Itália: O que fazer em Turim – Roteiro de 2 ou 3 dias

0

Neste post você vai encontrar um roteirinho caprichado para conhecer Turim, com muitas dicas interessantes para aproveitar o melhor dessa linda cidade, cheia de história no norte da Itália. Turim é uma cidade bem interessante com vários museus muito bacanas para conhecer. Acabou nos surpreendendo muito positivamente. Venha conferir o porquê!

A CIDADE DE TURIM

Turim é uma cidade italiana na região do Piemonte que possui quase 900 mil habitantes, sendo a quarta maior cidade da Itália (atrás de Roma, Milão e Nápoles). Fatos interessantes sobre Turim:

  • A cidade é famosa por ser sede da FIAT (sigla que significa Fabbrica Italiana Automobili Torino, ou seja, Fábrica Italiana de Automóveis Turim, em tradução literal).
  • O Rio Pó, que é o maior rio da Itália, corta a cidade.
  • Foi a capital da Itália entre 1861 e 1864.
  • Na cidade se encontra a relíquia que ficou conhecida como “Santo Sudário”.
  • Possui o maior museu com obras egípcias fora do Egito.
  • Sede de dois importantes times de futebol: Torino F.C. e Juventus F.C.
  • Foi na cidade que surgiram empresas como a Telecom Itália e a rede de televisão RAI
  • A cidade está construída em cima de ruínas do império romano e até hoje há muitas escavações.
  • Abriga a primeira unidade do mundo do mercado-restaurante-mercearia-loja Eataly.
Rua no centro de Turim
Praça no centro de Turim

A CASA DE SAVÓIA

Em Turim é impossível não ouvir (muito!) sobre a Casa de Savóia (ou Sabóia). E para entender melhor o contexto histórico, vale a pena saber que a Casa de Savóia é uma das famílias reais mais antigas do mundo. Ela foi fundada em 1003, na antiga região de Savóia (atualmente, compreende partes da França, Suíça e Itália). A Casa de Savóia conduziu a unificação da Itália em 1861 e governou o Reino da Itália de 1861 até 1946. Os reis de Savóia foram Victor Emmanuel II, Umberto I, Victor Emmanuel III e Umberto II. O último monarca governou por algumas semanas antes de ser deposto após o referendo constitucional de 1946, quando a monarquia foi abolida e a república italiana foi proclamada.

Curiosidade: Em Turim, estão localizadas as “Residências da Casa de Savóia”, um conjunto de prédios que são Patrimônios Mundiais da UNESCO. Esses prédios começaram a ser construídos em 1562 quando o Duque de Savóia transferiu a capital do Reino da Itália para Turim. Os edifícios, ricamente construídos foram concebidos para impressionar o público e demonstrar o poder da Casa de Savóia. Bem como palácios em Turim, casas de campo e casas de caça foram construídas na zona rural circundante.
Fachada do Palazzo Reale
Palazzo Madama, uma das residências da Casa de Savóia

O QUE FAZER EM TURIM

Para ajudar você a programar a sua viagem a Turim, colocamos todas as nossas sugestões no mapa interativo abaixo para facilitar localizar cada uma delas e criar um roteiro bem bacana. Dividimos em cores porque acreditamos que é a melhor forma em dividir os dias de passeios. As atrações em azul, ficam no centro e são facilmente acessíveis a pé, mas podem levar de 1 a 2 dias para serem exploradas dependendo da sua vontade de bater perna por museus e palácios. As verdes ficam um pouco mais distantes do centro e você pode usar o transporte público ou alugar um carro. Finalmente, em roxo estão os estádios dos dois grandes times de futebol da cidade: Juventus e Torino, caso você queira incluir uma partida de futebol no roteiro ou um tour informativo.

1. PORTA PALATINA

A Porta Palatina representa a principal evidência arqueológica da fase romana da cidade e é um dos mais bem preservados portões romanos do século I a.C. no mundo. Trata-se de um dos antigos portões que existiam na cidade murada. Juntamente com os restos de um antigo teatro romana, que fica em uma área próxima, faz parte do chamado Parque Arqueológico, inaugurado em 2006.

