Como tudo começou…

2
Este é o primeiro post do blog sobre nossa jornada fora do Brasil!
No final de 2011, após quitarmos o financiamento do nosso apartamento, meu marido chegou em casa e me fez uma surpreendente proposta: “E agora o que vem depois? Compramos um apartamento maior e vamos novamente para um financiamento? E se… fôssemos estudar fora?” Tranquilamente respondi à pergunta: “Sim!”
E foi aí que tudo começou!

No carnaval de 2012 fomos à Livraria Cultura para comprar um livro de Toefl (teste necessário para quem não tem inglês como língua mãe e/ou não estudou em uma universidade cujo inglês era a língua oficial do curso). E foi aí que consultando a internet naquele momento que vimos que seria necessário fazer o GMAT (Graduate Management Admission Test) que é um teste de aptidão lógica e verbal em inglês.

Tudo era novidade! E assim o Paulo dia após dia começou a estudar como um alucinado. 
O ano todo de 2012 foi de muito sacrifício, finais de semana em casa e pouca diversão.  Nas nossas férias em setembro de 2012 aproveitamos para ir a Boston para assistir aulas em Harvard e no MIT. Passamos o Ano Novo de 2012-13 sozinhos em nosso apartamento terminado os applications para as universidades. 
Em março de 2013, estávamos de férias em Chicago e, após visitar o MBA de Kellogg (Northwestern University) em Evanston (que fica a poucos quilômetros de Chicago), visitamos a Universidade de Chicago e a unidade de MBA (Chicago Booth). Recebemos a notícia de que ele não tinha sido escolhido nesta última. Era nossa última esperança, pois os outros processos já haviam dado respostas negativas. 
Ele continuou tentando, fazendo os applications para as universidades. Em setembro de 2013, fomos conhecer a Universidade de Columbia em Nova York. Mais uma vez, uma resposta negativa.

Finalmente, em 06 de dezembro de 2013, uma sexta-feira, estávamos jantando quando tocou o celular do Paulo. Ele atendeu em inglês e nesse momento uma emoção tomou conta! Ele havia sido chamado para estudar em Stanford! Choro, alívio e uma garrafa de prosecco depois, estávamos em êxtase.
Em janeiro de 2014 veio a segunda boa noticia, ele havia sido aprovado no MIT também!
O sonho do Paulo era morar no Vale do Silício. Além disso, vimos que a possibilidade de cursos de pós e extensão para mim eram maiores na Califórnia também.
Agora em março recebi a notícia de minha aprovação em uma pós em Stanford. A felicidade não poderia estar mais completa!

Daqui 3 semanas estamos indo para lá de férias. Participaremos de um evento em Stanford e passearemos um pouco pela Califórnia.
Desafios serão muitos! Mas, juntos, estamos preparados para enfrentá-los!
E lá vamos nós, o Casal Califórnia!
 

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá , Ana e Paulo

    Enviei um e-mail para vocês dividindo alguns sentimentos e com alguns questionamentos! Espero que tenham tempo de me responder!

    Sucesso!

    Obrigada,
    Tati

Deixe seu comentário