Hungria: O que fazer em Budapeste – Roteiro de 3 dias

8
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias

Budapeste já estava na lista de desejos de viagem há algum tempo. A capital húngara está localizada no Leste Europeu e costuma ter preços bem mais em conta de hospedagem e alimentação. Descolamos uma promoção de passagem aérea e decidimos curtir uns dias na cidade. Neste post compartilhamos em detalhes o roteiro que utilizamos para conhecer a simpática Budapeste.

ÍNDICE: CONFIRA O QUE ENCONTRAR NESTE POST

A CIDADE DE BUDAPESTE

A história de Budapeste começa com um assentamento celta antes do século I a.C. Posteriormente, foi chamada pelos romanos de Aquincum, em referência à sua alta concentração de águas termais, com mais de 80 fontes geotérmicas e o maior sistema de cavernas termais do mundo. O nome Budapeste diz respeito à junção de duas cidades separadas pelo Rio Danúbio: Buda e Peste. No entanto, não existe um consenso de como esses nomes surgiram.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Vista de Buda e do Danúbio

Com mais de 1,7 milhão de habitantes, Budapeste é uma cidade global com pontos fortes no comércio, finanças, mídia, arte, moda, pesquisa, tecnologia, educação e entretenimento. A cidade é citada como uma das mais bonitas da Europa e uma das melhores do mundo para se viver. Além disso, abriga a segunda maior sinagoga do mundo e o terceiro maior edifício que abriga um parlamento. Localizada no Leste Europeu, Budapeste é, atualmente, a sexta cidade mais visitada da Europa.

O QUE FAZER EM BUDAPESTE

Separamos 20 atrações e muitas dicas bacanas para aproveitar o melhor da cidade de Budapeste em 3 dias muito intensos! O mapa abaixo mostra a localização de todas as nossas sugestões separadas por cores, veja a legenda abaixo:

  • DIA 1: PESTE NORTE (azul)
  • DIA 2: BUDA (roxa)
  • DIA 3: PESTE SUL (verde) & CITADELLA
  • DIA A DEFINIR: Casas de Banhos Termais (laranja)


IMPORTANTE: Vale lembrar que a moeda oficial da Hungria não é o euro, mas sim o florim húngaro (HUF).

NÃO SE ESQUEÇA DE CONTRATAR O SEGURO VIAGEM!

É super recomendável contratar um seguro viagem antes de embarcar. Alguns lugares do mundo, o seguro é obrigatório, como é o caso da Europa. Não vale a pena fazer um rombo no orçamento caso algo inesperado aconteça. O seguro cobre cancelamentos de voos, malas extraviadas, emergências médicas e muitas coisas que podem dar uma dor de cabeça danada se você não se planejar com antecedência. Nosso parceiro é o Seguros Promo que possui uma ferramenta bem inteligente de comparação de preços de seguros, trazendo as melhores opções disponíveis em cada caso. Faça uma cotação sem compromisso neste link. E não se esqueça de utilizar o código VIAJONARIOS5 para garantir 5% de desconto na compra do seu seguro!

DIA 1: PESTE (NORTE)

1. BASÍLICA DE SANTO ESTÊVÃO

A Basílica de Santo Estêvão é a principal igreja de Budapeste. Ela é uma homenagem ao primeiro rei da Hungria, cuja mão direita está, supostamente, em exposição na área das relíquias da igreja. Bizarro, não é mesmo? Esta igreja católica está alojada no edifício que foi um antigo teatro até o século XVIII. Este é o edifício eclesiástico mais importante da Hungria, uma das atrações turísticas mais importantes e a terceira maior igreja do país.

  • Endereço: Szent István tér 1, 1051, Budapeste, Hungria
  • Horários: de segunda a sábado de 9h às 19h / domingo a partir de 7h45
  • Entrada: gratuita
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Área interna da basílica

2. MEMORIAL DOS SAPATOS NO DANÚBIO

The Shoes on the Danube Bank é um memorial concebido pelo diretor de cinema Can Togay e produzido pela escultora Gyula Pauer para homenagear as pessoas, principalmente judias, que foram mortas por milicianos fascistas do Partido da Cruz Flechada (semelhante ao Partido Nazista) durante a Segunda Guerra Mundial. Eles foram obrigados a tirar os sapatos, e foram atirados nas águas do rio para que seus corpos caíssem e fossem levados.  O memorial fica praticamente em frente ao Parlamento Húngaro, às margens do Rio Danúbio.

  • Endereço:  Id. Antall József rkp., 1054, Budapeste, Hungria
  • Horários: 24 horas por dia
  • Entrada: gratuita
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Sapatos à beira do Danúbio

3. PARLAMENTO HÚNGARO

O Parlamento Húngaro abriga a Assembléia Nacional da Hungria. O edifício é uma das atrações turísticas mais importantes de Budapeste e sempre é utilizado como cartão postal da cidade. Em estilo arquitetônico neogótico, o edifício começou a ser construído em 1885 e foi inaugurado no milésimo aniversário do país, em 1896. As obras foram completamente finalizadas somente em 1904. É possível agendar tours guiados em grupo para conhecer o interior do  edifício. E vale a pena? Super! Foram usados 40kg de ouro para ornamentar tetos, esculturas e outros detalhes do edifício, criando um visual incrível!

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Parlamento e o Rio Danúbio
  • Endereço: Budapest, Kossuth Lajos tér 1-3, 1055 Hungria
  • Horários: Centro de Visitantes: diariamente de 8h às 16h / Museu do Parlamento: diariamente de 9h às 17h
  • Tours: Horários: tours a partir de 9h15 até 16h (confira o idioma antes de reservar) / Idiomas disponíveis: húngaro, inglês, espanhol, italiano, francês, russo e alemão
  • Entrada: HUF 2200 para cidadãos europeus / HUF 5800 para não cidadãos europeus – compre seu ticket neste link

Leia mais: Budapeste: Tour guiado no Parlamento Húngaro

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
O hall do Parlamento Húngaro decorado com ouro

4. MUSEU ETNOGRÁFICO

Fundado em 1872, o Museu Etnográfico abriga uma coleção de objetos populares húngaros do século XIX. A coleção inclui peças da vida húngara diária antes da Segunda Guerra Mundial, incluindo cerâmica, vestuário, barcos e móveis. Muitos dos objetos são da Eslováquia e da Romênia.

  • Endereço: Kossuth Lajos tér 12, 1055, Budapeste, Hungria
  • Horários: de terça a domingo de 10h às 18h / fechado às segundas-feiras
  • Entrada: HUF 1400

5. MUSEU CASA DO TERROR

Impossível não se emocionar com o Museu Casa do Terror, que retrata períodos sangrentos da história húngara. Fundado em 2000, ele possui exposições relacionadas aos regimes fascistas e comunistas na Hungria do século XX e também é um memorial para as vítimas desses regimes, que foram detidas, interrogadas, torturadas e mesmo mortas no prédio pelo Partido da Cruz Flechada e pela Agência de Proteção do Estado. A exposição é incrível, com videos, diversos objetos e muitas informações históricas.

  • Endereço: Andrássy út 60, 1062, Budapeste, Hungria
  • Horários: de terça a domingo de 10h às 18h / fechado às segundas-feiras
  • Entrada: HUF 2000
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
O incrível e angustiante Museu Casa do Terror

6. PRAÇA DOS HERÓIS

A Praça dos Heróis é a maior e mais impressionante praça de Budapeste. Ela foi inaugurada em 1896 para marcar o aniversário de 1.000 anos da Hungria. Ela fica localizada no final da Andrássy út e em frente ao do Parque da Cidade está rodeada por dois edifícios importantes, o incrível Museu das Belas Artes (fechado para reformas até março de 2018) à esquerda e Museu de Arte à direita. No centro, um grande pilar com o arcanjo Gabriel no topo. Uma curiosidade é que quando o monumento foi construído, a Hungria fazia parte do Império Austro-Húngaro e, portanto, foram deixados espaços para estátuas para os membros da dinastia dos Habsburgo. Essas estátuas foram substituídas por soldados húngaros quando o monumento foi reconstruído após a Segunda Guerra Mundial.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Budapeste Praça dos Herois

7. PARQUE DA CIDADE

Criado em 1751, o City Park é o maior parque de Budapeste. Além das belas áreas verdes, há diversas atrações para conhecer no parque. O Castelo Vajdahunyad, uma réplica de um Castelo da Transilvânia, foi construído para mostrar os vários estilos arquitetônicos encontrados na Hungria e tem peças romanicas, góticas, renascentistas e barrocas. O castelo está rodeado por um lago artificial que é usado para passear de barco no verão e se transforma em uma pista de patinação no inverno. O castelo é abriga vários festivais, concertos e exposições do Museu Agrícola Húngaro.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Castelo Vajdahunyad

Outras atrações encontradas no parque são: o Jardim Zoológico de Budapest , o Parque de Diversões, o Circo Municipal, o Museu dos Transportes, o famoso Restaurante Gundel e a incrível Casa de Banhos termais Széchenyi (testada e aprovada por nós). Além disso, há playgrounds, castelos de madeira e brinquedos para a criançada se divertir.

DIA 2: BUDA

8. MELHOR VISTA DO PARLAMENTO

Se quiser tirar uma daquelas fotos do prédio do parlamento que servem como cartão postal da cidade de Budapeste, precisará cruzar o Rio Danúbio. A dica é pegar o metrô e ir até a estação Batthyány tér que fica do lado de Buda, e é atendida pela Linha 2 (vermelha) e Linha 5 (roxa). Saindo da estação, atravesse a rua e siga para a esquerda. Este é um ótimo passeio para se fazer de dia e também à noite, para ver o edifício todo iluminado, refletindo nas águas do Danúbio. Maravilhoso, não é mesmo?

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Edifício do Parlamento à noite

9. IGREJA CALVINISTA (IGREJA REFORMADA DE BUDA)

Essa igreja, praticamente às margens do Danúbio, chamada a atenção pela sua fachada icônica. Toda feita de tijolos vermelhos em um desenho que forma um pentágono e com telhado colorido (em tons marrom, amarelo e verde), não há como esta igreja passar desapercebida. Ela foi construída em estilo neogótico, através de um projeto do arquiteto húngaro Samu Pecz, entre os anos de 1894 e 1896. Sua torre possui 62 metros de altura e abriga 3 sinos construídos em 1895.

  • Endereço: Szilágyi Dezső tér 3, 1011, Budapeste, Hungria
  • Horários: de segunda a sexta de 10h às 17h
  • Entrada: gratuita
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Igreja Calvinista

10. BASTIÃO DOS PESCADORES

Não imaginávamos que este lugar seria tão incrível como de fato é. Depois de termos subido muitos degraus, chegamos até a região de Castle Hill onde fica a Igreja de Mathias. Lá fica o Bastião dos Pescadores, uma estrutura incrível construída entre 1895 e 1902 com o objetivo de celebrar o aniversário de 1.000 anos do país. Ele tem esse nome porque, no passado medieval, havia um mercado de peixes no local.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Bastião dos Pescadores

O bastião é formado por 7 torres, que representam as 7 tribos fundadoras da Hungria. Durante a Segunda Guerra Mundial,  ele foi completamente destruído. Uma curiosidade interessante é que a reconstrução foi projetada pelo filho do arquiteto original do monumento. As vistas proporcionadas por este bastião são as MELHORES de Budapeste. É possível ver o Rio Danúbio cortando a cidade e ter uma visão panorâmica do edifício do Parlamento.

  • Endereço: Szentháromság tér, 1014, Budapeste, Hungria
  • Horários: diariamente de 9h às 23h
  • Entrada: gratuita
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Vista incrível de Budapeste do alto do Bastião

11. IGREJA DE MATHIAS

A Igreja de Mathias é a mais importante igreja de Buda. Se você achou o telhado da Igreja Calvinista bonito, espere até ver o desta igreja! Simplesmente, deslumbrante! Ela originalmente construída em estilo românico em 1015 por Santo Estêvão, rei da Hungria. Seu nome original era “Igreja da Virgem Maria” ou “Igreja de Nossa Senhora”. O edifício atual foi construído no estilo gótico tardio na segunda metade do século XIV e foi amplamente restaurado no final do século XIX, quando recebeu o nome do Rei Mathias e sua torre foi reformada, atingindo 80 metros de altura. Na praça em que fica a igreja há uma estátua do Rei István I, o primeiro húngaro, cujo reinado foi de 1000 a 1038. A igreja foi o cenário de várias coroações, incluindo a de Charles IV em 1916 (o último rei de Habsburgo). Foi também o local dos dois casamentos do rei Mathias.

  • Endereço: Úri u. 9, 1014, Budapeste, Hungria
  • Horários: de segunda a sábado de 9h às 17h / domingo de 13h às 17h (os horários podem variar – consulte o site oficial para informações diárias)
  • Entrada: HUF 1.500
  • Torre: HUF 1.500 | a cada hora entre 10h e 17h | máximo de 15 pessoas por tour
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Igreja de Mathias

12. CASTELO DE BUDA

O Castelo de Buda é um palácio histórico e lar dos reis húngaros. O primeiro castelo foi concluído em 1265, mas o que vemos hoje não é a versão original. O palácio medieval foi destruído no grande cerco de 1686, quando Buda foi capturada por forças cristãs aliadas. Atualmente, o que se vê é um palácio construído entre 1749 e 1769 em estilo barraco. Depois da revolução de 1918 e da queda da Dinastia Habsburgo, o Palácio Real tornou-se na sede do novo regente do Reino da Hungria, Miklós Horthy, que viveu com a sua família no local entre 1920 e 1944.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Castelo de Buda
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
A bela arquitetura do castelo

Durante esse período, o palácio foi o centro da vida política e social da Hungria. Com o fim da Segunda Guerra Mundial, teve início uma série de esforços para reconstruir o palácio, que havia sido severamente destruído, mas muitas das fachadas foram simplificadas e algumas áreas não foram reconstruídas. Desde 1987, o Castelo de Buda é faz parte da lista de Patrimônios Mundiais da UNESCO. Atualmente, ele abriga alguns museu: o Museu da História de Budapeste, que explora a história de Budapeste desde as suas origens até ao final da era comunista, e a Galeria Nacional Húngara.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Galeria Nacional da Hungria
  • Endereço: Szent György tér 2, 1014, Budapeste, Hungria
  • Horários:
    • Museu da História de Budapeste: de terça a domingo de novembro a fevereiro de 10h às 16h / de março a outubro de 10h às 18h
    • Galeria Nacional Húngara: de terça a domingo de 10h às 18h
  • Entrada:
    • Museu da História de Budapeste: HUF 1.800
    • Galeria Nacional Húngara: HUF 2.200
  • Importante: Como o castelo fica no alto de uma colina, uma das opções de chegar até ele é pegar um funicular (ida: HUF 1.200 / ida e volta: HUF 1.800). Veja todos os horários neste link.
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
O funicular que sobe até o Castelo de Buda

13. LABIRINTO DO CASTELO DE BUDA

Esta atração é bem diferente e envolve uma série de cavernas que formam um labirinto de 1,2 km de comprimento, localizada a cerca de 16 metros sob a região de Castle Hill. No passado, aqui ficou o  prisioneiro Vlad Tepes, mais conhecido como Conde Drácula. A área abrange 10 salas que contam a história de Drácula, com névoa de gelo seco e exibições de figuras de diferentes óperas, com música misteriosa.

  • Endereço: Úri u. 9, 1014, Budapeste, Hungria
  • Horários: diariamente de 10h às 19h
  • Entrada: HUF 2.500
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Entrada do Labirinto

14. PONTE DAS CORRENTES

A Ponte Széchenyi das Correntes é a mais famosa de Budapeste, ligando os lados de Buda e Peste através do Rio Danúbio. Ela é uma ponte suspensa de 375 metros de comprimento e feita de ferro fundido, com enormes leões nos pilares das entradas. A ponte tem o nome do Conde István Széchenyi, principal defensor de sua construção. Sua inauguração foi de enorme importância na vida econômica, social e cultural do país. A ponte foi aberta em 1849, após a Revolução Húngara de 1848, tornando-se a primeira ponte permanente na capital húngara. Na Segunda Guerra Mundial, a ponte foi explodida pelos alemães que se retiravam durante o cerco de Budapeste, sendo reconstruída e reaberta em 1949.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
A bela Ponte de Correntes

DIA 3: PESTE (SUL) & CITADELLA

15. MUSEU NACIONAL HÚNGARO

Fundado em 1802, o Museu Nacional Húngaro é um museu voltado para a história, a arte, e a arqueologia da Hungria, incluindo áreas fronteiriças que não fazem parte do território do país como a Transilvânia. A história geral da Hungria é abordada em duas seções: a arqueologia da pré-história e a história de 804 para os tempos modernos. Uma sala no primeiro andar exibe o manto de coroação húngaro medieval. A exposição permanente do piso térreo é focada em inscrições e esculturas de pedra.

  • Endereço: Múzeum krt. 14-16, 1088, Budapeste, Hungria
  • Horários: de terça a domingo de 10h às 18h
  • Entrada: HUF 1.600

16. VÁCI UTCA (CALÇADÃO DE PEDESTRES)

Váci utca é uma das principais e mais famosas vias pedestres do centro de Budapeste. Elegante e turística, ao longo de sua extensão há diversos estabelecimentos comerciais como restaurantes, cafés e lojas variadas, incluindo grandes varejistas como, por exemplo, Zara, H&M, Mango, ESPRIT, Swarovski, Hugo Boss, Lacoste e Nike. A rua é um ponto de encontro importante da cidade, sempre repleta de pessoas, que trazem um ambiente vibrante para o centro de Budapeste.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
O Calçadão de pedestres mais famosos de Budapeste ainda tranquilo no início da manhã

17. GRANDE SINAGOGA DE BUDAPESTE

Finalizada em 1859, a Grande Sinagoga de Budapeste é a maior sinagoga da Europa e a segunda maior do mundo, com capacidade para até 3 mil pessoas. Ela foi construída em estilo neomourisco com a decoração baseada principalmente em modelos islâmicos do norte da África e da Espanha medieval. Ela foi severamente danificada durante a Segunda Guerra Mundial devido a ataques aéreos durante a ocupação nazista, especialmente durante o Cerco de Budapeste. Durante a era comunista, a estrutura danificada tornou-se novamente uma casa de oração para a comunidade judaica muito diminuída. A sua restauração e renovação começou em 1991, financiada pelo Estado e por doações privadas, e completada em 1998.

  • Endereço: Dohány u. 2, 1074, Budapeste, Hungria
  • Horários: de março a outubro de domingo a quinta de 10h às 18h / sexta de 10h às 16h | de novembro a fevereiro de domingo a quinta de 10h às 16h / sexta de 10h às 14h
  • Entrada: HUF 3.000

18. IGREJA DA CIDADE DE DENTRO

Localizada em uma área em frente à Ponte Elisabeth, esta é uma igreja histórica fundada em 1046, sendo, portanto, a mais antiga de Budapeste. Ela possui diversos estilos arquitetônicos misturados, já que debaixo da fachada barroca e das paredes góticas estão os restos de uma basílica românica, construída no século XII. A praça ao lado da igreja expõe algumas ruínas romanas do que foi o assentamento de Aquincum.

  • Endereço: Március 15. tér 8, 1056, Budapeste, Hungria
  • Horários: de 9h às 19h (Para evitar as missas e serviços religiosos, os melhores momentos para visitar a igreja são de quarta a sábado entre 10h-15h e 15h-17h30)
  • Entrada: HUF 1.000 / tours guiados em inglês: HUF 7.000
Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Igreja da Cidade de Dentro

19. PONTE ELISABETH

Esta é uma outra ponte que liga o lado de Buda ao lado de Peste sobre o Rio Danúbio. Construída na década de 1960, ela foi nomeada em homenagem à Elisabeth da Baviera, uma rainha popular e imperatriz da Áustria-Hungria, que foi assassinada em 1898. Atualmente, sua grande estátua de bronze fica junto à conexão do lado da Buda da ponte no meio de um pequeno jardim.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Ponte Elisabeth

20. CITADELLA

Citadella é uma fortificação localizada no topo Monte Gellért, a 235 metros de altura, de extrema importância estratégica na história militar de Budapeste. Ela foi construída em 1851 em uma estrutura em forma de “U” com um amplo pátio central, abrigando sessenta canhões. Posteriormente, a estrutura foi transformada em uma torre de vigia que oferece uma das vistas lindas da cidade e do Rio Danúbio. Na área também fica um café, um restaurante, e um pequeno museu sobre a Segunda Guerra Mundial. Lá em cima você verá a “Estátua da Liberdade” (erguida pelos comunistas para celebrar a libertação de Budapeste das tropas nazistas). Por fim, ainda é possível visitar a Igreja da Caverna (Sziklatemplom), integrada no sistema de cavernas do Monte Gellert. A sua entrada fica ao lado da Gellért Thermal Bath e Danubius Hotel Gellert, a entrada é gratuita.

  • Endereço: 1118, Budapeste, Hungria
  • Horários: de maio a setembro de 9h às 20h / de setembro a dezembro de 9h às 18h
  • Entrada: HUF 1.200 (pagamento somente em dinheiro)

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Vista de Budapeste a partir da Citadella

CASAS DE BANHOS TERMAIS

Nós recomendamos que você reserve um tempo (pode ser no terceiro dia) para conhecer pelo menos uma das famosas casas de banhos termais de Budapeste. É possível alugar toalhas, roupões e acessórios para banho nos próprios lugares ou levar de casa. Nós estivemos na  Széchenyi Thermal Bath e adoramos a experiência. Mesmo estando no final do inverno (início de março) estava bem frio, mas as águas quentes são fantásticas para dar uma relaxada depois de um dia intenso de caminhada. Com o cronograma recheado de atividades, só conseguimos ir depois de 18h, mas a experiência foi incrível e super recomendamos. Seguem algumas opções de Casas de Banhos Termais:

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Széchenyi Thermal Bath

TOURS E EXCURSÕES EM BUDAPESTE

COMO IR DO AEROPORTO AO CENTRO

O aeroporto de Budapeste fica afastado do centro da cidade e existem algumas opções para acessá-lo. No post “Hungria: Como ir do aeroporto de Budapeste ao centro” falamos mais sobre essas opções e contamos um pouquinho da nossa experiência com o miniBUD.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
miniBUD. Foto: divulgação

COMO SE LOCOMOVER EM BUDAPESTE

Budapeste conta com uma rede transporte público muito boa e você não precisa se preocupar em alugar carro para chegar às principais atrações. Nós usamos as linhas de metrô e de trem suburbano para chegar a todas as atrações indicadas neste post. Abaixo, segue o mapa para facilitar sua localização na cidade.

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Mapa do transporte de Budapeste

DICA DE ECONOMIA: BUDAPEST CARD

O Budapest Card é a melhor forma de conhecer as principais atrações da cidade, economizando muito! O departamento de turismo de Budapest nos ofereceu duas unidades do cartão para testar e nós adoramos! Além de dar incluir entrada gratuita a diversas atrações e descontos de até 50% em tantos outras, o Budapest Card inclui transporte gratuito e ilimitado pela cidade. Há 5 versões do cartão: 24h, 48h, 72h, 96h e 120h. É possível comprar online (e retirar em algum ponto de venda, ou pedir para que seja entregue no seu hotel) ou comprar em algum dos pontos conveniados. Os preços online estão mais baratos e, por isso, vale a pena se planejar para adquirir antecipadamente. Para efetuar a compra, acesse este link.


Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias

  • 24h: €19 (€18.05 online)
  • 48h: €29 (€25.77 online)
  • 72h: €37 (€35.15 online) / há a versão júnior (6 a 18 anos) por €30 (€28.50 online)
  • 96h: €47 (€46.65 online)
  • 120h: €56 (€53.20 online)

LUGARES DE COMPRAS E RESTAURANTES

ONDE SE HOSPEDAR EM BUDAPESTE

Ficamos hospedados no The Three Corners Hotel Art Superior, um hotel 3 estrelas que fica do lado de Buda, super bem localizado. Fomos muito bem recebidos e tivemos uma experiência super agradável. Além dele, há uma infinidade de bons hotéis na cidade com ótimo custo-benefício. Veja opções em promoção abaixo.

Leia mais: Hungria: Dica de hospedagem em Budapeste

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias
Um dos quartos do hotel The Three Corners Hotel Art Superior. Foto: divulgação

RESERVE AGORA seu hotel e economize até 50%. Leitores do Viajonários estão com um SUPER DESCONTO! E o melhor, com CANCELAMENTO GRÁTIS*!



Booking.com

*confira os hotéis com cancelamento grátis no site

Agradecemos ao Budapest Festival and Tourism Center pelos ingressos para atrações e transporte na cidade. Refeições e hospedagem ficaram por nossa conta, mas tivemos condições especiais no The Three Corners Hotel Art Superior. Todas as opiniões sobre os lugares visitados foram baseadas em nossas próprias experiências.

Guarde estas dicas no Pinterest!

Hungria: O que fazer em Budapeste - Roteiro de 3 dias - Viajonários


Leia mais sobre o Leste Europeu:

VAI VIAJAR? PROGRAME AQUI SUA VIAGEM!
 RESERVA DE HOTELUtilize o Booking.com para reservar sua hospedagem!
  ALUGUEL DE CARRO: Faça uma cotação na RentalCars  e confira o preço nas principais locadoras do mundo!
  INGRESSOS, TOURS & EXCURSÕESCompre online ingressos para as principais atrações no mundo com Get Your Guide!
 PASSAGENS DE AVIÃO: Compre passagens de avião e pacotes de viagem no Submarino Viagens!
  SHOWS DA BROADWAY: Compre tickets para os principais musicais da Broadway na WePlann!
  SEGURO VIAGEMCote com a Seguros Promo para diversos planos e destinos. Use o código "VIAJONARIOS5" para garantir 5% de desconto!
 TRANSFER DE TÁXI DE/PARA AEROPORTOSReserve seu transfer com a Taxi2Airport e faça seu traslado com comodidade.
 TREM NA EUROPACompre seus bilhetes de trem com os melhores preços na Trainline!
   CHIP INTERNACIONAL DE CELULAR: Compre com a TravelMobile e saia com o chip funcionando antes de viajar!
 

8 COMENTÁRIOS

  1. […] Budapeste – Esta linda capital do leste europeu já estava na minha lista há anos e, finalmente, fomos conhecê-la! A cidade é um encanto, linda demais! É difícil falar se prefiro o lado de Buda ou o lado de Peste. Ambos, possuem tantas coisas interessantes para conhecer! Ir a uma das famosas termas foi uma experiência incrível! Leia mais: Hungria: O que fazer em Budapeste – Roteiro de 3 dias […]

  2. Adorei as v/ dicas, a minha dúvida é o seguinte, somos um grupo de 7 adultos, falamos muito pouco inglês, eu falo e compreendo um pouco de alemão, será difícil fazermos esta cidade (Budapeste), estou muito tentada, embora com alguns receios, pois toda a responsabilidade recai sobre mim, obrigada pela ajuda

    • Olá Teresa!
      Não dá para negar que falar inglês ajuda muito, principalmente em um país com uma língua tão diferente como a Hungria. Nós também falamos um pouco de alemão e algumas palavras em húngaro ficaram um pouco mais familiares porque “lembravam” (mesmo que de longe) algumas em alemão.

      Budapeste é uma cidade tão bacana que não vale a pena retirá-la do roteiro somente por causa do idioma. Provavelmente, haverá um esforço um pouco maior de comunicação, mas nada que torne inviável ter uma viagem bem legal.

      Uma dica é procurar restaurantes cujo cardápio seja familiar para você, por exemplo, comida italiana. É bem mais fácil fazer o pedido quando as palavras são familiares. Algumas frases que você ache que vai precisar, deixe por escrito e, se tiver dificuldade de se comunicar, mostre para a pessoa. Fale com calma e tenha paciência.

      Uma atração que acho difícil vocês aproveitarem é o emocionante Museu do Terror. Tudo lá é escrito e falado em inglês ou húngaro e o idioma é muito necessário para o entendimento. No entanto, as principais atrações estão super acostumadas com turistas e, com certeza, você não será a primeira e nem a última a ter dificuldades com o inglês.
      Uma excelente viagem para você!
      Abraços 🙂

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por gentileza, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui