Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça

3
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça

Nós já havíamos visitado a Suíça em diversas ocasiões, passando por Appenzell, Engelberg, Genebra, Lucerna e Zurique. No entanto, não tínhamos tido a oportunidade de incluir Jungfrau no roteiro. Quando começamos a planejar uma viagem pela Europa com os nossos pais, consegui organizar uma passagem rápida pelo país, pois era o sonho da minha sogra conhecer os Alpes Suíços. Foi corrido, cansativo, mas valeu super a pena. Afinal, não é todo dia que se conhece o “topo da Europa”, não é mesmo? Confira como fazer um passeio delicioso por Jungfrau.

JUNGFRAU: TOPO DA EUROPA

Jungfrau (em alemão, “a jovem”, “a virgem”) é uma montanha de 3.454 metros de altura localizada nos Alpes Suíços, perto da capital do país, a cidade de Berna. O topo da montanha foi alcançado pela primeira vez em 1811, através de uma longa expedição pelas geleiras. A partir de 1865, uma rota para o topo da montanha foi aberta, mesmo que de maneira precária. Foi só no início do século XX que foi construída uma linha férrea ligando a cidade de Kleine Scheidegg a Jungfraujoch (“joch” é a palavra alemã que significa topo). Em 2001, juntamente com a área de Jungfrau-Aletsch, o local foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
A imponente montanha Jungfrau

As paisagens ao redor de Jungfrau são extremamente contrastantes. A noroeste, ficam precipícios vertiginosos. Já do lado sudeste, fica o Glaciar Aletsch, com picos de 4 mil metros de altura. A sudoeste, com mais de 20 km de comprimento, fica o vale de Aletsch, que é completamente desabitado e rodeado por outros vales glaciares semelhantes. Toda a região constitui a maior área glaciar da Europa.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Vista panorâmica do Vale Aletsch

CURIOSIDADES DE JUNGFRAU

  • A Jungfrau Railway (estrada de ferro da Jungfrau) possui sua própria brigada de incêndio e sua própria usina hidrelétrica.
  • A temperatura média na Jungfraujoch é de -7,9ºC!
  • O nome Jungfrau é uma homenagem a um antigo convento localizado em Interlaken.
  • No topo da montanha fica a loja de chocolates e a relojoaria de maior altitude no mundo!
  • A partir da Jungfraujoch é possível observar a maior geleira da Europa, o Glaciar Aletsch, com 22 km de extensão.
  • Anualmente, mais de 71 nacionalidades diferentes visitam o local.
  • Na montanha, já foram realizadas uma partida de futebol, de tênis, críquete e basquete, além de uma luta de boxe e uma corrida de 100 metros.
  • Semanalmente, um funcionário da ferrovia verifica a pé os 9,2 km de trilhos entre a Jungfrau e a cidade de Kleine Scheidegg.
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Não é à toa que a Suíça é um dos países mais bonitos do mundo, não é mesmo?

COMO VISITAR: COMECE POR INTERLAKEN

O ponto de partida para começar a subida para o topo da Europa é a cidadezinha de Interlaken. Seu nome significa “entre lagos”, uma vez que ela fica entre dois lagos (Brienzer e Thuner), que se ligam através do Rio Aare, que corta a cidade. A cidade possui duas estações de trem Interlaken Ost (Interlaken Leste) e Interlaken West (Interlaken Oeste). Os trens para começar a subir a montanha saem de Interlaken Ost. O trajeto completo entre Interlaken e Jungfraujoch leva cerca de 2 horas (tempo dentro dos trens + trocas de trem). Não se preocupe com o tempo, pois a paisagem é tão incrível que não dá nem para reclamar!

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Entrada do Casino Interlaken, uma das atrações da cidade
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Belezas naturais de Interlaken

Há duas rotas diferentes para subir até o topo:

  • Interlaken => Grindelwald => Kleine Scheidegg => Jungfraujoch
  • Interlaken => Lauterbrunnen => Kleine Scheidegg => Jungfraujoch

É preciso fazer troca de trem em cada uma dessas paradas. O ideal é subir por um lado e descer pelo outro para poder observar diversos pontos diferentes da paisagem dos alpes. Fique com a máquina fotográfica sempre a postos para registrar todos os detalhes pelo caminho!

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
O caminho desde Interlaken até a Jungfraujoch. Figura: site oficial

Confira o video oficial abaixo para ter uma ideia de como é o passeio. Em seguida, daremos mais detalhes sobre como chegar e o que conferir por lá.

PASSO-A-PASSO ATÉ JUNGFRAUJOCH

TRECHO 1: INTERLAKEN OST => GRINDELWALD

Pegue o trem em Interlaken Ost rumo a Grindelwald. Há trens saindo, aproximadamente, a cada 30 minutos. O trem vai fazer 6 paradas (Wilderswill, Zweilütschinen, Lütschental, Burglauene, Schwendi bei Grindelwald e, finalmente, Grindelwald). O percurso completo leva cerca de 35 minutos, segundo o site oficial da SBB, sigla em alemão do Sistema de Trens da Suíça.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Paisagem bucólica na Suíça
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Neve no topo da montanha
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Vacas suíças relaxam no meio da paisagem

TRECHO 2: GRINDELWALD => KLEINE SCHEIDEGG

Chegando em Grindelwald, é preciso descer do trem e pegar um outro trem rumo a Kleine Scheidegg. Segundo o site oficial da companhia de trens, há trens saindo a cada trinta minutos e o trajeto leva pouco mais de meia hora. Você deve descer na parada número 4 do trem (Grindelwald Grund, Brandegg, Alpiglen e, Kleine Scheidegg).

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Vista incrível em Grindelwald
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
A neve começa a dar as caras…

TRECHO 3: KLEINE SCHEIDEGG => JUNGFRAUJOCH

Finalmente, é preciso fazer mais uma troca de trem (a cada meia hora) chegando em Kleine Scheidegg, rumo a Jungfraujoch que leva mais, em média, mais 35 minutos. No meio do caminho, o trem faz uma parada de 5 minutos em Eigerwand para que os visitantes possam bater fotos do Eismeer (Mar de Gelo) em um mirante com um janelão de vidro. Neste local, é possível ver blocos de gelo azulados e sulcados sob um manto de neve eterna.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Vista incrível da Eismeer na paradinha de 5 minutos do trem

ATENÇÃO!

 Fique de olho nos horários de funcionamento dos trens para não comprometer o seu passeio! O primeiro trem sai de Interlaken Ost às 6h35 e há novos trens a cada meia hora. O último sai de Jungfrau às 16h43 (entre final de outubro a março), às 17h43 (em abril e setembro a meados de outubro) e às 18h43 de maio a setembro. Confirme todos os horários do dia do seu passeio antes de ir.

 

QUANTO CUSTA PARA SUBIR A JUNGFRAU

Como é de conhecimento geral, a Suíça é um dos lugares mais caros do mundo para viajar. E, é claro, o preço para subir até Jungfrau é bem salgado! Lembrando que a moeda oficial da Suíça é o Franco Suíço (CHF), o ticket custa a partir CHF 210.80 por pessoa (ida e volta, na 2ª classe do trem, sem assento marcado). Quem estiver viajando pela Suíça de trem e comprar o Swiss Pass, terá um desconto no valor final de cerca de 25%. É possível comprar o ticket na própria estação de trem, ou através da internet pelo site da SBB, da Jungfrau, o do nosso parceiro Viator (tudo explicadinho em português).

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Nossos tickets para Jungfraujoch

Há também opções de excursões partindo de outras cidade suíças para a montanha (mais informações no final do post). Como tudo é organizado previamente por uma empresa prestadora de serviços turísticos, o valor fica um pouco mais caro do que fazer o passeio por conta própria, mas você não terá preocupações com horários e terá alguém que pode ajudar no local, caso precise.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Um dos trens que sobe a Jungfrau

DICAS

Leve jaqueta e cachecol para se proteger do frio. Mesmo em dias ensolarados e fora do período de inverno, lá no alto da montanha costuma ter um ar bem gelado e temperaturas próximas a zero ou negativas.
Devido à altitude, algumas pessoas podem se sentir mal por conta do ar rarefeito, incluindo tonturas e dificuldade para respirar. Por isso, procure se hidratar com bastante água e leve um remédio para encarar o “mal da altitude”, caso tenha um histórico de desconfortos.

 

O QUE VISITAR EM JUNGFRAUJOCH

Para ajudar na visita em Jungfraujoch, confira os itens desse mapa que consta no livreto informativo que ganhamos durante o passeio e reproduzimos aqui. Daremos mais detalhes sobre todos esses 10 pontos na sequência.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Mapa das atrações em Jungfrau. Figura: reprodução do livreto oficial

1. ESTAÇÃO DE TREM JUNGFRAUJOCH

Esta é a estação de trem mais alta do mundo, localizada no topo da Jungfrau. Foi construída pelo trabalho árduo de mineiros que escavaram um túnel por dentro da montanha. O início da construção da estrada de ferro, a partir de Interlaken, ocorreu em 1896, e cerca de 100 operários italianos iniciaram os primeiros trabalhos. Dois anos depois, começaram os trabalhos de construção de um túnel por dentro da montanha. Em 1912, após 16 anos, a estação ferroviária de maior altitude da Europa foi inaugurada.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
A estação de Jungfraujoch fica dentro da montanha

2. ARMÁRIO PARA BAGAGENS

O item número 2 do mapa acima não indica uma atração. Após desembarcar do trem, siga as placas que indicam “TOUR” para dar início à visita. Caso precise guardar sua bolsa ou mochila, há uma área guardar as suas bagagens e poder caminhar livre durante todo o passeio pela Jungfraujoch.

3. JUNGFRAU PANORAMA

Esta área exibe um filme panorâmico de 4 minutos sobre a montanha em grandes telões, proporcionando uma experiência 360º. A Jungfrau Panorama foi construída principalmente para que os visitantes que estejam no local em um dia nublado e não consigam ter uma boa visão do lugar, possam ter uma ideia de como é a vista lá de cima.  É possível ver detalhes das fendas no gelo e das montanhas cobertas de neve.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Um cinema 360º é oferecido na Jungfrau Panorama. Foto: site oficial

4. SPHINIX TERRACE

O Terraço da Esfinge tem esse nome como referência ao “Enigma da Esfinge”, no qual viajantes da antiguidade que não conseguissem resolver o enigma, eram estrangulados por um monstro. Para chegar ao terraço, basta pegar um elevador super rápido que leva até o observatório, onde também uma estação de pesquisa internacional, inaugurada em 1931. O elevador sobe 108 metros em apenas 25 segundos! A vista lá de cima é incrível e um local para uma bela foto do topo da montanha é bem concorrido.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
No topo da Europa!
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Jungfraujoch, o topo da Jungfrau
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Combinação perfeita de céu azul e neve

5. GLACIAR ALETSCH & SNOW FUN PARK

Esta área é um grande parque de diversões destinada à prática de esporte de inverno. É possível fazer tubing (descer uma ladeira sentado em uma grande boia de borracha), andar de trenó de inverno, voar na tirolesa Flying Fox de 250 metros, ou esquiar e fazer snowboarding. Todos os equipamentos necessários podem ser alugados no parque. O horário de funcionamento é de meados de maio a meados de outubro de 11h às 17h. Vale lembrar que para usufruir de todas essas brincadeiras é preciso pagar um valor adicional (preços no final do post). No caso dos nossos pais, eles se divertiram muito mesmo sem fazer nenhuma das atividades mencionadas!

6. CABANA MÖNCHSJOCH

A cabana de maior altitude da Suíça é acessível a partir do Jungfraujoch em uma trilha marcada que leva cerca de 45 minutos. A trilha leva atravessa o glaciar alpino Jungfrau-Aletsch, Patrimônio Mundial da UNESCO. É possível se hospedar na cabana de meados de março a meados de outubro. Devido à distância e ao tempo de deslocamento, esse foi o único lugar que não conhecemos. Para mais informações, visite o site oficial.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Basta seguir a trilha por 45 minutos para chegar até a cabana

7. ALPINE SENSATION

No corredor de 250 metros entre o mirante Sphinx e o Ice Palace (falaremos em seguida) fica o Alpine Sensation (Sensação Alpina). Esse espaço atual, repleto de imagens, luz e som, existe devido ao esforço que os mineiros fizeram para construir um túnel para a estrada de ferro que passa por dentro da montanha. Há 30 tábuas comemorativas que contam toda essa história, recheada de emoções. Nesta área também fica um enorme globo de neve gigante todo decorado e iluminado.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Uma homenagem aos mineiros que trabalharam na construção da estrada de ferro
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Um enorme globo de neve “guarda” a Jungfrau
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Maquete mostra onde fica a estação de trem Jungfraujoch

8. ICE PALACE

O Palácio de Gelo foi criado entre alguns corredores construídos na década de 1930 com picaretas e serras. A caverna possui uma área de mais de 1 mil m² com inúmeros vãos e passagens. Atualmente, o local abriga muitas obras de gelo criadas por diversos artistas, como águias, pinguins e ursos. O local é geladíssimo e super escorregadio! Vá com calma, segurando no corrimão e não faça como o Paulo que tentou fazer uma graça e levou um tombo no gelo.

9. PLATÔ NO GLACIAR

Abaixo da Jungfrau, na beira da geleira Aletsch, fica o glaciar Aletsch. É possível admirá-lo através de uma plataforma de observação sensacional! Esta área é excelente para fotos e a bandeira da Suíça é um dos lugares mais procurados pelos turistas para registrar a ocasião da visita. Nós visitamos o local em um dia ensolarado belíssimo e pudemos apreciar a vista deslumbrante a partir do mirante.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Vista incrível do platô
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Paulo e a mãe dele com a bandeira da Suíça
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Só um pouquinho de empolgação

10. COMPLEXO TURÍSTICO

Na lojinha de presentes no topo da montanha é possível comprar diversos artigos com o logotipo “Top of Europe”. Além disso, há canivetes suíços da Victor Inox, roupas, relógios, figuras de madeira esculpidas à mão.

Os chocolates suíços estão entre os melhores do mundo e para quem não quer perder a chance de prová-los pode dar uma passadinha na Lindt Swiss Chocolate Heaven, uma inesquecível experiência de chocolate! Trata-se de uma experiência interativa através da criação de chocolates, desde a colheita do cacau, passando pelo seu preparo e finalizando com sua degustação. O local conta com 6 exposições interativas que contam todos os segredos da guloseima. Além disso, ali fica a maior loja de chocolates Lindt do mundo! Basta entrar na loja para ganhar um bombom Lindor de presente! A entrada é gratuita e o horário de funcionamento é diariamente de 10h às 17h.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Entrada para a loja da Lindt
  • RESTAURANTES NA JUNGFRAUJOCH

  • Restaurante Bollywood: Um restaurante indiano autêntico com janelões de vidro que proporcionam uma bela vista da montanha. O restaurante conta com um extenso buffer de especialidades indianas com variedades exóticas. Aberto entre início de abril a final de outubro.
  • Restaurante Crystal: Este é um restaurante à la carte com um menu que conta com opções de pratos suíços e iguarias internacionais. Ele também conta com a presença de janelas com vista para os Alpes. Aberto o ano todo.
  • Restaurante Aletsch: Este é o restaurante perfeito para quem quer fazer uma refeição rápida, com pratos quentes simples e sanduíches prontos. Você pega a comida, paga e senta-se em uma das mesas com vista para as montanhas geladas. Aberto 365 dias por ano.

APÓS A VISITA: COMO VOLTAR PARA INTERLAKEN

Na volta, a única coisa diferente da volta em relação à ida é que vale a pena mudar o trajeto, passando pela área entre Kleine Scheiddeg e Lauterbrunnen fazendo o seguinte caminho:

  • Jungfraujoch => Kleine Scheidegg => Lauterbrunnen => Interlaken

Os trens também estão disponíveis a cada meia hora. No entanto, este trecho é um pouco mais demorado (cerca de 45 a 50 minutos), mas garanto que vale cada segundo! Estivemos no local durante o mês de setembro e pudemos ver, inclusive, lindas cachoeiras!

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Hora de voltar para Interlaken
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Observatório no alto da montanha
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Cachoeiras nas rochas deixam a paisagem ainda mais bonita

 INTERLAKEN: DICAS DE HOSPEDAGEM

Uma das coisas que consideramos durante o processo de planejamento para Jungfrau foi pernoitar na cidade de Interlaken. Nossos planos mudaram, mas deixamos aqui uma seleção de hotéis para todos os bolsos e gostos, que são bem localizados e possuem boas avaliações dos clientes.

ALBERGUES
HOTÉIS 2 ESTRELAS
Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Quarto do Hotel Alphorn. Foto: divulgação
HOTÉIS 3 ESTRELAS

HOTÉIS 4 E 5 ESTRELAS

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Um dos quartos do Lindner Grand Hotel Beau Rivage. Foto: divulgação

INTERLAKEN: DICAS DE ONDE COMER

Para quem vai ficar mais tempo em Interlaken, aqui está uma seleção de opções gastronômicas desde os restaurantes mais simples, até refeições mais caprichadas. Aproveite para tomar um chocolate quente e comer um legítimo fondue suíço!

RESTAURANTES

BARES / PUBS / CERVEJARIAS

LOJAS DE CHOCOLATE

DICAS DE EXCURSÕES PARA JUNGFRAU

Quando somente o Paulo e eu viajamos juntos, costumamos fazer tudo sozinhos sempre que possível. Em geral, evitamos tours porque gostamos de curtir tudo a nosso tempo, almoçamos a hora que der, andamos quilômetros a fio sem descanso. No entanto, como a nossa viagem estava focada nos nossos pais, na faixa dos 60 anos, decidimos que seria melhor participar de uma excursão para não termos que nos preocupar com horários dos trens, logística para 6 pessoas, etc. Além disso, os guias costumam falar diversos idiomas e foi bacana ter alguém que pudesse se comunicar com os nossos pais, que não falam inglês. A nossa guia era uma simpática italiana que explicava tudo em espanhol para eles.

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça
Vista do topo da montanha

É possível participar de excursões que saem de Zurique, Lucerna ou Interlaken e sobem a montanha. O primeiro trecho, a partir de Interlaken, é feito de ônibus e os demais são feitos de trem. De resto, o passeio é exatamente igual ao feito por conta própria, mas possui horários definidos para dar tempo de caber tudo em um único dia. Confira algumas opções:

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

Jungfraujoch – Top of Europe

  • Endereço: 3823 Lauterbrunnen, Suíça
  • Funcionamento: aberta 365 dias por ano
  • Snow Fun Park:
    • Passe diário (todas as atividades): CHF 45 adultos / CHF 30 crianças
    • Ski & Snowboard: CHF 35 adultos / CHF 25 crianças
    • Tirolesa: CHF 20 adultos / CHF 15 crianças
    • Tubing ou Trenó: CHF 20 adultos / CHF 15 crianças
    • Trenó especial: CHF 25 adultos / CHF 20 crianças

Para facilitar o seu plenajamento, todas as dicas desde post podem ser encontradas no mapa interativo abaixo:

Guarde esta dica no Pinterest!

Jungfrau: Como conhecer o topo da Europa na Suíça - Viajonários


Leia mais sobre a Suíça:

VAI VIAJAR? PROGRAME AQUI SUA VIAGEM!

=> RESERVA DE HOTEL: Há anos utilizamos o Booking.com para escolhermos nossa hospedagem!

=> ALUGUEL DE CARRO: Nossa dica é fazer uma cotação pela RentalCars e consultar o preço nas principais locadoras do mundo!

=> ENVIO DE BAGAGEM: Para quem está de mudança para outro país ou precisa viajar com muitas malas, confira as opções oferecidas pelo Send My Bag, um serviço incrível de envio de bagagens.

=> INGRESSOS: Não perca seu precioso tempo na fila para comprar tickets. Compre online ingressos para as principais atrações no mundo com Get Your Guide!

=> TOURS E EXCURSÕES PELO MUNDO: Para tours, excursões e passeios variados, a melhor opção é a Viator, uma empresa do grupo do TripAdvisor. Há várias opções bacanas para quem quer dispensar o carro!

=> TICKETS DAS MELHORES ATRAÇÕES DO MUNDO: Com Tiqets você pode adquirir entradas para as melhores atrações das principais cidades do mundo.

=> SEGURO VIAGEM: Não deixe de contratar um seguro viagem antes de viajar!  Na Europa, o seguro viagem é obrigatório! Com Seguros Promo você pode fazer cotações para diversos planos e destinos.

=> CHIP INTERNACIONAL DE CELULAR: Não dá para imaginar ficar sem celular e plano de dados! Com a TravelMobile, você terá o chip funcionando e seu novo número antes de viajar!

3 COMENTÁRIOS

  1. Ola, tudo bem?
    Estou indo para Suica agora em dezembro com meus pais e meus irmaos, mas estou muito confuse em relacao ao meu roteiro devido ao pouco tempo que teremos la, serao apenas 3 dias.
    Se voce puder me ajudar com duas duvidas:
    1- Vamos chegar por Zurique, pensei de conhcer um pouco em Zurique e depois irmos para Interlak para conhecer o Top Of Europe que penso ser imperdivel, mas Meu irmao gostaria muito de ter a oportunidade de esquiar ja que nunca esquiamos. Eu havia pensado que poderia fazer isso no Top of Europe no Snow Fun e seria otimo que teria matado duas coisas em um mesmo tempo, mas vi que em Dezembro estara fechado. Voce sabe me dizer onde seria melhor , se existe algum lugar proxima que possamos esquiar?
    2- Estou muito na duvida em relacao ao transporte, ja que somos 5 pessoas e ‘e muito caro o Swiss Pass, estou na duvida se compramos o Swiss Pass se vale a pena ja que teremos pouco tempo la.
    Te agradeco muito se voce puder me ajudar com essas duvidas.
    Adorei o blog de voces, achei muito informativo.
    Obrigada
    Rafa

    • Oi Rafaela, tudo bem?

      Sim, 3 dias é bem apertado mesmo. Nós já estivemos na Suíça algumas vezes e, na última, viajamos com os nossos pais. Queríamos levámos para conhecer a neve e, por isso, optamos por ir até a Jungfrau. Eram 6 pessoas e pouco tempo também. O Swiss Pass não vale a pena para tão pouco tempo. Além disso, não é válido até o Topo da Jungfrau, só até a primeira parte. Ou seja, você teria que gastar ainda mais para terminar a subida.
      Como estávamos com os nossos pais e tempo mega restrito, fizemos um tour com tudo incluso que nos levou até lá. Tudo muito organizado e com uma guia que falava espanhol e facilitou muito a vida deles que não falavam inglês. Foi uma delícia, mas cansativo porque é o dia inteiro de passeio. De qualquer forma, recomendamos muito a excursão. Caso se interesse, foi essa aqui que fizemos.

      Se vocês não se importam em conhecer a Jungfrau, mas a prioridade é ver neve e esquiar, existe uma outra montanha mais próxima a Zurique é o Monte Titlis. Nós já fomos lá e é muito legal (veja aqui: Suíça: Neve o ano todo no Mt. Titlis em Engelberg). Há também Tours saindo de Zurique para lá.

      Uma outra opção bacana é passar um dia em Lucerna, uma cidade super charmosa e com várias atrações interessantes e bem pertinho de Zurique. Lá fica o Mt. Pilatus, que também tem várias atrações. Há tours saindo de Zurique também.

      Opinião Viajonários: Se vocês nunca esquiaram, será difícil conseguir fazer em um único dia em qualquer lugar que seja. Seria bom ter tempo para fazer pelo menos uma aula, porque existem técnicas importantes para parar em pé e conseguir se locomover.
      Devido ao tempo escasso, seria interessante priorizar outras atividades e deixar para esquiar para uma próxima, quando tiver mais dias dedicados apenas a ficar em estações de esqui.

      Abraços e uma excelente viagem para vocês! 🙂

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por gentileza, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui