de San Francisco. O trem é uma das maneiras mais convenientes de chegar até a Universidade de Stanford, o SAP Center, onde são sediados os jogos do time de hóquei San Jose Sharks e diversos outros eventos, o Levi’s Stadium, estádio do time de futebol americano San Francisco 49ers e muitos outros locais importantes da região. As tarifas variam conforme a distância indo de US$ 3.75 a US$ 15. Confira os horários neste link e o mapa do sistema aqui.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Caltrain. Foto: divulgação

DICA DE ECONOMIA: CARTÕES DE ATIVIDADES

San Francisco não é uma cidade barata. Se você pretende conhecer várias atrações que possuem entrada paga, a dica é adquirir um dos cartões de atividades que incluem entradas em várias atrações com um precinho bem abaixo do que se você fosse comprar na bilheteria individualmente. Conheça 7 das principais opções:

Califórnia: Como ir do Aeroporto de San Francisco ao centro
Go San Francisco Card. Figura: divulgação GYG

Com este cartão você economiza até 60% em 28 das principais atrações e excursões da cidade, incluindo o ônibus hop-on hop-off! Além disso, com o cartão você ainda tem descontos adicionais e ofertas especiais em lojas, restaurantes e outros estabelecimentos! O cartão está disponível nas versões de 1, 2, 3 ou 5 dias. Veja neste link quais atrações estão inclusas e aproveite para comprar o seu cartão! Preço: a partir de US$ 78

Califórnia: O que fazer em San Francisco
San Francisco CityPass. Figura: divulgação

Este passe inclui ingressos para atrações mundialmente famosas e muitos descontos! O passe inclui: 3 dias de transporte ilimitado de Cable Car e Muni, ingresso para a California Academy of Sciences, ingresso para cruzeiro de barco pela baía, acesso ao Aquário de San Francisco e ticket para entrar ou no museu Exploratorium o no San Francisco Museum of Modern Art. Veja todas as informações sobre o passe neste linkPreço: a partir de US$ 94

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Mega Pass

Este passe inclui 3, 4 ou 5 opções entre mais de 20 tours e atrações em San Francisco. O passe tem validade de 7 dias e você tem a liberdade de criar o seu próprio roteiro. Veja todas as informações neste linkPreço: a partir de US$ 79,99

Califórnia: O que fazer em San Francisco
San Francisco Sightseeing Pass. Foto: divulgação

 Escolha 2, 3, 4, 5 ou 6 atrações e visite-as no seu próprio ritmo durante um período de 30 dias. Existem mais de 20 atrações para escolher. Veja mais informações neste linkPreço: a partir de US$ 54

Califórnia: O que fazer em San Francisco
San Francisco Wharf Pass. Figura: divulgação

Ingresso para cinco atrações icônicas na região de Fisherman’s Wharf, incluindo o Aquário, o museu de cera Madame Tussauds, 7D Experience, The San Francisco Dungeon e um Cruzeiro pela baía. Preço: a partir de US$ 90

Califórnia: O que fazer em San Francisco
iVenture Card. Figura: divulgação

Faça passeios imperdíveis, conheça atrações e curta cruzeiros diurnos em San Francisco por um preço bem mais baixo! O cartão inclui um bilhete Hop-On Hop-Off de 48 horas e 2 ou 4 atrações entre diversas à sua escolha. Confira detalhes nas versões de 3 dias ou 5 dias. Preço: a partir de US$ 65

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Muitas atrações no Pier 39

O Pier 39 é repleto de atrações e se você está programando visitar muitas delas, o passe é a melhor opção para economizar! O passe inclui entrada para o Aquário, cruzeiro pela baía, experiência 7D, bilhete de 48 horas para o ônibus Hop-On Hop-Off, entrada para o Labirinto do Espelho Infinito Magowan e descontos e cupons do Pier 39. Veja todas as informações neste link. Preço: a partir de US$ 90,95

SAN FRANCISCO

O QUE FAZER EM SAN FRANCISCO

Chegou a hora de falarmos sobre o nosso roteirinho em San Francisco. Todas as atrações mencionadas neste post foram colocadas no mapa interativo abaixo. A ideia é facilitar a sua vida na hora de programar a viagem. Além do roteiro de 5 dias, incluímos dicas de restaurantes e locais de compras, linha dos bondinhos, como se deslocar pela cidade, como ir do aeroporto ao centro, opções de esportes na Bay Area e diversas sugestões de passeios nos arredores de San Francisco, caso você tenha disponibilidade.

Nós nos hospedamos no hotel Marines’ Memorial Club & Hotel Union Square (leia sobre a nossa experiência aqui) bem pertinho da Union Square e começamos o dia pegando o bondinho Powel/Hyde Street (linha vermelha no mapa). Foi uma boa pedida para começar as nossas andanças por San Francisco e recomendamos muito! A primeira parada, foi a sinuosa Lombard Street. Em seguida, falaremos mais sobre nosso roteiro com todos os detalhes.

DIA 1: FISHERMAN’S WHARF + PIER 39 + NORTH BEACH + ALCATRAZ

1. LOMBARD STREET

Lombard Street é uma das ruas mais famosas de San Francisco. Isso é devido ao seu formato sinuoso da rua em uma área muito íngrime, que se  estende por um bloco com oito curvas muito fechadas. A famosa área, que diz a ser “a rua mais tortuosa do mundo”, está localizada ao longo do segmento leste do bairro da Russian Hill.

O local se tornou uma grande atração turística, recebendo cerca de dois milhões de visitantes por ano! Essa parte da rua foi construída em 1922 com o objetivo de reduzir o declive natural de 27 graus, considerada muito íngrime para o trânsito de veículos. O bloco tem cerca 180 metros de comprimento, é de sentido único (descida) e é pavimentado com tijolos vermelhos. O sinal no topo recomenda uma velocidade máxima de 5 mph (8 km/h).

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Em frente ao quarteirão sinuoso da Lombard Street

2. GHIRARDELLI SQUARE

Depois de conhecer a Lombard Street, siga a pé ate a região dos Píers (e descida, então não vai ser cansativo). Aproveite para conhecer a famosa Ghirardelli Square, uma praça pública com lojinhas e restaurantes e um hotel. O nome da praça remonta a 1893, quando Domenico Ghirardelli comprou todo esse quarteirão para construir a fábrica de chocolate Ghirardelli Chocolate Company, uma das marcas registradas de San Francisco. A fábrica foi comprada pela empresa Golden Grain Macaroni Company nos anos 1960 e a sede foi transferida para a cidade de San Leandro.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Ghirardelli Square

Assim, decidiu-se transformar o espaço da antiga fábrica em um complexo integrado de lojas de varejo e restaurantes ao redor da praça, entendo os elementos arquitetônicos existentes. Os andares inferiores da Torre do Relógio abrigam agora a principal loja de chocolates da Ghirardelli Square. Em 2008, parte do antigo edifício da torre do relógio foi inaugurado como hotel 5 estrelas Fairmont Heritage Place. Durante o final do ano, a praça abriga uma famosa árvore de Natal.

3. HYDE STREET PIER

O Hyde Street Pier é um pier histórico que, antes da inauguração da Ponte Golden Gate, era o principal terminal de ferry que ligava San Francisco ao Condado de Marin, onde fica Sausalito, do outro lado da ponte Golden Gate, bem como de cidades da East Bay, como Berkeley. Atualmente, o píer é um local histórico onde fica o Museu Marítimo de San Francisco (Endereço: 900 Beach St, San Francisco, CA 94109 | Horários: diariamente de 10h às 16h | Entrada: US$ 15 – válido por 7 dias). Além disso, vários navios históricos estão ancorados no cais, alguns disponíveis para passeios autoguiados ou guiados por instrutores. As embarcações são: Balclutha (1886), C. A. Thayer (1895), Eureka(1890), Alma (1891), Hercules (1907), Eppleton Hall (1914), e Bay Ark (1890).

  • Endereço: 2905 Hyde Street, San Francisco, CA 9410, EUA
  • Horários: duramente de 9h30 às 17h
  • Entrada: US$ 15 – válido por 7 dias (inclui entrada nos navios)

4. FISHERMAN’S WHARF

Fisherman’s Wharf é um bairro super famoso em San Francisco que se tornou uma de suas principais atrações turísticas. O bairro incluiu tudo o que falamos até agora, desde a Ghirardelli Square até a área do Pier 39, que falaremos em breve. O nome do bairro remonta os primórdios da cidade em 1800, quando os pescadores imigrantes italianos chegaram à cidade pela baía para aproveitar o fluxo de população devido à corrida do ouro.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
A grande placa que indica a região de Fisherman’s Wharf

A maioria dos pescadores imigrantes italianos se instalou na área de North Beach, perto do cais, e pescava os frutos do mar locais e também famoso caranguejo gigante de Dungeness. Desde então, é a base da frota pesqueira de San Francisco. A área foi amplamente revitalizada em 2010 e se tornou um espaço muito agradável, com atrações para todas as idades. Aproveite para tirar uma foto com o enorme letreiro que fica nessa área e admirar os frutos do mar que ficam expostos nas calçadas enquanto você caminha.

  • Dica de economia: San Francisco Fisherman’s Wharf Pass – Ingresso para cinco atrações icônicas na região de Fisherman’s Wharf, incluindo o Aquário, o museu de cera Madame Tussauds, 7D Experience, The San Francisco Dungeon e um Cruzeiro pela baía. Preço: a partir de US$ 90

5. MUSEUS

Na região de Fisherman’s Wharf, há uma série de museus para todos os gostos de idades. Confira as principais atrações que encontrará por lá:

  • MUSÉE MÉCANIQUE: Abriga uma das maiores coleções privadas do mundo de instrumentos musicais mecânicos operados por moedas e antigas máquinas de jogos arcade originais com os quais é possível jogar. (Endereço: Pier 45, Fisherman’s Wharf, San Francisco, CA 94133 | Horários: diariamente de 10h às 20h | Entrada: gratuita)
  • USS PAMPANITO: Antigo submarino que serviu como forma de patrulhar o oceano durante a Segunda Guerra Mundial e como navio de treinamento entre os anos de 1960 e 1971. Atualmente, está aberto como um museu. (Endereço: Pier 45, Fisherman’s Wharf, San Francisco, CA 94133 | Horários: de domingo a quinta de 9h às 18h / sexta e sábado de 9h às 20h | Entrada: US$ 20)
Califórnia: O que fazer em San Francisco
USS Pampanito
  • RIPLEY’S BELIEVE IT OR NOT!É uma rede de museus que expõem fatos e itens curiosos, estranhos ou pouco usuais. (Endereço: 175 Jefferson St, San Francisco, CA 94133 | Horários: de domingo a quinta de 10h às 21h / sexta e sábado de 10h às 22h | Entrada: a partir de US$ 23)
  • MUSEU DE CERA MADAME TUSSAUDS:  É uma rede de museus com estátuas de personalidades feitas de cera. Entre as estátuas na unidade de San Francisco estão: as cantoras Taylor Swift e Katy Perry, o ator Robin Williams, o astro da NBA Stephen Curry, os ex-presidentes Barack Obama e Abraham Lincoln, os empreendedores Steve Jobs e Mark Zuckerberg, entre muitos outros. (Endereço: 145 Jefferson St, San Francisco, CA 94133 | Horários: de segunda a quinta de 10h às 19h / de sexta a domingo de 10h às 20h | Entrada: a partir de US$ 20)

6. PIER 39

Aberto em 1978, o Pier 39 é um centro comercial e atração turística popular construído em um cais em San Francisco. No Pier 39 há lojas, restaurantes, performances de artistas de rua, um aquário, experiência 7D, pontos de vista de leões marinhos, entre outras atrações. Um carrossel de dois andares é uma das características mais dominantes do píer. O entretenimento familiar e presença de mamíferos marinhos fazem deste um local turístico popular para famílias com crianças.

  • Endereço:  Entre as ruas Beach Street e The Embarcadero, San Francisco, CA 94133
  • Horários: diariamente de 10h às 23h (horário das atrações e restaurantes varia)
  • Dica de economia: Pier 39 Attraction Pass – Inclui entrada para o Aquário, cruzeiro pela baía, experiência 7D, bilhete de 48 horas para o ônibus Hop-On Hop-Off, entrada para o Labirinto do Espelho Infinito Magowan e descontos e cupons do Pier 39.

Leia mais: San Francisco: O que fazer no Pier 39

Califórnia: O que fazer em San Francisco
O famoso Pier 39 em San Francisco está repleto de atrações
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Leões marinhos no Pier 39

7. LEVI’S PLAZA

A Levi’s Plaza é a praça onde está localizado um complexo de escritórios onde fica a sede mundial da famosa empresa de jeans Levi Strauss & Co, popularmente conhecida como Levi’s (fala-se “Liváis” em inglês). A construção de mais de 70 mil m² começou em 1979 e foi concluída em 1981. Ali ao lado fica um charmosa pracinha com cerejeiras, árvores retorcidas, uma fonte e deliciosos bancos para sentar e relaxar depois de muitas caminhadas pelas ladeiras de San Francisco.

  • Endereço: 1155 Battery St, San Francisco, CA 94111
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Levi’s Plaza

8. FILBERT STEPS E GREENWICH STEPS

Filbert Steps e Greenwich Steps são dois conjuntos de escadarias que levam até o topo da Telegraph Hill, uma das principais colinas de San Francisco. Subir por elas, é um passeio um pouco cansativo, mas delicioso, porque há possibilidade de passar por jardins bem cuidados ao longo do caminho e admirar lindas vistas da baía de San Francisco.

  • Filbert Steps: É uma das mais famosas escadarias de San Francisco. A seção mais baixa é de concreto e aço serpenteia ao lado de um penhasco que dá lugar a uma ampla escadaria de concreto. Ao chegar à Montgomery Street, os degraus atravessam o meio com uma escadaria curta. A parte superior é quase reta, passando por uma série de jardins. As escadas são impressionantes para o seu comprimento, suas maravilhosas vistas de San Francisco, os jardins bem cuidados de ambos os lados, e os belos edifícios art déco ao longo do caminho. (Endereço: 202 Filbert St, San Francisco, CA 94133)
  • Greenwich Steps: A parte superior das escadas é construída em tijolo vermelho e percorre uma distância significativa até a borda do Pioneer Park. Um pouco mais abaixo na encosta, as escadas se alargam enquanto se movem para uma área residencial de jardins e casas bem cuidadas. (Endereço: 231 Greenwich St, San Francisco, CA 94133)

9. COIT TOWER

Após subir por uma das duas escadarias mencionadas anteriormente, chega-se até a área onde está a Coit Tower, uma torre de 64 metros de altura que fica no topo da Telegraph Hill. A torre está aberta à visitação e oferece lindas vistas da cidade e da baía de San Francisco, incluindo atrações como a Lombard Street, Twin Peaks, Pier 39, os prédios altos do Financial District, Ferry Building, Angel Island, Alcatraz, Treasure Island e do Pioneer Park, que também fica no alto da colina.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Coit Tower

A Coit Tower foi construída em 1933 a pedido de Lillie Hitchcock Coit. Seu interior apresenta murais pintados por 25 artistas diferentes. Também conhecida como a Coit Memorial Tower, foi dedicada aos bombeiros voluntários que morreram nos cinco grandes incêndios de San Francisco. O deck de observação fica a 9,8 m abaixo do topo, com uma arcada e clarabóias acima dele. Uma rotunda na base possui um espaço de exibições e uma loja de presentes.

  • Endereço: 1 Telegraph Hill Blvd, San Francisco, CA 94133, EUA
  • Horários: de abril a outubro diariamente de 10h às 18h | de novembro a março diariamente de 10h às 17h
  • Entrada: US$ 9
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Um dos murais da Coit Tower

10. ALCATRAZ

A ilha de Alcatraz, conhecida também como “The Rock” (A Rocha) é uma famosa ilha localizada na baía de San Francisco, a aproximadamente 2,5 km da cidade, e é conhecida por ter sido uma prisão de segurança máxima. No entanto, entre 1850 e 1930, Alcatraz foi uma base militar. Na década de 30 ela foi comprada pelo Departamento de Justiça dos EUA, transformando-a em prisão federal por quase 30 anos. Lá estiveram alguns dos maiores criminosos da época, como Al Capone. Dizia-se que era impossível fugir de Alcatraz pela extrema segurança e pela impossibilidade de fuga a nado, devido às águas geladas da baía de San Francisco. Em 1963, ela foi fechada porque, segundo o governo, os custos de manutenção eram elevados e já existiam prisões federais mais modernas e eficientes. Atualmente, ela funciona como um museu e há vários tipos de tour para visitá-la.

  • Endereço: Prisão Federal Alcatraz, San Francisco, CA 94133, EUA
  • Horários: A partir de 8h45 da manhã | Todos os tours têm horário marcado
  • Preços: a partir de US$ 39.90

Leia mais: San Francisco: Tipos de tours e dicas para visitar Alcatraz

Califórnia: O que fazer em San Francisco
A ilha de Alcatraz

Tours guiados que incluem Alcatraz:

DIA 2: UNION SQUARE + CHINATOWN + EMBARCADERO

1. UNION SQUARE

Não é exagero dizer que a Union Square é o coração de San Francisco. A praça tem pouco mais de 1 hectare e fica rodeada pelas ruas Geary, Powell, Post e Stockton. A praça possui um shopping center, muito famoso, onde ficam uma série de lojas de departamento (Neiman Marcus, Macy’s Saks Fifith Avenue, Barneys) e de luxo e restaurantes, incluindo uma unidade do The Cheesecake Factory. O Monumento Dewey está localizado no centro da Union Square e possui 26 metros de altura. É uma estátua da Nike, a antiga deusa grega da vitória.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Union Square

O nome da praça é uma homenagem ao Almirante George Dewey, um heróis da Guerra Hispano-Americana, em 1898. Em 2009, foram instaladas esculturas de coração pintadas da instalação  “Hearts in San Francisco” em cada um dos quatro cantos da praça. Uma atração que fica pertinho da praça e pode ser uma boa pedida para a criançada é o Museum of Ice Cream (Museu do Sorvete).

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Um dos corações da Union Square
Tour guiado na Union Square:

2. MUSEU DE ARTE MODERNA DE SAN FRANCISCO

O San Francisco Museum of Modern Art (SFMOMA) é uém museu de arte moderna, inaugurado em 1935, que se tornou o primeiro museu da costa oeste dos Estados Unidos voltado somente à coleções de arte do século XX em diante. Atualmente, o museu tem uma coleção que inclui mais de 33 mil obras que incluem pinturas, esculturas, fotografia, arquitetura, design e arquivos de mídia. O museu foi reformado e reabriu em 2016 em uma espaço de mais de 16 mil m², tornado-se um dos maiores museus do mundo de arte moderna e contemporânea.

  • Endereço: 151 3rd St, San Francisco, CA 94103, EUA
  • Horários: de sexta a terça de 10h às 17h / quinta de 10h às 21h / fechado às quartas
  • Entrada: US$ 25 – compre online neste link e evite filas
Califórnia: O que fazer em San Francisco
San Francisco MOMA. Foto: divulgação

3. YERBA BUENA GARDENS

Inaugurados em 1993 e 1998, Yerba Buena Gardens compreende dois blocos de parques públicos no centro de San Francisco. Eles ficam localizados entre a Third Street e Fourth Stree com a Mission Street e Folsom Street. Há uma ponte de pedestre sobre a Howard Street que liga os dois blocos, no topo do Centro de Convenções Moscone Center. O local conta com uma cachoeira, o Yerba Buena Center for Arts, um centro de arte contemporânea, o Children’s Creativity Museum (Zeum) e um centro de boliche e pista de patinação no gelo que é montada durante o inverno. Uma curiosidade é que Yerba Buena era o nome da cidade no território mexicano de Alta Califórnia que se tornou a cidade de San Francisco, depois de ser tomado pelos Estados Unidos em 1846.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Yerba Buena Gardens Convservancy. Foto: ybcbd.org

4. CHINATOWN

Estabelecido em 1848, o bairro de Chinatown em San Francisco é o bairro chinês mais antigo da América do Norte e o maior enclave chinês fora da Ásia. O bairro procura manter os costumes, idiomas e tradições dos antepassados para manter a sua identidade. Devido à sua localização muito central em San Francisco, é um local bastante visitado na cidade. Grandes festividades acontecem no bairro durante o Ano Novo Chinês (varia entre final de janeiro e meados de fevereiro). Entre os principais destaques do bairro estão:

  • Dragon’s Gate: Construído em 1970, é um portão chinês localizado no cruzamento da Bush Street e Grant Avenue que é uma das principais áreas de Chinatown. Endereço: Bush St, Grant Ave, San Francisco, CA 94108
  • St Mary’s Square: Uma praça onde fica a estátua do Dr. Sun Yat-sen, um antigo estadista, político e líder revolucionário chinês, pioneiro da China republicada e conhecido como o “Pai da Nação”. Endereço: 601 California St, San Francisco, CA 94108
  • Chinese Historical Society of America Museum: Aqui fica o maior e mais antigo centro histórico de documentação dos chineses americanos nos Estados Unidos. O museu exibe um conjunto de 12 pinturas Num Shan de Jake Lee e uma exposição permanente do grande mural Cem Anos: História dos Chineses na América, de James Leon. Endereço: 965 Clay St, San Francisco, CA 94108 | Horários: de quarta a domingo de 11hàs  16h | Entrada: US$ 15
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Nas ruas de Chinatown
  • Tin How Temple: Fundado em 1852, é o mais antigo templo taoístas existente em Chinatown e um dos mais antigos que ainda operam nos Estados Unidos. Tin How é o nome da deusa chinesa do mar. Endereço: 125 Waverly Pl, San Francisco, CA 94108 | Horários: diariamente de 10h às 16h | Entrada: gratuita
  • Golden Gate Fortune Cookie Factory: Você sabia que o biscoito da sorte é uma invenção de San Francisco? Sim, ele foi inventado na Chinatown da cidade! Desde 1962, a lendária Golden Gate Fortune Cookie Factory tem produzido biscoitos da sorte feitos à mão. No local, você pode comprar biscoitos e também fazer um tour na fábrica que produz até 10 mil biscoitos por dia! Endereço: 56 Ross Alley, San Francisco, CA 94108 | Horários: de segunda a sexta de 9h às 18h30 / sábado e domingo de 9h às 19h
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Fábrica de biscoito da sorte. Foto: site oficial
Opção de tour guiado em Chinatown:

5. CABLE CAR MUSEUM

O Cable Car Museum (Museu do Bondinho) foi criado em 1974 e fica localizado no galpão e casa de força Washington/Mason. O museu consiste em um deck em que é possível observar os motores e engenhocas que puxam os cabos dos bondinhos. Embaixo, há uma área de visualização das grandes roldanas e cabos que entram no perdoo através de um canal sob a rua. Em exibição estão vários dispositivos mecânicos, como garras, trilhos, cabos, mecanismos de freio, ferramentas, maquetes detalhadas e uma grande coleção de fotografias históricas. O museu ainda abriga três teleféricos antigos da década de 1870. A loja do museu oferece uma variedade de memorabilia de teleféricos, livros, roupas, cartões e até sinos genuínos de teleféricos.

  • Endereço: 1201 Mason St, San Francisco, CA 94108
  • Horários: de abril a outubro diariamente de 10h às 18h | de novembro a março de 10h às 17h
  • Entrada: gratuita
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Cable Car Museum. Foto: divulgação

6. GRACE CATHEDRAL

Grace Cathedral é uma igreja episcopal localizada no bairro de Nob Hill, ao lado de Chinatown. A primeira paróquia anterior à catedral foi construída em 1849, durante a Corrida do Ouro na Califórnia. Em 1862, uma nova igreja foi construída em tamanho maior para abrigar o número crescente de fieis. Membros proeminentes da sociedade de San Francisco se juntaram à paróquia da igreja, incluindo Leland Stanford, fundador da renomada Universidade de Stanford, no Vale do Silício. No entanto, em 1906, o prédio foi destruído após o terremoto seguido por um incêndio. A igreja que vemos hoje é um terceiro edifício, consagrado em 1964. Em 1965, a Grace Cathedral foi palco de um sermão de Martin Luther King, que reuniu cerca de 5 mil pessoas. A igreja atual é famosa por seus mosaicos, uma réplica dos “Portões do Paraíso” de Ghiberti, dois labirintos no solo, uma grande variedade de vitrais, mobiliário medieval e contemporâneo, 44 sinos, 3 órgãos e seu bonito coro.

  • Endereço: 1100 California St, San Francisco, CA 94108, EUA
  • Horários: diariamente de 8h às 18h (abre às 7h às quintas-feiras)
  • Entrada: gratuita
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Grace Cathedral. Foto: site oficial

7. VALLEJO STREET STAIRWAY

A Vallejo Street Stairway está entre as mais belas escadarias de San Francisco. Ela fica localizada aos pés do Telegraph Hill e possui jardins ao seu redor. Na verdade, a Vallejo Street Stairway consiste em três escadas separadas que funcionam aproximadamente paralelas umas às outras. A escada central é a mais larga e passeia pelos jardins circundantes. Duas escadarias menores correm ao lado dos jardins, subindo a colina. As escadas menores são consideravelmente mais estreitas e íngremes do que as escadas centrais. Três terraços separados oferecem uma excelente vista da Bay Bridge, Treasure Island e Oakland.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Vallejo Street Stairway com vista para a Bay Bridge

8. FERRY BUILDING

O Ferry Building, como o próprio nome diz, é um terminal onde onde saem ferries (balsas) para toda a baía de San Francisco, além de ser um mercadão de comidas e escritório. Ele fica localizado na região da Embarcadero, uma região a beira-mar a leste da península de San Francisco. Concluído em 1898, o prédio foi projetado em estilo belas artes e possui uma torre de relógio de 75 metros de altura. Como o uso de ferries foi diminuindo ao longo das décadas devido ao surgimento de outros tipos de transporte, o edifícios foi convertendo seus espaços internos para outros fins. Em 2002, ele passou por uma ampla restauração, criando um mercado no piso térreo, na área que no passado era usada para manuseio de bagagem. O segundo e terceiro andares foram adaptados para uso de escritórios dos portos. Entre os principais destaques estão:

  • Endereço: One, Ferry Building, San Francisco, CA 94111, EUA
  • Horários: de segunda a sexta de 10h às 19h / sábado de 8h as 18h / domingo de 11h às 17h

Califórnia: 12 equívocos sobre San Francisco

9. PIER 7

Este píer é uma gracinha para quem quer ter lindas vistas da Bay Bridge e dos prédios do centro financeiro de San Francisco, como os dois maiores edifícios da cidade: o Transamerica Pyramid (em forma de pirâmide com 260 metros de altura) e o futurista Salesforce Tower, com mais de 326 metros de altura. Parece um cenário de filme, com um chão charmoso de madeira, postes de luz e bancos para sentar e relaxar depois de uma longa caminhada. Como pertinho ficam várias opções gostosas de restaurantes, é uma boa desculpa para dar uma passadinha mesmo que rápida.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Pier 7
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Vista para o Financial District

10. EXPLORATORIUM

Exploratorium é um museu localizado no Pier 15 que permite que os visitantes explorem o mundo através da ciência, arte e percepção humana. A missão do museu é criar uma experiências baseadas em questionamentos que façam o aprendizado ser algo divertido. O Exploratorium oferece aos visitantes uma variedade de formas, incluindo exposições, webcasts, sites e eventos, para explorar e entender o mundo ao seu redor. O museu possui mais de 600 exposições. Os espaços internos e externos são divididos em seis galerias, cada uma destacando um grupo de conteúdo específico. Com exceção de algumas instalações de arte, todas as exposições são desenvolvidas e feitas no local. As exposições cobrem uma variedade de áreas, incluindo a percepção humana, ciências da vida, fenômenos físicos, ambiente local e o comportamento humano.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
O museu interativo Exploratorium

DIA 3: PRESIDIO + PONTE GOLDEN GATE + SAUSALITO

1. PALACE OF FINE ARTS

O Palace of Fine Art é uma estrutura incrível construída originalmente para a Exposição Panamá-Pacífico de 1915 com o objetivo de exibir obras de arte. No entanto, pouco ainda resta dos edifícios originais. Em 1965, a área foi renovada com a inclusão de um lago e de calçadas. O local é muito utilizado para fotos de casamento, devido à sua arquitetura incrível e pelo fato de ser um lugar muito bonito e agradável.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Palace of Fine Arts

BÔNUS!

Pertinho do Palace of Fine Arts fica o Lucasfilm, estúdio de George Lucas, famoso pelos filmes Star Wars (Guerra nas Estrelas). Você não vai conseguir fazer um tour, mas verá uma linda fonte com o querido personagem Mestre Yoda do Star Wars logo na entrada. Na recepção, alguns dos figurinos do Star Wars como o famoso Darth Vader e muitos prêmios conquistados pelo diretor estão exibidos no local. Endereço: 1110 Gorgas Ave, San Francisco, CA 94129

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Detalhe da fonte com o Mestre Yoda na entrada do Lucasfilm
Califórnia: O que fazer em San Francisco
O lado negro da força de Darth Vader

2. THE WALT DISNEY FAMILY MUSEUM

Inaugurado em 2009, o The Walt Disney Family Museum é um museu que mostra a vida e o legado de Walt Disney, cartunista, empreendedor, produtor e co-fundador da Walt Disney Company, junto com o seu irmão Roy O. Disney. O museu está localizado na região do The Presídio em San Francisco, fazendo parte da Golden Gate National Recreation Area. A exposição permanente do museu é dividida em 10 partes, desde o nascimento de Walter Elias Disney, mais conhecido por Walt Disney, em 1901 em Chicago, a mudança de sua família para o estado do Missouri, e toda a trajetória de sua carreira, vida pessoal até a sua morte em 1966, na Califórnia. Uma curiosidade é que a maquete perfeita da Disneyland, o primeiro parque de diversões da Disney, localizado em Anaheim, na Califórnia, pertinho de Los Angeles.

  • Endereço: 104 Montgomery St, The Presidio, San Francisco, CA 94129
  • Horários: de quarta a segunda de 10h às 18h (fechado às terças-feiras)
  • Entrada: US$ 25 – compre tickets antecipadamente através deste link

Leia mais: San Francisco: Museu da Família Disney

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Walt Disney Family Museum. Foto: divulgação

3. CRISSY FIELD

Um dos melhores lugares de San Francisco para tirar uma foto do cartão postal da cidade, a Ponte Golden Gate, é com certeza a região de Crissy Field. Crissy Field é faz parte da costa da região de Presidio, ao noroeste de San Francisco. A infra-estrutura deste lugar é ótima com trilhas para bicicleta e pedestres, banheiros, estacionamento, áreas de piquenique, dois cafés e uma livraria. O local é muito procurado para prática de caiaque e vela, já que venta muito. Siga até a região do Centro de Visitantes da Ponte Golden Gate para conhecer um pouco mais sobre a construção da ponte em uma exposição a céu aberto e aproveite para visitar gratuitamente o Fort Point, um antigo forte militar que fica embaixo da Ponte Golden Gate. Cães são permitidos se estiverem na guia.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Essa região é fantástica para ter uma vista ampla da Ponte Golden Gate

4. BAKER BEACH

É, provavelmente, a praia mais popular de San Francisco e costuma ficar cheia nos dias quentes de verão. Nem pense em nadar ou surfar nesta praia porque o mar é gelado e muito perigoso. As melhores opções para curtir a Baker Beach são fazer um piquenique, caminhar pela areia, pescar e observar a vida selvagem (leões marinhos estão sempre por lá). A estrutura disponível é muito boa com estacionamento, banheiros, mesas para piquenique e trilhas para caminhada. Cães são permitidos na guia.

Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
A Ponte Golden Gate vista da Baker Beach

5. FORT POINT NATIONAL HISTORIC SITE

O Fort Point é uma fortificação, cuja construção teve início em 1853 e foi concluída pouco antes da Guerra Civil Americana (1861-1865) pelo Exército dos Estados Unidos, para defender a baía de San Francisco de navios de guerra. O Fort Point fica bem embaixo da Ponte Golden Gate, que foi construída bem depois do forte (1933). Além de aprender um pouco sobre a história do local, o Fort Point proporciona uma vista totalmente diferente da Ponte Golden Gate. Ele continuou sendo utilizado ao longo das quatro décadas seguintes como quartel para treinamento e armazenamento.

  • Endereço: Marine Dr, San Francisco, CA 94129
  • Horários: de quinta a terça de 10h às 17h
  • Entrada: gratuita

Leia mais: Fort Point: o Forte sob a Ponte Golden Gate

6. PONTE GOLDEN GATE

A Ponte Golden Gate é uma ponte suspensa que fica localizada no estreito Golden Gate, um canal de 1,6 km de largura por 4,8 km de comprimento que liga a baía de San Francisco ao Oceano Pacífico. Esta imensa estrutura liga a cidade de San Francisco ao norte do estado da Califórnia, através da cidade de Sausalito, que fica do outro lado da Ponte Golden Gate. Ela foi inaugurada em 27 de maio de 1937 e a cor foi selecionada após pesquisas para complementar o ambiente natural e aumentar a visibilidade da ponte na névoa, que costuma ser densa no local. A Ponte é um destino muito visitado por pedestres e ciclistas, mas, curiosamente, somente em 2003 foi construída uma calçada específica para o público ao lado das pistas.

Leia mais: San Francisco: A incrível Ponte Golden Gate

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Ponte Golden Gate

A principal passagem é do lado leste da ponte e está aberta para pedestres e bicicletas nos dias de semana entre 5h e 15h30. Nos finais de semana, a calçada leste é reservada exclusivamente para pedestres entre 5h e 18h (até 21h durante o horário de verão) e está aberta somente para ciclistas durante o período da noite. A calçada do lado oeste está aberta exclusivamente para os ciclistas somente durante as horas em que eles não estão autorizados a circular pela calçada leste (Veja mais detalhes sobre os horários neste link). Em 2012, em celebração aos 75 anos da ponte, foi inaugurado o Golden Gate Bridge Welcome Center, que consiste em um Centro de Visitantes e uma Loja de Presentes na área conhecida como Bridge Pavilion. O local fica aberto ao público diariamente de 9h às 18h.

Opções de tours guiados na Ponte Golden Gate:
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Placa na Ponte Golden Gate
=> IMPORTANTE: COMO PAGAR O PEDÁGIO DA PONTE GOLDEN GATE!

Escrevemos um artigo todo explicadinho com as informações de que você precisa para saber como é o pagamento do pedágio da ponte. Atualmente, o valor é de US$ 8 por carro (valores de abril/2019). Veja todos detalhes no post “San Francisco: Como pagar o pedágio da Ponte Golden Gate“.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Passando pela Ponte Golden Gate de carro
DICA: PASSEIOS DE BARCO PELA BAÍA DE SAN FRANCISCO

Uma opção bacana para admirar a Ponte Golden Gate, a baía de San Francisco e a ilha de Alcatraz, é fazer um passeio de barco. Há muitas opções disponíveis, incluindo combos de passeios, refeições no barco e muito mais! Abaixo, confira algumas das opções disponíveis.

 

7. MIRANTE DA PONTE GOLDEN GATE

Há muitas áreas da cidade em que é possível ter uma vista incrível da Ponte Golden Gate. A que mais gostamos, definitivamente, é em Marin Headlands. Para chegar ao local, depois de atravessar a Golden Gate, pegue à esquerda para subir a montanha e ter uma vista ainda mais incrível da Ponte Golden Gate e da cidade de San Francisco. Há vários pontos de parada ao longo da Conzelman Road. Um dos locais que proporciona uma as melhores vistas é o Hawk Hill. O lugar é perfeito para fotos, pois é possível visualizar a Ponte Golden Gate inteira e a cidade linda ao fundo. A vista neste local já apareceu em diversos filmes e séries de televisão. Essa é apenas 1 das nossas 10 dicas de como ter vistas lindas da ponte.

Leia mais: San Francisco: 10 lugares para ver a Ponte Golden Gate

Califórnia: O que fazer em San Francisco
A melhor vista da Ponte Golden Gate com a cidade de San Francisco ao fundo
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Nós e a ponte ao fundo

8. SAUSALITO

A pequena cidade de Sausalito possui pouco mais de 7 mil habitantes e já foi foi uma simpática vila de pescadores. A cidade se desenvolveu rapidamente como um centro de construção naval durante a Segunda Guerra Mundial. Após a guerra, deixou de lado o caráter industrial e passou a ter uma reputação como um rico e artístico enclave, com residenciais pitorescas e com um  grande número de casas flutuantes. Assim, a cidade passou a ter no turismo grande parte de sua receita e, atualmente, possui várias lojinhas e restaurantes que deram um ar charmoso e aconchegante à cidade.

Leia mais: Do outro lado da Ponte Golden Gate: A cidade de Sausalito

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Sausalito

Opções de tours guiados que incluem Sausalito:

DIA 4: CIVIC CENTER + ALAMO SQUARE + GOLDEN GATE PARK

1. CIVIC CENTER

Civic Center é uma área no centro de San Francisco onde ficam uma série de prédios governamentais e instituições culturais. Ali ficam duas grandes praças: a Civic Center Plaza e a United Nations Plaza e muitos edifícios imponentes com estilo arquitetônico clássico. O prédio que mais se destaca na área é o da City Hall (prefeitura de San Francisco), o qual possui uma cúpula belíssima, com uma antena que atinge quase 94 metros de altura e ocupa uma área de cerca de 46 mil m² (dois quarteirões inteiros). O interior do prédio é belíssimo e é comum ver noivos pousando para fotos no local.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
San Francisco City Hall, a prefeitura
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Área interna embaixo da rotunda. Foto: site oficial

Adicionalmente, na área do Civic Center ficam outros edifícios importantes como o Asian Art MuseumSan Francisco Public Library, da sala de espetáculos Bill Graham Civic AuditoriumSan Francisco Art Commission GalleryWar Memorial Opera House (casa do San Francisco Ballet), da sala de concertos Louise M. Davies Symphony Hall, e do Veterans Building.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Mapa da região do Civic Center. Figura: civiccentercommons.org

Infelizmente, esta área não é uma das mais agradáveis para passear.  Ela fica próxima ao bairro de Tenderloin, um local que tem uma reputação de alta criminalidade e centenas de sem-teto. Este fato tem causado um prejuízo grande para a cidade de San Francisco, uma vez que os turistas muitas vezes a evitam por receio.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Uma das ruas da região do Civic Center

2. ALAMO SQUARE E PAINTED LADIES

Alamo Square é uma área residencial que consiste em quatro bloco no topo de um colina, que proporciona lindas vistas de San Francisco. Entre essas residências estão as famosas “Painted Ladies”, um conjunto de casas vitorianas e eduardianas que ficaram muito famosas através da série de televisão “Full House” (Três É Demais, no Brasil). Elas ficam localizadas entre os números 710-720 da Steiner Street, bem em frente ao Alamo Square Park. Essas casas forma construídas entre 1892 e 1896 e se tornaram um dos cartões postais de San Francisco, sendo cenário de mais de 70 filmes, programas de TV e propagandas.

Leia mais: San Francisco: Locais de Filmagem da Série Full House

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Nós no Alamo Square Park com as Painted Ladies ao fundo

3. GOLDEN GATE PARK

Criado nos anos 1870, o Golden Gate Park possui 412 hectares distribuídos em um formato de retângulo, semelhante o Central Park de Nova York, mas 20% maior do que este último. Em sua extensão são encontrados jardins, parques infantis, lagos, bosques, trilhas, áreas para piquenique e monumentos, além de uma variedade de opções culturais, eventos e atividades. Mais do que um parque, ele possui uma série de atrações como museus (o museu de arte de Young Museum e o museu de ciência California Academy of Sciences – compre ingressos aqui), Jardim Botânico, Conservatório de Flores, campos para prática de golfe, polo, quadras de tênis, estádio de futebol e muito mais. É uma ótima opção para relaxar e se divertir em San Francisco para todas as idades.

Leia mais:

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Jardim Japonês, uma das mais belas atrações do Golden Gate Park
Tour guiado no Golden Gate Park:

4. LEGION OF HONOR

Legion of Honor é um museu de belas artes que abriga uma coleção que abrange mais de 6 mil anos de arte antiga e arte europeia, sobretudo francesa. A coleção mais ilustre é de escultura de Auguste Rodin. Os moldes de algumas de suas obras mais famosas estão em exibição, incluindo um do “O Pensador” logo na entrada do museu. As obras incluem outros artistas consagrados como François Boucher, Rembrandt, Gainsborough, David, El Greco, Giambattista Pittoni, Rubens, e muitos dos impressionistas e pós-impressionistas como Degas, Renoir, Monet, Pissarro, Seurat, Cézanne e outros. Há obras representativas de chave também figuras do século XX como Braque e Picasso, assim como obras de artistas contemporâneos como Robert Crumb e Gottfried Helnwein.

5. OCEAN BEACH E CLIFF HOUSE

Ocean Beach é uma praia localizada na costa oeste de San Francisco. Ela tem uma longa faixa de areia e vistas muito bonitas. No entanto, as águas são bem geladas, assim como em toda a praia do norte da Califórnia, atraindo vários surfistas. No alto de uma colina rochosa na extremidade da praia, fica um edifício conhecido como Cliff House, que abriga 2 restaurantes. A localização privilegiada de Cliff House é perfeita para combinar uma caminhada pelas trilhas incríveis da Lands End ou dar um passeio ao longo da Ocean Beach, seguido de um almocinho gostoso com vistas para o mar.

Leia mais: San Francisco: Almoço com vista para o mar no Cliff House

DIA 5: HAIGHT-ASHBURY + MISSION DISTRICT + TWIN PEAKS

1. HAIGHT-ASHBURY

Este bairro ficou conhecido pelo cruzamento de duas avenidas Haight e Ashbury. O bairro é simpático, abriga livrarias alternativas, brechós de roupas, lojas de discos, casas em estilo vitoriano com fachadas coloridas e muitos Cafés simpáticos. A partir dos anos 1960, a área se tornou um centro da comunidade hippie e bandas de rock alternativo. Em 1967, ocorreu o “Summer Love” (Verão do Amor), evento no qual cerca de 75 mil jovens se reuniram em busca de amor livre, música e drogas.

Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias

Atualmente, o bairro é agradável, mas tem problemas como criminalidade e sem-tetos. Uma curiosidade é que por alguns anos na década de 1960, Jimi Hendrix morava na casa na 1524 Haight Street. Embora os detalhes do tempo de Hendrix no apartamento sejam escassos, acredita-se que ele tenha morado lá por algum tempo com sua namorada. Hoje em dia, o apartamento ainda é uma residência privada e está localizado acima de uma tabacaria. O prédio é pintado de vermelho, em homenagem a Hendrix. Por ser um bairro mais alternativo, o melhor momento para visitar-lo é durante o dia, pois à noite pode não agradar a todos.

Opção de tour guiado em Haight-Asbury:

Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias

2. CORONA HEIGHTS PARK E RANDALL MUSEUM

Corona Heights Park é um pico rochoso que fica a cerca de 158 metros acima do nível do mar. Dentro do parque fica o Randall Museum, um museu focado em ciência, natureza e artes. Em exposição estão animais nativos e domésticos vivos e exposições interativas sobre a natureza. O Randall Museum leva o nome de Josephine Dows Randall, pós-graduada em zoologia pela Universidade de Stanford em 1913. Depois de se formar, viajou para o meio-oeste americano e organizou uma das primeiras tropas de escotismo nos EUA. O museu ainda possui um teatro, uma loja de madeira e estúdios de arte e cerâmica.

  • Endereço: 199 Museum Way, San Francisco, CA 94114, EUA
  • Horários: de terça a sábado de 10h às 17h / fechado aos domingos e segundas-feiras
  • Entrada: gratuita
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Entrada para o Randall Museum. Foto: site oficial

3. CASTRO DISTRICT

Se Haight-Ashbury é o bairro hippie, Castro é o bairro gay de San Francisco. No nome é uma homenagem a José Castro, um líder californiano da oposição mexicana ao governo americano no século XIX. Várias mudanças ocorreram na sociedade em 1960 e 1970 e Castro desempenhou um papel fundamental para o que conhecemos hoje no que diz respeito ao ativismo LGBT. Lá fica, inclusive, o LGBT History Museum (4127 18th St), um museu que conta a história do movimento.

Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
Foto: GYG

Para conhecer um pouco mais da história do movimento, é super recomendado assistir ao filme “Milk” (2008). Sean Penn é o ator que interpreta Harvey Milk, um ativista gay que lutou pelos direitos dos homossexuais, tornando-se o primeiro homem abertamente gay a ser eleito a um cargo público na Califórnia. Além de aprender mais sobre o assunto, você poderá ver vários lugares do bairro que serviram como local de gravação do filme. Aproveite e visite a Harvey Milk Plaza, no cruzamento da Market St com a Castro St.

Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
Harvey Milk Plaza. Foto: GYG

Castro se concentra principalmente no distrito comercial onde fica a Castro Street até a 19th Street. Estende-se pela Market Street em direção à Church Street e em ambos os lados do bairro de Castro, da Church Street até a Eureka Street. Um dos grandes destaques do bairro é o cruzamento da Castro St com 18 Street. Ali você encontra uma faixa de pedestres toda colorida, em referência à bandeira do movimento LGBT. Outro destaque é o The Castro Theatre (429 Castro St), um cinema que ainda tem uma fachada com ares do passado.

Opções de tours guiados por Castro District:
Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
O cruzamento mais colorido de San Francisco. Foto: GYG
Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
À esquerda, placa do Castro Theater em destaque. Foto: GYG

4. MISSION DISTRICT

O Mission District (Distrito da Missão), também chamado de “The Mission”, é um bairro onde está localizada a Missão de São Francisco de Assis, uma das 21 missões espanholas na Califórnia. Por este passado, o bairro é tradicionalmente conhecido por sua população latina. A principal rua do bairro é a Mission Street. Outra ruazinha muito simpática é a Valencia Street. Entre os principais destaques de Mission District estão:

  • Missão São Francisco de Assis: Fundado em 29 de junho de 1776, o assentamento foi nomeado em homenagem a São Francisco de Assis, o fundador da Ordem Franciscana, mas também era comumente conhecido como “Missión Dolores”, pois foi construído em um pequeno vale chamado de “Arroyo de los Dolores”, ou o Vale das Dores. Mission Dolores ainda desempenha um papel importante na vida cívica e cultural de San Francisco. A antiga igreja missionária é o edifício mais antigo e intacto da cidade de São Francisco, e a única das 21 missões que não foi alterada. Ao lado desta igrejinha, foi construída uma igreja bem maior em 1918, com influências arquitetônicas semelhantes às vistas no Balboa Park em San Diego. Atrás dele fica um cemitério onde acredita-se que mais de 5 mil índios foram enterrados. (Endereço: 3321 16th St, San Francisco, CA 94114 | Horários: de domingo a sexta de 9h30 às 16h / sábado de 9h às 16h / fechada aos domingos | Entrada: US$ 7)
As 21 missões espanholas na Califórnia
Missão San Francisco de Assis (Missão Dolores). Foto: californiamissionguide.com
Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
Ao lado da capela fica um cemitério
  • Mission Dolores ParkÉ um parque público bem inclinado que oferece uma vista muito bonita do centro de San Francisco. O parque é bem completo e oferece quadras de tênis, uma quadra de basquete, uma quadra poliesportiva, um campo de futebol, um playground e um dog park. É um local muito frequentado pelos moradores locais e também por turistas nos finais de semana ensolarados.
Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias
O simpático Dolores Park
  • Murais: O bairro é muito famoso por seus murais coloridos pintados nas paredes. Os principais locais para encontrar os murais são no Balmy Alley, Clarion Alley e Women’s Building. Veja mais dicas de onde encontrar os murais neste link.

Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias Califórnia: O que fazer em San Francisco – Roteiro de 5 dias

Opções de tours guiados por Mission District:

5. TWIN PEAKS

Twin Peaks são dois morros “gêmeos” com cerca de 282 metros de altura. O Twin Peaks Boulevard circunda os morros com uma área de estacionamento com um mirante para ter lindas vistas da cidade, embora de longe. Com tempo claro, é possível ver até um raio de 120 km de distância. Para os aventureiros, há uma trilha íngrime que leva até o cume. A aérea abriga muitos recursos naturais e vida selvagem como pássaros e insetos. Nós fomos de carro e foi tranquilo de estacionar porque tinha pouca gente visitando o local quando fomos. Caso não esteja de carro, utilize a linha de ônibus número 37 que chega pertinho. O ônibus opera de dias de semana de 6h15 às 23h15 e aos finais de semana de 8h10 às 23h15.

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Vista a partir do Twin Peaks

ATRAÇÕES MAIS DISTANTES

  • NORTE DE SAN FRANCISCO: MUIR WOODS E POINT REYS

Existem várias opções interessantes para se conhecer ao norte de San Francisco. Muir Woods é um pequeno parque nacional a 19 km ao norte da cidade. O parque é uma área de proteção das poucas sequóias gigantes que estão próximas à região da baía de San Francisco. A maioria das sequóias de Muir Woods possui entre 500 e 800 anos de idade. A árvore mais antiga encontrada no local é de pelo menos 1.200 anos de idade! Há vários tours guiados a partir de San Francisco para visitar o local. Outra opção interessante para conhecer ali pertinho é Point Reyes, um santuário para inúmeras espécies vegetais e animais. O parque possui mais de 240 km de trilhas, 4 locais para acampamento, várias estruturas históricas, 3 centros de visitantes, e inúmeras praias. Há também muitos antílopes e vários animais marinhos que passam pela região, tais como baleias, focas e leões marinhos.

Leia mais:
Placa localizada em Muir Woods

Opções de tours guiados a partir de San Francisco que incluem Muir Woods:
  • REGIÕES VINÍCOLAS: NAPA VALLEY & SONOMA VALLEY

A área de Napa Valley é considerada a melhor região produtora de vinho dos Estados Unidos e um dos locais favoritos dos enólogos. Ela é responsável por mais de 90% do vinho produzido no território americano, fazendo com que o país seja o quarto maior produtor da bebida no mundo, ficando atrás somente de grandes nomes como França, Itália e Espanha. E o que contribui para que Napa Valley produza tantos vinhos de qualidade? A explicação está em dois fatores importantes: clima e solo, que contribuem também para o cultivo de uma grande variedade de tipos de uva. Há muitas opções de tours guiados partindo de San Francisco para conhecer as regiões vinícolas. É uma boa opção para não se preocupar em  dirigir após fazer algumas degustações.

Leia mais:

Castello di Amorosa, uma da vinícolas na região de Napa Valley
Opções de tours guiados a partir de San Francisco para as regiões vinícolas:

  • VALE DO SILÍCIO

O Vale do Silício na Califórnia é considerada a região mais tecnológica do planeta e lar das empresas de tecnologia mais famosas do mundo como Google, Apple, HP, Facebook e tantas outras. Uma ideia ótima para quem visita San Francisco é incluir esta região que fica a pouco mais de 60 km ao sul da cidade. Nós moramos no Vale do Silício há muitos anos e, por isso, com o tempo estamos conhecendo um pouco de tudo na região. Começamos nossa trajetória na incrível Universidade de Stanford, que vale uma visita se você tiver um tempinho (veja um roteiro completo aqui). As empresas não estão abertas à visitação, a menos que você conheça um funcionário que terá que ficar com você o tempo todo que você estiver visitando. Nós escrevemos um post caprichado dos principais destaques do Vale do Silício e muitas dicas interessantes também para fazer um tour pela região.

Leia mais: Tour no Vale do Silício: Roteiro com atrações, empresas e dicas

Tour no Vale do Silício: Roteiro com atrações, empresas e dicas

Opções de tours guiados a partir de San Francisco:
  • TEM POUCO TEMPO? TOURS BATE-VOLTA

Para quem tem pouco tempo ou não quer alugar carro por qualquer motivo, pode fazer tours guiados bate-volta para algumas atrações próximas de San Francisco. Entre as opções estão o incrível Yosemite Park, um parque que é patrimônio UNESCO, que é formado por lagos, desfiladeiro de granito, cascatas, sequoias gigantes, bosques e diversificadas flora e fauna. Outro passeio bacana inclui belíssimas as cidades litorâneas de Carmel e Monterey localizadas na Pacific Highway 1, a estrada cênica do litoral da Califórnia.

Leia mais:

Glacier Point, um dos lugares mais famosos do Yosemite Park
Opções de tours guiados a partir de San Francisco para o Yosemite Park:

Opções de tours guiados a partir de San Francisco para Carmel e Monterey:

ESPORTES NA BAÍA DE SAN FRANCISCO

Nós adoramos incluir uma programação esportiva quando viajamos. Nós já escrevemos um Guia de Esportes na Califórnia falando sobre as principais ligas e times do estado. Se você tem interesse, confia aqui os times e estádios/ginásios para assistir a uma partida em San Francisco e arredores:

  • BASQUETE (NBA): Golden State Warriors
    • Títulos: 6 (1947, 1956, 1975, 2015, 2017, 2018)
    • Ginásio: Oracle Arena (700 Coliseum Way, Oakland, CA 94621) => mudará para o Chase Center (Mission Bay Blocks 29-32, San Francisco, CA) a partir da temporada 2019/20
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Chegando ao ginásio Oracle Arena, sede do time de basquete Golden State Warriors
  • BASEBALL (MBL): San Francisco Giants
    • Títulos: 8 (1905, 1921, 1922, 1933, 1954, 2010, 2012, 2014)
    • Estádio: Oracle Park – antigo AT&T Park (24 Willie Mays Plaza, San Francisco, CA 94107)
Califórnia: O que fazer em San Francisco
Entrando para assistir ao show da banda Metallica no antigo AT&T Park, Oracle Park desde 2019, em San Francisco
  • FUTEBOL (MLS): San Jose Earthquakes
    • Títulos: 2 (2001, 2003)
    • Estádio: Avaya Stadium (1123 Coleman Ave, San Jose, CA 95110)
  • FUTEBOL AMERICANO (NFL):
    • Oakland Raiders
      • Títulos: 3 Super Bowl (1973, 1980, 1983)
      • Estádio: O.co Coliseum (7000 Coliseum Way, Oakland, CA 94621) => o time está sendo realocado para Las Vegas, Nevada, a partir da temporada 2019/20 e sediará sem jogos no Las Vegas Stadium (3333 Al Davis Way, Las Vegas, NV 89118), que deve ficar pronto em 2020
    • San Francisco 49ers
      • Títulos: 5 Super Bowl (1981, 1984, 1988, 1989, 1994)
      • Estádio: Levi’s Stadium (4900 Marie P Bartolo Way, Santa Clara, CA 95054)

Leia mais: Tour no estádio do San Francisco Giants

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Levi’s Stadium, o estádio do San Francisco 49ers
  • Hockey no gelo: San Jose Sharks
    • Títulos: nenhum
    • Ginásio: SAP Center (525 W Santa Clara St, San Jose, CA 95113)

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Uma das entradas do SAP Center que abriga também muitos eventos, shows, Cirque du Soleil, entre outros

TOURS EM SAN FRANCISCO E ARREDORES

Tem muita coisa bacana para conhecer em San Francisco! Se você quiser mais dicas de passeios para quem está sem carro, recomendamos o post “San Francisco: 15 tours para quem está sem carro. Outras opções estão abaixo:

PASSEIOS DE ÔNIBUS TURÍSTICO

PASSEIOS DE BICICLETA, SEGWAY E HELICÓPTERO

TOURS DIFERENTES EM SAN FRANCISCO

SAN FRANCISCO

ONDE COMER EM SAN FRANCISCO

San Francisco é uma cidade muito influenciada na culinária por sua posição geográfica. Assim, não faltam opções de restaurantes de peixes e frutos do mar. Mas, é claro que por ser uma cidade cosmopolita, é possível de encontrar de tudo um pouco. Uma outra característica da cidade é ser bastante vegan-friendly. Por isso, há vários restaurantes com opções saudáveis no cardápio e também nem tão saudáveis, mas com nadinha de ingredientes de origem animal. Para um mapa com todas as opções, veja este post. Procurando por comida brasileira? Veja as nossas dicas aqui. Abaixo, confira algumas das opções gastronômicas em San Francisco. Todas elas estão no mapa no início do post com a localização exata de onde ficam. Há opções para todos os bolsos e gostos.

FISHERMAN’S WHARF, PIER 39 E ARREDORES

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Prato do restaurante Pier Market

UNION SQUARE + CHINATOWN + EMBARCADERO

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Filé de salmão com molho de limão, aspargos e purê de batata no The Cheesecake Factory

PRESIDIO CIVIC CENTER

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Pizzeria Delfina

HAIGHT-ASHBURY, CASTRO & MISSION DISTRICT

Gracias Madre: Restaurante mexicano vegano em San Francisco
Refeições coloridas e repletas de vitaminas do Gracias Madre

ARREDORES DO GOLDEN GATE PARK

Califórnia: O que fazer em San Francisco
Prato servido em Cliff’s House

ONDE COMPRAR EM SAN FRANCISCO

Quer aproveitar a viagem para fazer umas comprinhas? Há muitas opções em San Francisco para todos os gostos! Desde lojas sofisticadas de grifes famosas, até os estilos mais diferentões e despojados. Confira alguns dos principais centros e locais de compra na cidade e nos seus arredores.

  • Union Square: Esta praça é o lugar mais famoso da cidade para fazer compras. A praça abriga um complexo enorme de lojas e restaurantes. Lá ficam as lojas de departamento Macy’s, Bloomingdale’s e Nordstrom. Além disso, a região é repleta de lojas de marcas de luxo como Louis Vuitton, Gucci, Dior, Versace, Chanel, Dolce & Gabbana, Prada e Giorgio Armani.
  • Lojas de rua: Você vai encontrar muitas lojas interessantes para compras na Union Street (lojas em casas vitorianas), Fillmore Street (lojas de luxo), Hayes Street (itens de vanguarda), Market Street (muitas lojas variadas), Haight Street (brechós e roupas mais despojadas em estilo hippie)
  • Ferry Plaza Farmer’s Market e Ferry Building Market Place: Para quem quer comprar itens saborosos como frutas frescas, queijos, azeites, castanhas, grãos, artesanatos e muitos outros itens.

Califórnia: 12 equívocos sobre San Francisco

  • Westfield San Francisco CenterGrande shopping center com vários andares e praça de alimentação. Entre as opções de lojas estão Adidas, Bloomindgdale’s, Hugo Boss, Burberry, Guess, H&M, Kate Spade, L’Occitane, Louis Vuitton, Michael Kors, Microsoft, Nordstrom, Sephora, Swarovski, Tiffany & Co., Timberland, Victoria’s Secret, entre outras.
  • Shopping Embarcadero CenterCentro de compras com opções de alimentação, com fast food, Cafés e restaurantes. Entre as lojas estão Banana Republic, Ann Taylor, GAP, L’Occitane, Sephora, entre outras.
  • The CanneryLocalizado pertinho do Fisherman’s Wharf, este local é uma antiga fabrica de enlatados de frutas que foi reformada na década de 1960. Atualmente, há galerias de restaurantes e lojas de roupas, artesanato, bonecas de coleção, entre outros itens.
Califórnia: O que fazer em San Francisco
The Cannery

  • Outlets: Há 7 outlets na região, mas todos ficam fora da cidade de San Francisco e você vai precisar de um carro (ou fazer um tour) para chegar até eles. Veja todas as informações no post “Outlets na região de San Francisco“.
  • Santana Row: Esta é uma área muito famosa para compras na cidade de San Jose, no Vale do Silício. Além de ter lojas bacanas, o clima na região é delicioso e é um ótimo local para curtir os bares e restaurantes. Leia mais: San José: A “Capital” do Vale do Silício

ONDE SE HOSPEDAR EM SAN FRANCISCO

Uma das maiores dúvidas para quem está planejando uma viagem a San Francisco diz respeito à hospedagem. Isso porque as diárias de hotéis costumam ser bem salgadas nas áreas mais centrais e turísticas da cidade. Na primeira vez que visitamos San Francisco, ainda como turistas, ficamos hospedados no hotel Marines’ Memorial Club & Hotel Union Square (leia sobre a nossa experiência aqui). Como sabemos que existem muitas opções interessantes na cidade, escrevemos um post dedicado ao assunto, com mapa e muitas dicas importantes!

Leia mais: Hospedagem em San Francisco: sugestões de bairros, hotéis e dicas

Hospedagem em San Francisco: sugestões de bairros, hotéis e dicas
Marines’ Memorial Club & Hotel Union Square. Foto: divulgação

RESERVE AGORA seu hotel e economize até 50%. Leitores do Viajonários estão com um SUPER DESCONTO! E o melhor, com CANCELAMENTO GRÁTIS*!



Booking.com

*confira os hotéis com cancelamento grátis no site

Guarde estas dicas no Pinterest!

Califórnia: O que fazer em San Francisco - Roteiro de 5 dias - Viajonários | https://www.viajonarios.com.br/san-francisco/ | #viajonarios #sanfrancisco #california #nortedacalifornia #sanfran #pontegoldengate #goldengate #goldengatebridge

VAI VIAJAR? PROGRAME AQUI SUA VIAGEM!
 RESERVA DE HOTELUtilize o Booking.com para reservar sua hospedagem!
  ALUGUEL DE CARRO: Faça uma cotação na RentalCars  e confira o preço nas principais locadoras do mundo!
  INGRESSOS, TOURS & EXCURSÕESCompre online ingressos para as principais atrações no mundo com Get Your Guide!
 PASSAGENS DE AVIÃO: Compre passagens de avião e pacotes de viagem na Passagens Promo!
  SHOWS DA BROADWAY: Compre tickets para os principais musicais da Broadway na WePlann!
  SEGURO VIAGEMCote com a Seguros Promo para diversos planos e destinos. Use o código "VIAJONARIOS5" para garantir 5% de desconto!
 TRANSFER DE TÁXI DE/PARA AEROPORTOSReserve seu transfer com a Taxi2Airport e faça seu traslado com comodidade.
 TREM NA EUROPACompre seus bilhetes de trem com os melhores preços na Trainline!
  CHIP INTERNACIONAL DE CELULAR com a Viaje Conectado e saia com o chip funcionando antes de viajar!
 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por gentileza, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui