Morando Fora: Como viver sem carro nos EUA

0

Será que é possível viver sem carro nos EUA em cidades que o transporte público é deficiente? Desde que nos mudamos para os EUA há quase 1 ano, ainda não sentimos a necessidade de comprar um carro já que moramos dentro do campus da universidade. Nosso meio de transporte oficial para curtíssimas distâncias é a bicicleta, mas no caso de distâncias maiores temos que encontrar outras soluções. Quando fazemos uma viagem mais longa e por vários dias, costumamos alugar um carro, mas quando são corridas curtas e vamos precisar do carro por poucas horas ou apenas para nos deslocar de um local a outro rapidamente, utilizamos alguns serviços incríveis que estão disponíveis aqui na Califórnia. Vamos falar um pouquinho sobre eles para ajudar quem estiver precisando de um meio de transporte por aqui. São soluções, temos que confessar, bem melhores do que pegar um táxi, tanto pela qualidade do serviço quanto pelo preço.

3 OPÇÕES PARA VIVER SEM CARRO NOS EUA

1. UBER


Uber_logotype.svg

Uber é uma empresa que já está sendo conhecida por alguns brasileiros e é odiada pelos taxistas. Ela foi fundada na cidade de San Francisco, aqui na Califórnia em 2009. O serviço é semelhante ao serviço de táxis, com a diferença de que os motoristas não precisam ser profissionais, mas sim cadastrados na empresa. Você não paga nada em dinheiro depois da corrida. O serviço funciona com um aplicativo que você baixa no celular. Quando você acessa o aplicativo para chamar um Uber, você tem que fazer um cadastro e incluir o número de um cartão de crédito. Depois da corrida, o valor é debitado do seu cartão e você recebe uma mensagem com o valor. Você fará a avaliação do motorista e da corrida através do aplicativo. Os preços variam com o modelo do carro e também com a demanda por veículos na região em que você se encontra no momento. Atualmente, é possível encontrar o Uber em dezenas de países.

Nossa experiência com o serviço:

Já usamos o Uber dezenas de vezes e é sempre ótimo. Os motoristas são sempre muito educados, atenciosos e com um grau de escolaridade muito maior do que a média dos taxistas. Muitos deles tem o Uber como uma renda complementar, pois trabalham em empresas da região ou são alunos em faculdades próximas.

2. LYFT


220px-Lyft.svg

Lyft é o concorrente do Uber. A empresa foi criada em 2012 também na cidade de San Francisco. A dinâmica de funcionamento é exatamente igual a do Uber: cadastramento dos seus dados em um aplicativo no celular. Ainda é menor do que o Uber, estando localizada em aproximadamente 65 cidades americanas e região (San Francisco, Los Angeles, Nova York), mas com planos de expansão nacional e internacionalmente. Segundo informações que obtivemos com os próprios motoristas, tanto o Uber quanto o Loft são extremamente rígidos com a qualidade dos serviços e os motoristas que tiverem avaliações ruins são descredenciados e nunca mais poderão se cadastrar novamente. Geralmente, os motoristas se cadastram em ambos os serviços.

Nossa experiência com o serviço: 

Nos últimos tempos, temos preferido o Lyft ao invés do Uber. Coincidência ou não, os motoristas que nos atenderam foram ainda mais educados, alguns oferecem garrafinhas de água mineral e tem um bom nível de conversa. O serviço do Lyft costuma ser mais barato do que o do Uber e, nas vezes que precisamos, tinham sempre carros disponíveis na região que nos encontrávamos (já tivemos problemas de não ter Uber para atender o aeroporto de San Francisco, por exemplo).

3. ZIPCAR


399px-Zipcar_Logo.svg

O Zipcar é um serviço incrível e que, provavelmente, nunca estará disponível no Brasil. A empresa foi fundada em 2000 em Cambridge, Massachusetts. A ideia básica é o aluguel de veículos por hora. Existem pontos de retirada de Zipcars e você precisa retornar o veículo no mesmo lugar em que ele foi retirado. Além de veículos convencionais, já há opções também de carros elétricos para aluguel.

Placa indicando local de um Zipcar
Placa indicando local de um Zipcar

Antes de mais nada, você precisará fazer um cadastro no site do Zipcar. A empresa checará suas informações no Detran do Brasil (ou órgãos semelhantes em outros países em que você possui carteira de motorista) e aí sim liberará ou não seu acesso aos veículos. Com a aprovação, você receberá um cartão do Zipcar pelo correio e poderá passar a alugar os carros. A reserva pode ser feita pelo site ou pelo aplicativo no celular. Você escolhe o local de retirada, o modelo do veículo (o preço varia de acordo com o modelo do carro). É muito prático nos casos em que você precisa parar em vários lugares no mesmo dia ou vai precisar do carro praticamente o dia todo (você pode alugar o carro por diária se preferir). No entanto, não compensa financeiramente se você vai ficar vários dias viajando porque sai mais caro do que alugar um carro em uma das locadoras convencionais.

95ff5-howitworks
Como funciona o Zipcar. Reprodução site do Zipcar

Você não precisa pagar a gasolina, mas apenas pelo uso: entre US$ 7 a US$ 10 por hora para utilizar o veículo. Os valores variam dependendo da região em que você mora, mas no nosso caso pagamos US$ 25 para cadastramento inicial e uma anuidade de US$ 70 para a utilização do serviço.

Nossa experiência com o serviço: 

Adoramos o serviço e recomendamos para todo mundo. Diferente do Uber e do Lyft, você é o motorista do veículo. Se vamos, por exemplo, ao cinema e depois a uma loja ou mercado, compensa muito utilizar o Zipcar. Ele é uma ótima opção para pessoas como nós que precisamos bem pouco do carro durante a semana.

*Todos os exemplos relatados aqui são sobre experiências que tivemos na região em que moramos na Califórnia.

Deixe seu comentário