Roteiro para visitar o Grand Canyon

8

Em um post anterior, demos todas as dicas para planejar a sua viagem com um ótimo guia para visitar o Grand Canyon. Explicamos que o Canyon é divido em 3 partes distintas (Grand Canyon West, South Rim e North Rim) e falamos sobre as diferenças em cada uma delas. A região mais visitada do Grand Canyon é a South Rim, a margem sul do Rio Colorado, que fica dentro do Grand Canyon National Park, um parque nacional administrado pelo governo americano. A South Rim é a principal área de visitação do Grand Canyon e conta com a presença de 90% dos turistas que visitam o Grand Canyon National Park por conta de sua boa infraestrutura com hotéis e restaurantes.

Roteiro para visitar o Grand Canyon – South Rim

Este post tem como objetivo explorar melhor a região do South Rim, com um roteiro para visitar o Grand Canyon, sem deixar passar nada!

Vista deslumbrante do Grand Canyon na região de South Rim
Vista deslumbrante do Grand Canyon a partir da região em que se localiza o Yavapai Geology Museum

LINHAS DE ÔNIBUS

O administração do Grand Canyon disponibiliza 4 linhas de ônibus gratuitas:

  • AZUL (Village Route): Circula por todo o Grand Canyon Village e que leva do Visitor Center para os estacionamentos, hotéis, lojas, acampamentos e restaurantes.
  • VERMELHA (Hermits Rest Route): é a principal linha que leva aos pontos de observação do lado oeste (esquerdo) do Grand Canyon.
  • LARANJA (Kaibab/Rim Route): Leva a uma estrada cênica Kaibab, em que há uma trilha, e ao Yaki Point.
  • ROXA (Tusayan Route): Linha que transporta os passageiros a partir da cidade de Tusayan para dentro do parque e vice-versa.
map-grandcanyon
Mapa do Grand Canyon. Figura: site oficial do Grand Canyon.
thumb_DSC02225_1024
Um dos ônibus que circulam pelo Grand Canyon
thumb_DSC02226_1024
Placa que indica cada um dos pontos de parada do ônibus
  • GRAND CANYON VILLAGE

A entrada principal do Grand Canyon National Park é feita através da estrada (US-180) que liga a cidade de Williams, passa pela cidade de Tusayan até chegar ao parque. Ao entrar no Grand Canyon, você chegará ao Grand Canyon Village. Um pequeno vilarejo em que estão localizados hotéis e restaurantes dentro do Grand Canyon.

rota azul
Pontos de parada do ônibus da rota azul. Figura: reprodução site oficial

O Grand Canyon Village é dividido em 3 áreas principais:

  • The Visitor Center: Neste local há 4 grandes áreas de estacionamento, assim como, ônibus gratuitos que levam para diversos pontos do parque. No Centro de Visitantes há uma livraria. Há exibições e informações variadas sobre o Grand Canyon National Park e o que é possível fazer no parque. No local é exibido no teatro o filme, Grand Canyon: A Journey of Wonder, que tem 20 minutos de duração. O Centro de Visitantes funciona diariamente de 8h às 17h.
VC-parking-map-688p_1
Área de estacionamento do Grand Canyon. Figura: reprodução site oficial
  • Market Plaza: Neste local há loja de produtos gerais, camping, banheiro, loja de presentes, banco e posto dos correios.
  • The Historic District: É o coração da vila, o local em que se originou, há construções originais e uma estação ferroviária, construída no início do século XX. Quanto às construções originais que são datadas do início dos anos 1900, os principais locais para se conhecer são o Lookout Studio da Mary Colter’s e a Hopi House. Da estação de trem (Train Depot) é possível fazer um dos walking tours, passeando a pé pela área para conhecê-la melhor. Os trens chegam à estação de trem do Grand Canyon no mínimo uma vez ano dia. No local também está localizado o Verkamp’s Visitor Center, em que é possível aprender um pouco mais sobre a história da comunidade local. No Kolb Studio tem uma exibição de arte em um auditório.
Vista do Lookout Studio
Vista do Lookout Studio
Mapa detalhando o Grand Canyon Village e o Market Plaza
Mapa detalhando o Grand Canyon Village e o Market Plaza
  • HERMIT ROAD

É nesta estrada que estão as vistas mais famosas do Grand Canyon. Ela proporciona uma rota cênica de 11 km de extensão do Grand Canyon Village até o Hermit Rest. Ela pode ser acessada pelos ônibus gratuitos, a pé, de bicicleta. Veículos privados também podem acessá-la, mas somente no período de baixa temporada (meses de dezembro, janeiro e fevereiro).

rota vermelha
Rota do ônibus. Figura: reprodução site oficial

Ao longo da estrada Hermit, existem 9 pontos de observação:

  • Trailview Overlook: Esse viewpoint é o mais próximo da vila e oferece boas vistas da trilha Bright Angel assim como do Historic District da Grand Canyon Village.
  • Maricopa Point: O local proporciona uma linda vista do Grand Canyon e é possível observar a antiga Orphan Lode Mine. Originalmente uma mina de cobre, passou a ser uma mina de urânio nos anos 1950. Após seu fechamento no final dos anos 60, o Grand Canyon National Park adquiriu a propriedade no final dos anos 1980 e iniciou um processo de restauração em 2008.
  • Powell Point: O Memorial Powell neste ponto de observação celebra as expidições pelo Rio Colorado pelo Major John Wesley Powell. Após uma pequena caminhada entre o ponto de ônibus até o Memorial, observe a vista é incrível proporcionada no local.
Vista do Grand Canyon no Powell Point
Vista do Grand Canyon no Powell Point
Grand Canyon visto do Powell Point
Grand Canyon visto do Powell Point próximo ao pôr-do-sol

  • Hopi Point: É um dos mais populares viewpoints para assistir ao nascer e ao pôr-do-sol pois proporciona uma vista ampla do Canyon. O Rio Colorado está a oeste. Banheiros estão disponíveis neste ponto.
Foto panorâmica feita no
Foto panorâmica feita no Hopi Point
  • Mohave Point: Mais um lugar fantástico para ver o nascer e o pôr-do-sol, oferecendo vistas muito bonitas do Rio Colorado cortando o Canyon.
thumb_DSC02378_1024
Paulo admirando a beleza do Canyon no Mohave Point
  • The Abyss: Esse ponto de observação proporciona uma vista quase vertical abaixo do Canyon, olhando para baixo da área do Monument Creek. É um local bem comum para mochileiros acamparem e há uma pequena praia ao longo do Rio Colorado na Granite Rapids.
  • Monument Creek Vista: A trilha Greenway começa neste viewpoint, que é um bom local para acomodar as pessoas que estão caminhando, ciclistas e visitantes que usam cadeiras de roda.
  • Pima Point: É um dos melhores lugares deste lado da margem para ver e ouvir o Rio Colorado. A trilha Greenway continua daqui até o Hermits Rest, permitindo que ciclistas e cadeirantes dividam o espaço com pedestres.
Vista a partir do Pima Point
Vista a partir do Pima Point
  • Hermits Rest: Mary Colter, uma das mais famosas arquitetas do Grand Canyon, construiu o Hermits Rest em 1914 para se parecer com um mina antiga. Atualmente, há no local uma loja de presentes, uma pequena lanchonete e banheiros.

IMPORTANTE:

No sentido Hermit Rest – Village, o ônibus só para nos seguintes pontos: Hermits Rest, Pima Point, Mohave Point e Powell Point.

Os ônibus funcionam até 1 hora após o pôr-do-sol (informe-se diariamente o horário do pôr-do-sol neste link). É importante não perder o último ônibus porque não há iluminação artificial no local, ficando, portanto, extremamente escuro.

hermits-556
Mapa da Hermits Rest Route. Figura: site oficial do Grand Canyon
  • KAIBAB/RIM ROUTE

A região do Kaibab Route fica à leste da Grand Canyon Village e é atendido pela linha laranja de ônibus. Existe interligação com o Centro de Visitantes do Grand Canyon e há um Museu de Geologia.

rota laranja
Pontos de parada da Rota Laranja. Figura: reprodução site oficial

Neste local, há 5 pontos de observação:

  • Mather Point: Pertinho do Centro de Visitantes, é o primeiro contato que você tem ao estacionar e avistar o Grand Canyon.
  • Yavapai Geology Museum: Este local proporciona vistas espetaculares e muito amplas do Grand Canyon. Há exibições geológicas, incluindo modelos tridimensionais das camadas de sedimentos do Canyon; fotografias e explicações geológicas detalhadas sobre as rochas e formação do Grand Canyon. O local possui um estacionamento para carros e banheiros.
Museu de Geologia
Museu de Geologia
  • South Kaibab Trailhead: Este ponto de observação leva para uma trilha, a Kaibab, uma das mais famosas do Grand Canyon, que interliga as margens sul e norte. Para mais informações, acesse este link. O acesso ao local é feito somente através do ônibus do Grand Canyon, não sendo permitido entrar na área com veículo privado, já que não há estacionamento no local.
Paulo no início da trilha Kaibab
Paulo no início da trilha Kaibab
  • Yaki Point: Este local proporciona uma vista pequena, porém bela do Grand Canyon. É acessado somente pelo ônibus da rota laranja.
thumb_DSC02873_1024
Vista deslumbrante do Yaki Point
  • Pipe Creek Vista: Mais um ponto de observação do Grand Canyon que pode ser acessado através de veículos privados e também com o ônibus da rota laranja.
  • TUSAYAN ROUTE

Esta é a rota que liga a cidade de Tusayan, a mais próxima do Grand Canyon National, passando por alguns hotéis da cidade. O único ponto de parada dentro do parque é no Grand Canyon Visitor Center. Portanto, para dar continuidade à visita, é necessário pegar uma das outras linhas de ônibus disponibilizadas pela administração do Grand Canyon.

rota roxa
Pontos de parada da rota roxa. Figura: reprodução do site oficial

Os ônibus da linha roxa, fazem 5 paradas em Tusayan:

  • IMAX Theater/ R.P.’s Stage Stop
  • Best Western Grand Canyon Squire Inn
  • The Grand Hotel
  • Big E Steakhouse and Saloon
  • DESERT VIEW DRIVE

Uma outra área para se conhecer no Grand Canyon é conhecida como Desert View e não é atendida pelas linhas de ônibus que descrevemos anteriormente. Ela está a leste (direita) dos pontos de observação da Kaibab Route (rota laranja).

dv-map_556
Mapa do Desert View: Figura: site oficial do Grand Canyon

A Desert View Drive é uma estrada que proporciona vistas cênicas ao longo de 40 km até chegar na torre de observação Desert View Watchtower e na entrada leste do Grand Canyon National Park. Ao longo da estrada, há 6 pontos de observação, 4 área para piquenique e o Museu Tusayan.

Pontos de parada:

  • Pipe Creek Vista: Já foi citado quando falávamos da Kaibab Route, trata-se de mais um ponto de observação do Grand Canyon que pode ser acessado através de veículos privados e também com o ônibus da rota laranja.
  • Yaki Point: Também citado quando falamos da Kaibab Route, este local proporciona uma vista pequena, porém bela do Grand Canyon. É acessado somente pelo ônibus da rota laranja.
IMG_6334
Curtindo a vista do Yaki Point
  • Grandview Point: É um ponto de observação grande e é possível ter uma vista bastante ampla do Grand Canyon e também do Rio Colorado. No local, também há uma trilha, a Grandview Trail (mais informações neste link).
Bela vista proporcionada no Grandview Point
Bela vista proporcionada no Grandview Point
  • Moran Point: Para quem é interessado em geologia, este ponto de observação é excelente, pois proporciona uma vista clara dos 3 principais grupos de rochas que compõem o Grand Canyon.
  • Tusayan Ruin and Museum: Neste local estão as ruínas de um vilarejo antigo e há trilhas. O Museu Tusayn, que também tem uma livraria, ajuda a entender melhor o que aconteceu com as ruínas do local. Há banheiros e uma área de piquenique.
  • Lipan Point: Deste local é possível ver vários pontos interessantes, tais como Hance Rapid, Unkar Delta e The Grand Canyon Supergroup.
  • Navajo Point: Este local proporciona vistas panorâmicas e dele é possível avistar a Torre de observação do Desert View que fica a alguns minutos de distância.
No Najavo Point
No Najavo Point
  • Desert View: Na área há estacionamento, centro de visitantes, livraria, posto dos correios, lanchonete, além de uma loja de artigos gerais, banheiros e local para camping. Não há hotéis na região. É possível avistar o Rio Colorado e subir na Watchtower, uma torre de pedra que proporciona lindas vistas do Canyon. Para mais informações sobre o Desert View, acesse este link.
thumb_DSC02997_1024
Chegando ao Desert View
Mapa da região do Desert View. Figura: reprodução site oficial
Mapa da região do Desert View. Figura: reprodução site oficial
Detalhe do Canyon com o Rio Colorado
Detalhe do Canyon com o Rio Colorado

A Desert View Watchtower foi construída em 1932 e foi idealizada pela arquiteta Mary Colter. Dentro da torre há murais e uma loja de presentes. Suba seus 85 degraus para uma vista de 360º do Grand Canyon.

Chegando à Torre no Desert View
Chegando à Torre no Desert View
Vista do Grand Canyon em cima da Torre
Vista do Grand Canyon em cima da Torre

VIDEO

Fizemos um video sobre nossa passagem pelo Grand Canyon que está disponível no nosso canal no Youtube. Confira abaixo:


Continue lendo sobre o Grand Canyon…

8 COMENTÁRIOS

  1. Vamos em junho para o Grand Canyon com um carro alugado, minha ideia era, no segundo dia, entrar pela “South Entrance”, percorrer de carro a Desert View e deixar o parque pela “East Entrance”, para seguir pela estrada até Kayenta…. esse trecho é possível fazer com carro particular ou só com os ônibus da linha laranja?

    • Olá Toledo!
      Há 2 pontos da linha laranja que são exclusivamente acessados por ônibus: a South Kaibab Trailhead e o Yaki Point.
      O que nós fizemos: Nós deixamos o carro estacionado no Centro de Visitantes, pegamos o ônibus e fizemos todas as paradas da linha laranja. Voltamos de ônibus até o Centro de Visitantes e pegamos o carro para seguir para o Desert View.
      Acesse este link para ver a figura que explica bem isso. Repare na informação em vermelho: “Gate: Yaki Point Road closed to private vehicles”. O local é fechado porque não existe nenhuma área para estacionar.
      Desejamos uma excelente viagem para você!

      • Abusando da sua boa vontade, poderia me dizer se esses dois pontos que não podemos parar de carro são “imperdíveis”… pq minha ideia nesse dia e usar a desert view como uma passagem até o Monument Valley, não estava querendo perder tanto tempo nesse dia no Grand Canyon, já que vamos visitar ele um dia inteiro (mas queria fazer a rim trail)… A partir do Grandview Pont é liberado para carros? Então a gente pegaria pelo menos 4 pontos legais, né? Obrigado pela ajuda, o blog de vocês é 10, muito bem informativo e bem escrito, estou acessando todos os dias pra planejar a trip… abs

        • Toledo, sinceramente, você não vai perder nada de diferente se deixar esses dois pontos fora do roteiro. A menos que você faça questão de fazer a trilha Kaibab é que a principal atração do local. Caso contrário, vale muito mais a pena já seguir viagem para o Desert View! Se puder incluir Page na viagem, nós super recomendamos! O Horseshoe Bend e o Antelope Canyon são muito legais! E o Monument Valley é sensacional, paisagem árida e muito interessante!
          Ficamos muito felizes em saber que o blog está ajudando você a programar a viagem!
          Ficamos à disposição para ajudá-lo! 🙂

  2. Ola! Muito legal o blog, super completo e está me ajudando muito nas pesquisas… Quando vocês fizeram está viagem, ficaram quantos dias e se hospedaram aonde?

Deixe seu comentário