  • Endereço: Piazza Cesare Augusto, 10122 Turim, Itália
Porta Palatina
Escultura localizada em frente à Porta Palatina
Estátua do Imperador Júlio César em frente à Porta Palatina

2. GALLERIA SABAUDA

Fundada em 1832, a Galleria Sabauda é uma pinacoteca que possui uma das coleções mais importantes da Itália. A coleção abriga obras de artistas holandeses como Gerrit Dou, Jan van Eyck, Rubens, Rembrandt e uma vasta gama de pintores italianos

  • Endereço: Piazzetta Reale, 1, 10122 Turim, Itália
  • Horários: de terça a domingo de 9h às 19h / fechada às segundas-feiras
  • Entrada: €12

3. CATEDRAL DE SÃO JOÃO BATISTA (SANTO SUDÁRIO)

O Duomo di Torino, também conhecido como Catedral de São João Bastista, é a igreja mais importante da cidade. É nela que está guardado o Santo Sudário, um pedaço de linho que acredita-se ter envolvido Cristo após a crucificação. Ele está guardado na igreja desde o século XIV. Anteriormente, pertencia a Casa de Savóia, família tradicional da região do Piemonte, mas foi doada para o Vaticano em 1983. Entrando na igreja há um video explicativo sobre o Santo Sudário. Embora possa tirar fotos de todos os locais da igreja, há uma placa em vários idiomas pedindo para que não sejam tiradas fotos do Santo Sudário, mesmo que a peça em exposição ali seja uma réplica (a original fica aguardada em um lugar a que o público não tem acesso dentro da igreja). Respeitosamente, não tiramos fotos diretamente desta relíquia.

  • Endereço: Piazza San Giovanni, 10122 Turim, Itália
  • Horários: de segunda a sábado de 7h às 12h30 e de 15h às 19h / domingo de 8h às 12h30 e de 15h às 19h
  • Entrada: gratuita
Fachada da Catedral de Turim
Decoração interna da Catedral
Dentro da Catedral
Área do Santo Sudário

4. PALAZZO REALE

O Palácio Real de Turim é, sem sombra de dúvida, o mais belo e requintado da cidade. O palácio foi o primeiro construído pela família Savóia na região de Piemonte. Ele é lindíssimo e conta com uma rica exposição de artefatos históricos. A parte mais impressionante é a Armeria Reale, que abriga uma das maiores exposições de arma do mundo! Ficamos encantados com o que vimos por lá. Infelizmente, não é permitido tirar fotos em nenhuma área interna do palácio.

  • Endereço: Piazzetta Reale, 1, 10122 Turim, Itália
  • Horários: de terça a domingo de 8h30 às 19h30
  • Entrada: €12
Em frente à entrada do Palazzo Reale
Em frente à entrada do Palazzo Reale
Pátio interno do Palazzo Reale
Pátio interno do Palazzo Reale
Armeria Reale. Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons. CarloAlberto1837
Armeria Reale. Foto: CarloAlberto1837

5. IGREJA DE SAN LORENZO

Pertinho do Palazzo Reale fica a Igreja de San Lorenzo. A construção desta igreja, em estilo barroco, teve início em 1634 e foi finalizada em 1680. O arquiteto responsável pelo projeto foi Guarino Guarini, que desenhou uma cúpula suportada por oito pilares formando uma rede semelhante àquelas encontradas em mesquitas e igrejas românicas na Espanha.

  • Endereço: Via Palazzo di Città, 4, 10122 Turim, Itália
  • Horários: diariamente de 7h30 às 12h e de 16h às 19h / feriados de 9h às 13h e de 15h às 19h30
  • Entrada: gratuita

6. PALAZZO MADAMA

O Palazzo Madama é Patrimônio da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação) desde 1997 e faz parte do conjunto das residências da Casa de Savóia. O palácio é constituido por duas partes que são interligadas: o barroco Palazzo Madama e o medieval Casaforte degli Acaja. Ao visitar o palácio você consegue identificar diversas áreas do palácio medieval que existia no local anteriormente. Algumas delas estão expostas ao público através de paredes ou chão de vidro. O Palazzo tem uma grande exposição de obras barrocas, esculturas antigas, muitos quadros e uma vasta coleção de porcelana.

  • Endereço: Piazza Castello, 10122 Turim, Itália
  • Horários: de quarta a segunda de 10h às 18h / fechado às terças-feiras
  • Entrada: €10
Fachada do Palazzo Madama
Área medieval do Palácio
Chão de vidro para ver as antigas ruínas

7. MUSEU DO RESSURGIMENTO

O Palazzo Carignano é um edifício histórico da cidade, construído em 1679, que abriga o Museu do Ressurgimento, o mais importante museu da Itália sobre a Unificação Italiana (1815–1871), quando se tornou, de fato, um Estado nacional. O museu foi fundado em 1878 e suas exibições incluem armas, bandeiras, uniformes, impressos e documentos escritos (incluindo o manuscrito original da canção “Il Canto degli Italiani” hino nacional da Itália desde 1946), e obras de arte.

  • Endereço: Via Accademia delle Scienze, 5, 10123 Torino, Itália
  • Horários: de terça a domingo de 10h às 18h / fechado às segundas-feiras
  • Entrada: €10

8. MUSEO EGIZIO (MUSEU EGÍPCIO)

Fundado em 1824, o Museu Egípcio de Turim abriga mais de 37 mil artefatos do Antigo Egito. Ele é o segundo maior museu do mundo sobre o tema, ficando atrás somente do Museu do Cairo, no Egito. A exposição de objetos egípcios é muito rica, desde utensílios do dia-a-dia, pergaminhos, cerâmica, esculturas, sarcófagos e múmias embalsamadas. O museu passou por um processo de restauração de 3 anos e foi reaberto em 2015 recheado de novidades.

  • Endereço: Via Accademia delle Scienze, 6, 10123 Turim, Itália
  • Horários: de terça a domingo de 9h às 18h30 / segunda de 9h às 14h
  • Entrada: €13
Estátua no Museu Egípcio
Coleção de sarcófagos

9. MOLE ANTOLLIANA & MUSEU NACIONAL DE CINEMA

Projetada pelo arquiteto Alessandro Antonelli (daí o nome), a Mole Antonelliana foi construída entre 1863 a 1897 para abrigar uma sinagoga. Esse monumento excêntrico de 167 metros de altura, acabou se tornou um símbolo de Turim. O edifício abriga o Museu Nacional de Cinema, que é considerado os mais importantes do mundo pela riqueza do patrimônio e pela multiplicidade das suas atividades científicas e educacionais. Mas o que o torna realmente único é a peculiaridade do seu tipo de exposição, com equipamentos antigos de filmagem, peças usadas em filmes antigos e outros itens raros. Além do museu, é possível também super em um incrível elevador panorâmico que leva até um mirante localizado a 70 metros de altura.

  • Endereço: Via Montebello, 20, 10124 Turim, Itália
  • Horários: de segunda, quarta, quinta, sexta e domingo de 9h às 20h / sábado de 9h às 23h / fechado às terças-feiras
  • Entrada: Museu: €10 / Elevador Panorâmico: €7 / Museu + Elevador: €14
Mole Antonelliana

10. RIO PÓ, PARCO DEL VALENTINO & BORGO MEDIEVALE

Para quem gosta de conhecer áreas verdes das cidades e tomar um pouco de ar puro, uma boa opção é conhecer o Parco del Valentino, à beira do Rio Pó, o maior e mais importante rio da Itália. Com 421 mil m² de extensão, ele foi inaugurado em 1856 e se tornou o primeiro jardim público da Itália. Nele também fica o Borgo Medievale, um castelo construído em 1884 que procura retratar uma vila da região do Piemonte na época medieval. Há lojas temáticas, eventos típicos e tours guiados pela área.

  • Endereço:
    • Parque: Corso Massimo d’Azeglio, 10126 Turim, Itália
    • Borgo Medievale: Viale Virgilio, 107, 10126 Turim, Itália
  • Horários:
    • Parque: 24 horas por dia
    • Borgo Medievale: de 9h às 19h
  • Tours guiados pelo Borgo Medievale:  €6
Linda vista do Rio Pó

11. MUSEU DO AUTOMÓVEL

Fundado em 1960, o Museu do Automóvel de Turim possui um acervo de, aproximadamente, 200 carros de 80 marcas e 8 países diferentes (Itália, França, Grã-Bretanha, Alemanha, Holanda, Espanha, Estados Unidos da América, Polônia). Situado em um edifício de três andares, o museu passou por uma ampliação, em 2011, e reabriu com uma área de 19 mil m² de exposições. O museu também tem a sua própria biblioteca, centro de documentação, livraria e auditório.

  • Endereço: Viale Virgilio, 107, 10126 Turim, Itália
  • Horários: segunda de 10h às 14h / terça de 14h às 19h / quarta, quinta e sábado de 10h às 19h / sexta e sábado de 10h às 21h
  • Entrada: €12

12. BASÍLICA DE SUPERGA

A Basílica de Superga foi construída no alto de uma colina, entre 1717 e 1731, pelo rei Vittorio Amedeo II de Savóia. Sua construção ocorreu como agradecimento à Virgem Maria, depois de derrotar o cerco francês a Turim em 1706. A entrada da basílica com o seu magnífico pórtico suportado por oito colunas coríntias maciças. Uma curiosidade é que a igreja contém os túmulos de muitos príncipes e reis da Casa de Savóia, incluindo o Monumento a Carlo Emanuele III (1733). Debaixo da igreja estão os túmulos da maior parte dos membros família Savóia.

  • Endereço: Strada Basilica di Superga, 73, 10132 Turim, Itália
  • Horários:
    • Tumbas e apartamentos reais:
      • de março a outubro de quinta a terça de 10h às 19h (última entrada 18h15) /  fechada às quartas
      • de novembro a fevereiro aos sábados, domingos e feriados de 10h às 18h (última entrada às 15h15)
    • Domo:
      • de março a outubro de quinta a terça de 10h às 19h (última entrada 18h40); fechada às quartas
      • de novembro a fevereiro de segunda a sexta de 10h às 17h / sábado de 9h30 às 17h / domingo de 12h45 às 17h / última entrada 16h40
  • Entrada:
    • Tumbas e apartamentos reais: €5
    • Domo: €3
Basílica de Superga

FUTEBOL EM TURIM

Futebol em Turim é coisa série, já que a cidade possui dois times grandes. Fãs de futebol podem aproveitar a passagem por Turim para assistir a uma partida do campeonato italiano ou da Champions League em Turim. Para quem não tiver tempo (ou sorte de estar na cidade em dia de jogo), pode aproveitar também para fazer um tour e conhecer o museu de um deles.

TORINO F.C.: ESTÁDIO OLÍMPICO DE TURIM

O Estádio Olímpico de Turim começou a ser construído em 1933 para a Copa do Mundo de 1934. O nome oficial era Stadio Mussolini, em homenagem ao ditador Benito Mussolini. Até 1990, ele era sede tanto do Torino quanto do Juventus. Em 2006, ele foi renomeado como “Estádio Olímpico” para ser utilizado como sede das Olimpíadas de Inverno. Com capacidade de 25.300 assentos, ele continua a ser a sede dos jogos do time Torino F.C. até os dias atuais.

  • Endereço: Via Filadelfia, 96/b, 10134 Turim, Itália

JUVENTUS F.C.: JUVENTUS STADIUM

Construído em 2011, o Juventus Stadium tem capacidade para 41.500 torcedores e sediou a final da Copa da UEFA em 2014. Ele foi construído no local onde antes ficava o antigo Stadio delle Alpi, especialmente construído para a Copa do Mundo de 1990, que foi demolido em 2008. O atual estádio faz parte de um grande complexo que inclui um shopping center, um estacionamento para 4 mil veículos e um hotel. Além de assistir às partidas do clube, é possível ainda fazer tours guiados e visitar o museu do clube.

  • Endereço: Corso Gaetano Scirea, 50, 10151 Turim, Itália
  • Visitação:
    • Museu: diariamente (exceto terças) entre 10h30 e 18h30 (até 19h30 em sábados, domingos e feriados) – Preço: €15
    • Museu + Tour no estádio: Preço:  €22
      • segunda, quarta, quinta e sexta às 11h, 12h30, 14h45 e 16h15
      • fins de semana e feriados: a cada meia hora de 11h às 17h30, exceto 17h
    • Museu + Tour especial em dia de jogo: Preço: €30 / horário varia dependendo do jogo, leia mais informações neste link

ONDE COMER EM TURIM

  • Eataly Torino Lingotto: Mais do que um lugar para comer, o Eataly é uma atração turística. Este mercado moderno possui um pouco de tudo e inclui restaurantes, padaria, alimentos, bebidas e venda de artigos culinários. A unidade original é justamente a fundada em Turim em 2004. (Via Nizza, 230/14, 1012 Turim Itália)
  • Bottega Mia (Via Palazzo di Città, 19, 10122 Turim, Itália)
  • Caffè Fiorio (Via Po, 8, 10121 Turim, Itália)
  • Caffè Al Bicerin (Piazza della Consolata, 5, 10122 Turim, Itália)
  • Grom: deliciosos sorvetes (Via Giuseppe Garibaldi, 11, 10122 Turim, Itália)

ONDE SE HOSPEDAR EM TURIM

Selecionamos alguns hotéis bem localizados no centro da cidade para hospedagem em Turim. Confira algumas opções:

DICA DE ECONOMIA: TORINO CARD

Para quem está pretendendo visitar vários museus e palácios da cidade, uma dica de economia é adquirir o Torino Card, que é válido para a cidade de Torino e a região do Piemonte. Ele pode ser adquirido nas versões para 1, 2, 3 ou 5 dias e dá entrada gratuita ou descontos em diversas atrações. Para saber mais, acesse este link.


Veja mais dicas de destinos na Itália:

Deixe seu comentário