Inglaterra: Monumento pré-histórico Stonehenge

Um dos lugares mais enigmáticos do mundo está localizado no interior da Inglaterra: o belíssimo monumento pré-histórico Stonehenge. As rochas estão incrivelmente posicionadas de forma estratégica e é, realmente, incrível imaginar como os homens pré-históricos construíram este templo. Quer saber como visitar, o que encontrar por lá e muitas dicas para fazer um passeio bate-volta de Londres super interessante? Vem com a gente!

INGLATERRA: MONUMENTO PRÉ-HISTÓRICO STONEHENGE

Patrimônio Mundial da UNESCO desde 1986, o Stonehenge é um monumento pré-histórico localizado no interior da Inglaterra a 13 km ao norte da cidade de Salisbury. Com uma história de 4500 anos Stonehenge tem muitos significados diferentes para pessoas hoje. É uma maravilha do mundo, um lugar espiritual e uma fonte de inspiração. O círculo de pedra é uma obra-prima da engenharia, e para ser construído teria levado enorme esforço de centenas de pessoas bem organizadas usando apenas ferramentas e tecnologias simples.

Stonehenge, um dos monumentos mais intrigantes do mundo
Stonehenge, um dos monumentos mais intrigantes do mundo

Os arqueólogos acreditam que o Círculo de Pedras que ficam em pé foi construído a partir de 3000 a.C. a 2000 a.C. As pedras possuem até 5 metros de altura e pesam até 50 toneladas. E o que faz do lugar tão especial? As pedras não foram colocadas aleatoriamente, muito pelo contrário. Os povos neolíticos ergueram uma construção magnifica que respeita o movimento do astros, principalmente do sol, e indicam os dias do ciclo anual. Tudo indica que o Stonehenge foi importante para auxiliar no ciclo agrícola através de observações astronômicas que ajudaram a identificar os solstícios de verão e de inverno, identificando o início e o fim das estações do ano e, assim, as melhores épocas de plantio e colheita. Mas não se pode ignorar o fato de que, provavelmente, o local também era utilizado com funções religiosas, como um templo da Idade do Bronze. Acredita-se que o Stonehenge pode ter sido um cemitério desde seus primórdios, já que depósitos contendo ossos humanos na área datam a partir de 3000 a.C.

Pedras gigantescas colocadas em pé
Pedras gigantescas colocadas em pé

COMO É A VISITA AO STONEHENGE

Saindo do estacionamento, dirija-se ao belo prédio envidraçado que abriga o Centro de Visitantes. Caso você tenha seguido a nossa sugestão de transporte público do post “Inglaterra: Como chegar ao Stonehenge a partir de Londres“, estará com a pulseirinha no punho e bastará apenas mostrá-la para acessar a área de exposições que fica à direita. Caso você ainda não tenha adquirido o ingresso, fique na fila para comprá-lo. Há também a possibilidade de comprar online (veja preços e outras informações abaixo).

1. EXPOSIÇÃO DO CENTRO DE VISITANTES

A exposição do Centro de Visitantes permite que os turistas descubram a história de Stonehenge: as pedras, a paisagem, as pessoas e seu significado, através de uma poderosa combinação de experiências de áudio-visual de ponta e objetos antigos incríveis. Antigamente, o Centro de Visitantes não tinha uma estrutura tão interessante, mas desde o final de 2014, quando foi reformado, são mais de 250 objetos arqueológicos e tesouros descobertos na paisagem exibidos juntos, pela primeira vez. Variando de joalharia, cerâmica e ferramentas para antigos restos humanos. Muitos desses itens são emprestados  do Salisbury Museum e Wiltshire Museum.

Chegada ao Stonehenge, com o Centro de Visitantes ao fundo
Chegada ao Stonehenge, com o Centro de Visitantes ao fundo

Um dos destaques da exposição é ver o rosto de um homem que vivia no local 5.500 anos atrás – uma reconstrução forense baseada em ossos encontrados perto de Stonehenge.

A impressionante reconstrução de um homem da época
A impressionante reconstrução de um homem da época

Outro destaque é ver a apresentação “Standing in the Stones”, assistindo à passagem das estações e fazendo uma viagem através do tempo com um recurso visual que coloca os visitantes no meio das pedras com uma vista panorâmica 360º. É bem interessante ver a paisagem da região mudando através do tempo.

stonehenge4
Exposição no Centro de Visitantes
stonehenge2
Partes de ossos humanos e objetos encontrados no local

2. CASAS NEOLÍTICAS

Do lado de fora do Centro de Visitantes ficam as Casas Neolíticas. É possível conhecê-las por dentro e por fora para entender como as pessoas viviam há 4500 anos atrás! As casas foram reproduzidas com materiais e técnicas autênticas das utilizados na época.

Casas neolíticas
Casas neolíticas

Ao lado das casas fica uma pedra do mesmo tamanho das que formam o Círculo de Pedras. Você pode tentar puxá-la para ver o que acontece. O Paulo bem que tentou, mas ela não se mexeu um milímetro sequer! 🙂

Aceita o desafio de puxar essa pequena pedrinha?
Aceita o desafio de puxar essa pequena pedrinha?

3. MONUMENTO STONEHENGE – CÍRCULO DE PEDRAS

Para ir ao famoso Círculo de Pedras você tem duas opções: andar 2,5 km do Centro de Visitantes até o sítio ou pegar o microônibus que leva até o local.

Microônibus que faz o transporte entre o Centro de Visitantes e o Círculo de Pedras
Microônibus que faz o transporte entre o Centro de Visitantes e o Círculo de Pedras

Basta entrar na fila que fica próxima a área da Loja de Presentes. A fila pode estar grande, mas os microônibus não param de fazer viagens, por isso, não tende a demorar muito. Vale a pena pegar no Centro de Visitantes um panfleto com a localização dos principais pontos do Stonehenge para facilitar a visita. Cada ponto representado no mapa abaixo, está indicado no Círculo de Pedras e você pode ouvir todas as explicações no audio guide (que é pago e não tem em português). DICA: Caso você fale inglês, ao invés de pagar pelo audio guide, baixe o aplicativo “Stonehenge Audio Tour” para iphone ou Android e leve fones de ouvido. O conteúdo é o mesmo do audio guide e você não paga nada por isso.

Reprodução do folheto com a localização dos pontos mais importantes
Reprodução do folheto com a localização dos pontos mais importantes

Antigamente, era possível andar pelo meio das pedras, mas isso foi proibido devido ao mau comportamento de alguns visitantes que tentavam escalar as pedras e até mesmo tirar pedaços delas para levar de lembrança para casa. Atualmente, é organizada uma trilha ao redor do Círculo de Pedras toda demarcada.

É preciso caminhar pela trilha demarcada ao redor das pedras
É preciso caminhar pela trilha demarcada ao redor das pedras

Nas áreas gramadas, é possível sentar (ou deitar) para ficar admirando a paisagem à vontade, sem pressa. Nossa dica é que você siga os números indicados no mapa acima para ouvir as informações detalhadas sobre a construção do local. Mesmo estando um pouco longe, é incrível ver aquelas pedras enormes em frente aos nossos olhos. Demos uma volta bem demorada observando o local por todos os ângulos possíveis. Aqui vão algumas fotos por vários ângulos diferentes.

stonehenge7 stonehenge8 stonehenge10
stonehenge12

4. CAFÉ E LOJA DE PRESENTES

Você pode aproveitar a visita ao Stonehenge para abastecer as energias comendo sanduíches e salgados no Café Stonehenge que fica no Centro de Visitantes. Ele é todo envidraçado e tem mesas de madeira compridas e bancos. Comemos um salgado de massa folhada que estava bem gostoso. Vale a pena programar porque no horário do almoço, as filas podem ser grandes. A lojinha tem muitos artigos relacionados à Inglaterra e ao Stonehenge. Aproveitamos para comprar mais um ímã para a nossa coleção. É possível fazer compras online também.

COMO CHEGAR

Veja todas as dicas de como chegar ao Stonehenge no post “Inglaterra: Como chegar ao Stonehenge a partir de Londres“. Dicas para chegar ao local de carro, excursões partindo de Londres ou transporte público a partir de Londres. Para quem vai de transporte público, tudo está bem detalhado e falamos da possibilidade de incluir outras atrações em Salisbury, a cidade com estação de trem mais próxima do Stonehenge.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

Stonehenge

  • Endereço: Amesbury SP4 7DE
  • Horários 2016-17: 
    • de junho a agosto: diariamente de 9h às 20h
    • de setembro a meados de outubro: diariamente de 9h30 às 19h
    • de meados de outubro a meados de março: diariamente de 9h30 às 17h
    • de março a maio: diariamente de 9h30 às 19h
    • IMPORTANTE: última entrada pode ser feita com até 2 horas antes do fechamento
  • Entrada: £15 – compre online neste link (confira a opção de ônibus turístico porque sai mais em conta para quem viaja a partir de Londres, já que da cidade de Salisbury para o Stonehenge não há transporte público)
  • Audio Guide: £3
  • Estacionamento: Para que vai de carro, há estacionamento que exige pagamento antecipado de £5 e devolve o dinheiro caso você mostre o ticket de visita ao monumento.

O QUE VISITAR ALÉM DO STONEHENGE

Você pode aproveitar a visita ao Stonehenge para incluir outras atrações no seu roteiro de viagem. Veja algumas possibilidades:

1. A CIDADE DE SALISBURY

Para quem vai de transporte público, como foi nosso caso, nossa sugestão é adquirir o ticket completo do The Stonehenge Tour (veja o post “Inglaterra: Como chegar ao Stonehenge a partir de Londres” para detalhes) para visitar as atrações da charmosa cidade de Salisbury.

Old Sarum

Saindo do Stonehenge, a primeira parada é o Old Sarum é o local do primeiro assentamento da cidade de Salisbury. Localizado sobre uma colina a cerca de 3 km ao norte de Salisbury, as ruínas estão abertas à visitação. Acredita-se que a ocupação do local teve início em 3000 a.C. Um forte foi erguido por volta de 400 a.C. e o local continuou a ser ocupado durante o período romano. Os saxões tomaram o forte britânico no século VI e mais tarde o usaram como uma fortaleza contra saqueadores vikings. Um palácio real foi construído dentro do castelo para o Rei Henrique I. O auge do assentamento durou cerca de 300 anos, até que as disputas entre o xerife Wiltshire e o bispo de Salisbury finalmente levaram à remoção da igreja para a planície nas proximidades. A Nova Salisbury cresceu em torno do canteiro de obras para a nova catedral, no início do século XIII, e os edifícios de Old Sarum foram desmantelados. Atualmente, no local são encontradas apenas ruínas.

  • Endereço: Castle Rd, Salisbury SP1 3SD
  • Como chegar: O ônibus do The Stonehenge Tour desembarca os passageiros em um ponto próximo ao Old Sarum. Para chegar até o local, atravesse a estrada e siga a pé para o lado contrário do centro de Salisbury (sentido contrário do ônibus). Depois de uma caminhada íngrime de aproximadamente 10 minutos, mas nada difícil, chega-se a entrada do Old Sarum. Para quem já tem o ticket do ônibus, basta apresentá-lo na bilheteria para começar a explorar o local.
  • Entrada: £4.50 (para quem compra o ticket à parte)
  • Horários: diariamente de 10h às 18h no verão (17h em outubro) / de 10h às 16h no inverno
  • Para ir para o centro de Salisbury: Volte para o mesmo ponto de ônibus em que você desceu na ida. Não precisa ficar esperando somente os ônibus da The Stonehenge Tour para ir para a cidade (lembrando que durante os meses de inverno os ônibus da The Stonehenge Tour passam a cada hora). Você pode pegar qualquer ônibus da Salisbury Red que siga para o centro Salisbury, bastando mostrar o seu ticket da The Stonehenge Tour para o motorista na entrada.
Ruínas do Old Sarum
Ruínas do Old Sarum

Catedral de Salisbury

Pegando o ônibus no Old Sarum, chega-se facilmente à cidade de Salisbury. O centro da cidade é uma gracinha, cheio de flores e casinhas típicas e vale super a pena caminhar por lá. A grande atração da cidade é, sem dúvida, a Magna Carta de 1215, que limitou o poder dos monarcas britânicos, impedindo o exercício do poder absoluto. Quem assinou foi o Rei João, que depois de desentendimentos com o Papa da época, foi obrigado a renunciar a alguns direitos e teve que se submeter a procedimentos legais, pois passaria a estar sujeito  às leis. É permitido tirar fotos por toda a Catedral, exceto do documento, que fica em uma câmara cuja entrada é feita através de cortinas. É possível também visitar a Torre da Catedral e subir os seus degraus para ter uma vista panorâmica da cidade (por uma taxa adicional). Há também um restaurante e uma lojinha dentro da Catedral. Depois de visitar a Catedral, caminhe pela cidade para conhecê-la e fazer alguma refeição e, posteriormente, siga a pé até a estação de trem pois ela fica em uma localidade bem próxima.

  • Endereço: 6 The Close, Salisbury SP1 2EJ
  • Horários: diariamente de 9h às 17h no verão / de 12h às 16h no inverno
  • Preço: é sugerida uma doação voluntária para entrar na Catedral de Salisbury de £7.50
Vitral colorido da Catedral de Salisbury
Vitral colorido da Catedral de Salisbury

Os preços com o The Stonehenge Tour são (até 2017):

  • Só ônibus até o Stonehenge (NÃO inclui entrada): £15
  • Ônibus + Old Sarum + Stonehenge (inclui entradas): £28
  • Ônibus + Old Sarum + Stonehenge + Catedral de Salisbury (inclui entradas): £34

Para facilitar a localização de cada uma das atrações, no mapa abaixo, incluímos o Stonehenge, o Old Sarum, a Catedral de Salisbury e a estação de trem de Salisbury.

2. EXCURSÕES DIVERSAS

Citamos no post “Inglaterra: Como chegar ao Stonehenge a partir de Londres” que uma das opções de chegar ao local é através de excursões e elas sempre incluem passagem por cidades ou atrações interessantes com as cidades de Bath, Avebury, Oxford e até mesmo um passeio pelo Castelo de Windsor. Confira algumas das opções:


Leia mais sobre o Reino Unido: