Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo

0
Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Seguros Promo

Confira todas as dicas para conhecer o Castelo de Edimburgo, uma das principais atrações de Edimburgo, capital da Escócia. O local é repleto de histórias, salões, museus, joias da Coroa Escocesa e a famosa “Pedra do Destino”. Veja o que e como conhecer o local.

O CASTELO DE EDIMBURGO

O Castelo de Edimburgo é um histórica fortaleza instalada no alto de uma montanha em Castle Rock. O castelo é a atração turística paga mais popular da Escócia e foi construído sobre uma grande rocha vulcânica dominando o horizonte da cidade. Acredita-se que a ocupação humana no local teve início no local, pelo menos, a partir do século II d.C. Há evidências de um castelo no local desde pelo menos o reinado de David I, no século XII. Durante as Guerras da Independência Escocesa (séculos XIII e XIV), ele mudou de mãos muitas vezes. Em 1314, foi retomado pelos ingleses. Uma curiosidade é que a Rainha Maria da Escócia deu à luz James I no palácio, em 1566.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Castelo de Edimburgo no alto da colina visto a partir de Princes Street Gardens

Embora sua importância residencial tenha diminuído ao longo das décadas, o local continuou a ser uma residência real até 1633. Após esta data, ele passou a ser usado principalmente como quartel militar. Considerado uma das fortalezas mais importantes da Escócia, o Castelo de Edimburgo esteve envolvido em muitos conflitos históricos e suas defesas medievais foram largamente destruídas por bombardeios de artilharia.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Monumento Royal Scots Greys em Princes Street Gardens com vista para o castelo
Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Detalhes da construção do castelo na rocha

Leia mais: Escócia: O que fazer em Edimburgo – Roteiro de 2 ou 3 dias

 

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Entrada do castelo a partir da Castle Esplanade

Há muita coisa para se conhecer no castelo, que compreende um grande complexo. Entre elas estão: a Capela de St Margaret (Santa Margarida), construída no século XII e considerado o edifício mais antigo de Edimburgo, o Palácio Real e o Grande Salão, que são do início do século XVI; Memorial da Guerra Nacional da Escócia e do Museu Nacional da Guerra da Escócia; Prisões MilitaresJoias da Coroa Escocesa; e a Pedra do Destino, assento de coroação dos reis da Escócia.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Crown Square onde fica o Memorial de Guerra, Palácio Real e entrada para a Joias da Coroa Escocesa

As filas  tanto para comprar ingresso, quanto para visitar os locais dentro do castelo podem ser bem grandes. Por isso, se programe direitinho para visitar o local. Lembre-se que complexo onde se localiza o Castelo de Edimburgo é enorme e você vai precisar de algo em torno de 2 a 3 horas para conseguir fazer uma visita pelas principais construções.

DESTAQUES DO CASTELO DE EDIMBURGO

No topo da Royal Mile, você vai chegar até um grande pátio antes da entrada do castelo, conhecida como “Castle Esplanade”. Passe o primeiro portão (Portcullis Gate) para chegar até a bilheteria, banheiros, centro de informações e audio guides. Confira o mapa abaixo:

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Mapa do Castelo de Edimburgo

1. EXIBIÇÃO “FIGHT FOR THE CASTLE”

A exibição “Fight for the Castle” fica localizada na Argyle Tower (#14 no mapa acima), logo no inicio do passeio. Através dela, é possível conhecer mais detalhes sobre o Castelo de Edimburgo durante as Guerras de Independência da Escócia. Esta exposição conta com a presença de animações, projeções e muitos objetos medievais que foram encontrados durante escavações no castelo.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Exibição “Fight for the Castle”. Foto: site oficial

2. THE GREAT HALL (GRANDE SALÃO)

The Great Hall (#20 no mapa acima) foi concluído em 1511 a pedido do rei James IV e fica na região central do castelo. Ele possui um belíssimo telhado em madeira com grandes vigas, pedras gravadas  com símbolos importantes e um distintivo da Escócia. No entanto, o rei James IV teve pouco tempo para desfrutar o local, uma vez que ele foi morto apenas dois anos mais tarde na Batalha de Flodden, contra as tropas do Rei inglês Henrique VIII.

Posteriormente, o salão se tornou um quartel. O exército de Oliver Cromwell começou a reforma militar em 1650 e as tropas só saíram do local em 1886. O Grande Salão do Rei James IV fica localizado no coração do castelo na Crown Square (#26 no mapa acima). Confira abaixo um video do site oficial sobre o Great Hall.

3. THE ROYAL PALACE (PALÁCIO REAL)

O Palácio Real (#18 no mapa acima) era um local ricamente decorado de acordo com as exigências de reis e rainhas que ali viveram. Vários acontecimentos importantes aconteceram nas suas dependência. Foi neste local que Mary Queen of Scots (Maria da Escócia) deu à luz James IV (conhecido como James VI na Escócia e James I na Inglaterra) em 1566. Ainda bebê, ele se tornou rei, depois de sua mãe ser obrigada a renunciar ao trono escocês e Elizabeth I falecer, deixando vago o trono inglês. James, portanto, deu início à dinastia Stuart. Em 1603, as Coroas da Escócia e da Inglaterra foram unidas, e James I se tornou “Rei da Grã-Bretanha e Irlanda”.

Em 1617, para celebrar seu Jubileu de Ouro, o quarto em que nasceu foi todo redecorado para a ocasião. O local é um dos mais bonitos do palácio até os dias de hoje. Seu sucessor, o rei Charles I, foi o último sobrenado a ficar no palácio, dormindo no local na noite anterior à sua coroação, em 1633. O local de nascimento de James VI está localizado na ala leste da Crown Square (#26 no mapa acima). A entrada é feita através de uma porta ao lado da Crown Gift Shop (loja de presentes).

4. THE STONE OF DESTINY (PEDRA DO DESTINO)

A história sobre a Pedra do Destino é uma das mais interessantes para conhecer antes de visitar o Castelo de Edimburgo. A Pedra do Destino é um poderoso e antigo símbolo da monarquia escocesa, testemunhando a coroação de seus reis por centenas de anos. Segunda a lenda, foi utilizar por Jacó quando ele sonhou com a Escada de Jacó. A pedra é visto como um objeto sagrado. Acredita-se que foi trazido primeiro para a Irlanda, depois para a Escócia. Em 1296, o rei Edward I da Inglaterra pegou a pedra da vila de Scone, localizada perto da cidade escocesa de Perth, e a construiu em seu próprio trono. Desde então, a pedra tem sido usada nas cerimônias de coroação para os monarcas da Inglaterra e depois para a Grã-Bretanha.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Pedra do Destino. Foto: divulgação

Como as cerimônias de coroação de um novo monarca são feitas na Abadia de Westminster em Londres, a pedra costumava ficar lá, juntamente com a cadeira de coração. Curiosamente, em 1950, quatro estudantes escoceses conseguiram roubar a pedra e levar até a porta da Abadia de Arbroath, na Escócia, a cerca de 800 km de distância. Em 1996, a Pedra do Destino foi devolvida à Escócia e agora está na Crown Room (Sala da Coroa), ao lado das Jóias da Coroa Escocesa, onde pode ser vista por todas as pessoas que visitação o Castelo de Edimburgo.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Cadeira de Coroação com a Pedra do Destino colocada embaixo. Foto: divulgação

A pedra só deixará a Escócia novamente quando houver uma nova coração na Abadia de Westminster e será colocada no espaço na parte inferior da cadeira de coroação para a cerimônia. Para ver a Pedra, use a entrada para o Palácio Real que fica próxima à Torre do Relógio na Crown Square (#26 no mapa acima).

5. CROWN JEWELS (JOIAS DA COROA)

E por falar em Joias da Cora Escocesa (#19 no mapa anterior), essa bela área do Palácio Real não pode ser fotografada ou filmada, infelizmente. Conhecidas como “The Honors of Scotland” (As Honras da Escócia), as joias são exibidas em uma exposição especial, em vitrines de vidro.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Placa explicativa antes de entrar na área em que estão as joias

Entre as joias estão o cetro que foi dado a James IV pelo papa Alexandre VI em 1494; e a Coroa utilizada na coroação da esposa de James V, Mary of Guise, em 1540. A primeira vez que ambos foram usados juntos para uma coroação foi em, 1543, durante a cerimônia de Mary Queen of Scots. Entre 1651 e 1660, elas foram removidas do Castelo e escondidas do exército parlamentar de Cromwell. Em 1707, foram trancadas em um baú após o Tratado de União (União das Coroas do Reino da Inglaterra e Reino da Escócia, formando o Reino da Grã-Bretanha). As joias ficam localizadas no primeiro andar do Palácio Real do lado leste da Crown Square (#26 no mapa).

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Joias da Coroa Escocesa. Foto: site oficial

6. ST MARGARET’S CHAPEL (CAPELA DE SANTA MARGARIDA)

A St Margaret’s Chapel (#11 no mapa) foi construída por volta de 1130 por David I e dedicada à sua mãe, a rainha Margaret. Santa Margarida era membro da família real inglesa que fugiu da invasão normanda e se casou com Malcolm III. Ela realizou muitos atos de caridade e foi canonizada pelo papa Inocêncio IV em 1250. O arco decorado da capela-mor é original, mas outros detalhes, como os vidrais, são mais recentes. Para chegar à capela, passe o Foog’s Gate (#10 no mapa) e a capela está localizada à esquerda, próxima da Whisky and Finest Food Shop.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Para chegar, passe pelo Foog’s Gate seguindo em frente
Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Vitral na pequena capela

7. CANHÃO MONS MEG

Capaz de explodir uma artilharia de 150 kg por 3,2 km, o canhão Mons Meg (#12 no mapa anterior) estava na vanguarda da tecnologia militar. Até hoje, ele é considerado um dos maiores canhões do mundo por calibre (20 polegadas). Ele foi construído em 1449 a pedido de Felipe, o Bom, duque de Borgonha, e enviado a James II, como um presente para o rei, em 1454. O canhão foi aposentado em 1550, após anos sendo utilizado em diversos conflitos.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
O enorme canhão Mons Meg

Em 1558, ela disparou no Royal Botanic Garden, em Edimburgo, para celebrar o casamento de Mary Queen of Scots. O canhão permaneceu no Castelo de Edimburgo até 1754, quando, juntamente com outras armas não utilizadas na Escócia, foi levada para a Torre de Londres, onde ficam as joias da Coroa inglesa. Depois de 75 anos na Inglaterra, Mons Meg fez um retorno triunfal ao castelo em 1829, escoltado por cavalaria e infantaria. Desde então, Mons Meg foi restaurado e está agora em exposição ao lado de fora da St Margaret’s Chapel, perto da Whisky and Finest Food Shop.

Leia mais: Escócia: Guia para explorar a Royal Mile em Edimburgo

 

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Cidade a partir do alto do castelo. Abaixo, o Dogs Cemetery, cemitério dos cães dos soldados de alto escalão (#13 no mapa)

8. ONE O’CLOCK GUN

O disparo da One O’Clock Gun remonta a 1861, quando permitia que navios configurassem os relógios marítimos de que necessitavam para navegar pelos oceanos do mundo. A ideia foi trazida de Paris a Edimburgo pelo empresário John Hewitt. Até os dias de hoje, a arma é disparada às 13h todos os dias, exceto aos domingos, no dia de Natal ou na sexta-feira, com multidões se reunindo para aproveitar o evento.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
One O’Clock Gun em ação

O One O’Clock Gun fica localizado do lado de fora do Redcoat Café. Passe pelo Portcullis Gate (#1 no mapa anterior) e siga à direita no final da Argyle Battery (#3 no mapa). Veja mais detalhes no video oficial abaixo.

9. HALF MOON BATTERY

A “Bateria da Meia Lua” (#16 no mapa anterior) foi construída, entre 1573 a 1578, no topo das ruínas da David’s Tower (#17 no mapa) permitindo que canhões disparassem nas proximidades do castelo. A bateria foi construída para atuar como a principal defesa de alto nível do castelo em seu vulnerável lado leste.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Canhão na Half Moon Battery

Até 1716, a bateria estava armada com sete armas de bronze para James IV, conhecidas como as “Sete irmãs”. Os canhões que podem ser vistos atualmente foram feitos, em 1810, durante as Guerras Napoleônicas. A Half Moon Battery fica no lado leste do castelo, com vista para a entrada principal.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Vista da cidade a partir de um dos canhões

10. NATIONAL WAR MUSEUM

O Museu Nacional de Guerra (#5 no mapa) contém uma grande quantidade de materiais que vão desde cartas de origem de campanhas estrangeiras até roupas de guerra química. O Scottish National War Museum está alojado num antigo armazém de material bélico. Foi construído em 1700 e depois usado como hospital militar.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Estátua equestre de Earl Haig em frente ao National War Museum

Inaugurado em 1933, o museu possui uma grande coleção que inclui muitos artefatos usados pelas forças escocesas ao longo dos séculos, além de pinturas e uma biblioteca de pesquisa. Ele fica localizado na Hospital Square e pode ser acessado passando pelo Redcoat Café, à direita, descendo a colina e o arco diretamente à frente.

11. PRISIONS OF WAR (PRISÕES DE GUERRA)

Esta recriação de uma prisão oferece aos visitantes visualizar a vida de prisioneiros de muitas nacionalidades (França, Américas, Espanha, Holanda, Irlanda, Itália, Dinamarca e Polônia) que se encontravam no local. Lá ficou, inclusive, um menino de 5 anos capturado na Batalha de Trafalgar, em 1805.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Prisões de Guerra do Castelo de Edimburgo

A entrada para as Prisões de Guerra (#22 no mapa) fica localizada dentro da Dury’s Battery (#23 no mapa), no topo da colina, passando pelo The Royal Scots Regimental Museum (#8 no mapa) e pelo conjunto de portões à frente. Veja, abaixo, o video oficial do Castelo de Edimburgo sobre estas prisões.

12. SCOTTISH NATIONAL WAR MEMORIAL (MEMORIAL DE GUERRA)

Localizado no lado norte da Crown Square, o Scottish National War Memorial (#21 no mapa) homenageia os mortos das duas guerras mundiais e das campanhas militares desde 1945. Os melhores artistas do país contribuíram para criar uma obra de significância arquitetônica e artística no local.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Entrada para o Memorial fica na Crown Square
Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Parte traseiro do edifício do Memorial

Esculturas e vitrais fornecem representações em movimentos das cenas da Primeira Guerra Mundial. Outras obras simbolizam coragem, paz, justiça e a sobrevivência do espírito, enquanto figuras de animais representam os vícios e virtudes. O memorial ocupa o lugar da antiga Igreja de Santa Maria, que se tornou um depósito de munições na década de 1530 e foi demolida em 1755.

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Um dos vitrais do memorial

13. REGIMENTAL MUSEUMS

Os Guardas Dragões Reais Escoceses foram criados para ajudar o rei Charles II a lutar contra os Covenanters, dissidentes religiosos do século XVII. Os museus The Royal Scots Dragoon Guards Regimental Museum e The Royal Scots Regimental Museum ficam localizados nas New Barracks em duas unidades (#8 e #9, respectivamente, no mapa). O museus exibem uma ampla gama de objetos, incluindo armas, uniformes, medalhas e pinturas. Estes foram reunidos para retratar a história dos regimentos antecedentes que formaram ou foram associados aos Guardas Dragões Reais Escoceses. Entre os destaques estão uma águia de bronze que era carregada pela 45º Infantaria Francesa na Batalha de Waterloo. Os museus estão localizados no topo da colina, logo antes do Foog’s Gate (#10 no mapa).

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Águia de Bronze da Infantaria Francesa na Batalha de Waterloo

RESERVE AGORA seu hotel e economize até 50%. Leitores do Viajonários estão com um SUPER DESCONTO! E o melhor, com CANCELAMENTO GRÁTIS*!



Booking.com

*confira os hotéis com cancelamento grátis no site

ONDE COMER E COMPRAR NO CASTELO

> COMER
  • THE TEA ROOMS: Ótima opção para aproveitar um tradicional chá da tarde com uma ampla seleção de chás, cafés, sucos, deliciosos sanduíches e biscoitos com geléia de morango caseira e creme de leite, além de bolos recheados feitos à mão. Abertas no verão entre 9h30 até 17h, e no inverno de 10h30 às 16h. Confira o menu aqui e o menu especial do chá da tarde neste link.
  • REDCOAT CAFÉ: Inspirado pelos distintivos casacos vermelhos dos guardas do castelo do século XVIII, o Redcoat Café oferece pratos para todos os gostos. Quer seja uma refeição saudável, sopa, sanduíches, baguetes, snacks ou um delicioso bolo. Pratos quentes são servidos entre 11h30 e 15h30.
> COMPRAR

Desde exclusivos presentes inspirados no Castelo de Edimburgo, whiskies e belas joias, o Castelo conta com três lojas com diversos tipos de presentes perfeitos para levar para casa. Confira também os itens da loja neste link.

  • Portcullis Shop: Extensa gama de mercadorias exclusivas do Castelo de Edimburgo e artesanato escocês. A loja fica ao lado da bilheteria e é a maior do castelo. Há uma infinidade de lembrancinhas, joias escocesas, cachecóis, gravatas e itens infantis. Não é preciso adquirir ingresso para o castelo para ter acesso a esta loja, basta passar pelo Portcullis Gate (#1 no mapa acima).
Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Portcullis Shop (à direita) fica ao lado do portão de mesmo nome, o Portcullis Gate
  • Crown Gift Shop: Peças de porcelana e joalharia exclusivas dos principais designers escoceses e uma gama de joias inspiradas nas “Honras da Escócia”. Situada na Crown Square (Praça da Coroa), a loja também tem uma extensa gama da coleção de tapeçaria e itens especiais para crianças se sentirem príncipes e princesas.
  • Whisky and Finest Food Shop: Enorme seleção de whiskies, incluindo o whisky de malte do Edinburgh Castle, e o raro armário de malte. Há também eventos de degustação de whisky no local. Há também outras bebidas, como a premiada vodka Berry Good e o gin de Caithness. A loja fica localizada ao lado da St Margaret’s Chapel e também oferece deliciosos doces e salgados escoceses, incluindo chocolate artesanal e pratos tradicionais, como shortbread, tablet, bolos de aveia e outros bolos.
Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo
Whisky and Finest Food Shop conta com degustações

COMO CHEGAR AO CASTELO DE EDIMBURGO

O Castelo de Edimburgo fica localizado no alto do morro em uma das pontas da Royal Mile, o conjunto de ruas mais famosas da cidade. Na outra ponta fica o Palácio de Holyroodhouse, residência oficial da monarquia britânica na Escócia. O local é muito fácil de ser acessado a pé e fica bem próximo das principais atrações de Edimburgo. Para mais informações, acesse este link.

DICA DE ECONOMIA: CARTÕES DE DESCONTO

  • ROYAL EDINBURGH TICKET: Para quem quiser aproveitar pelo menos 48 horas na cidade economizando muito, a dica é o Royal Edinburgh Ticket, um ticket que inclui entrada em 3 atrações de Edimburgo (Castelo de Edimburgo, Palácio Holyroodhouse e Royal Yacht Britannia – um antigo iate da família real britânica localizado a 4 km do centro da cidade), além de paradas ilimitadas a bordo do ônibus Hop-On Hop-Off. Para mais informações, acesse este link.
  • EXPLORER PASS: É um ticket válido por até 14 dias para explorar não só Edimburgo, mas toda a Escócia. São mais de 70 atrações históricas no país que estão inclusas no ticket. Além disso, você ganha 20% de desconto no audio guide do Castelo de Edimburgo, e entrada prioritária para várias atrações. Confira todas as informações do que está incluso no ticket aqui.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

NÃO SE ESQUEÇA DE CONTRATAR O SEGURO VIAGEM!

É super recomendável contratar um seguro viagem antes de embarcar. Alguns lugares do mundo, o seguro é obrigatório, como é o caso da Europa. Não vale a pena fazer um rombo no orçamento caso algo inesperado aconteça. O seguro cobre cancelamentos de voos, malas extraviadas, emergências médicas e muitas coisas que podem dar uma dor de cabeça danada se você não se planejar com antecedência. Nosso parceiro é o Seguros Promo que possui uma ferramenta bem inteligente de comparação de preços de seguros, trazendo as melhores opções disponíveis em cada caso. Faça uma cotação sem compromisso neste link. E não se esqueça de utilizar o código VIAJONARIOS5 para garantir 5% de desconto na compra do seu seguro!


Castelo de Edimburgo

  • Endereço: Castlehill, Edimburgo EH1 2NG, Escócia, Reino Unido
  • Horários: de abril a setembro de 9h30 às 18h / de outubro a março de 9h30 às 17h
  • Entrada: £17 / Audio guide: +£3.50 (tem em espanhol, mas não em português) – compre seus ingressos online e evite filas
  • Outras opções de entrada:
    • Ticket (entrada sem fila) + Excursão Guiada: £32 – compre aqui
    • Bilhete Edimburgo 48 horas: £55 – compre neste link

Guarde esta dica no Pinterest!

Escócia: Como visitar o Castelo de Edimburgo - Viajonários | http://www.viajonarios.com.br/castelo-de-edimiburgo/ | #viajonarios #escocia #scotland #edinburgh #edimburgo #castelodeedimburgo #castelo #castle #castlehill #edimburghcastle


Leia mais sobre Edimburgo:

VAI VIAJAR? PROGRAME AQUI SUA VIAGEM!
 RESERVA DE HOTELUtilize o Booking.com para reservar sua hospedagem!
  ALUGUEL DE CARRO: Faça uma cotação na RentalCars  e confira o preço nas principais locadoras do mundo!
  INGRESSOS, TOURS & EXCURSÕESCompre online ingressos para as principais atrações no mundo com Get Your Guide!
 PASSAGENS DE AVIÃO: Compre passagens de avião e pacotes de viagem na Passagens Promo!
  SHOWS DA BROADWAY: Compre tickets para os principais musicais da Broadway na WePlann!
  SEGURO VIAGEMCote com a Seguros Promo para diversos planos e destinos. Use o código "VIAJONARIOS5" para garantir 5% de desconto!
 TRANSFER DE TÁXI DE/PARA AEROPORTOSReserve seu transfer com a Taxi2Airport e faça seu traslado com comodidade.
 TREM NA EUROPACompre seus bilhetes de trem com os melhores preços na Trainline!
  CHIP INTERNACIONAL DE CELULAR com a Viaje Conectado e saia com o chip funcionando antes de viajar!
   

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por gentileza, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui