10 diferenças entre as casas americanas e brasileiras

7

Mudança de país não é só mudar de idioma, regras, hábitos. Dentro de casa também as diferenças são grandes e, inicialmente, algumas coisas parecem não fazer sentido! Mas nada como o tempo para nos fazer acostumar com as diferenças e nos adaptar a elas, não é mesmo? Separamos 10 (de muitas) diferenças entre as casas americanas e brasileiras. Temos certeza de que você achará algumas delas muito estranhas, assim como nós achamos quando nos mudamos. Lembrando que estamos considerando as características mais comuns e, claro, existem exceções!

10 DIFERENÇAS ENTRE AS CASAS AMERICANAS E BRASILEIRAS 

1. Cozinhas e banheiros sem janela

Nas casas brasileiras é bem normal encontramos janelas nos banheiros e cozinha, não é mesmo? Até os apartamentos, em geral, seguem este mesmo padrão visando deixar a luminosidade entrar nesses ambientes. A chance de você encontrar algo semelhante aqui nos EUA é bem baixa. Isso porque ninguém se preocupa em construir uma cozinha com janela. E pensando bem, para que serve mesmo janela na cozinha? Quanto aos banheiros, nada de janela também. As residências contam com um sistema de ventilação forçada e ajuda e dispersar a umidade após o banho. E é incrível como funciona! Nada de teto ou paredes com bolor!

2. Eletrodomésticos incluídos

Equipar uma casa custa uma pequena fortuna. Mas nos EUA as casas de aluguel e até mesmo disponíveis para venda já vem com geladeira, fogão, microondas e muitas com máquina de lavar-louças. Existem casos de apartamentos mobiliados no Brasil, mas são exceções e não a regra, não é mesmo? Essa é uma grande vantagem das residências americanas.

10 diferenças entre as casas americanas e brasileiras
Nossa cozinha já veio com geladeira, fogão, microondas e lava-louças

3. Sem luminária no teto dos quartos

Essa foi a maior estranheza que encontramos nas casas por aqui. Nos quartos e até na sala não existe luminária no teto! E quando falamos luminária, não é que o buraquinho está ali e basta instalar uma luminária, lustre ou seja lá o que for, não! Não existe saída elétrica no teto em nenhum lugar! A solução? Comprar luminárias de chão ou para colocar no criado-mudo. Elas acendem e apagam com o interruptor que, no Brasil, é utilizado para acender a luz que fica no teto. Para quem quer estudar ou ler, tem que comprar uma luminária específica com lâmpada branca, pois o normal aqui são as lâmpadas de coloração amarelada. A nossa sala também não tem luminária e, por isso, deixamos sempre a luz da cozinha acesa.

Luminárias de piso: temos de vários tipos na casa toda
Luminárias de piso: temos de vários tipos na casa toda

4. Área de serviço

Tanque de lavar roupa, espaço para varal? Isso é no Brasil! Aqui os apartamentos ou têm lavanderia compartilhada ou dentro de casa atrás de uma porta que acomoda a lavadora e secadora. A da nossa casa tem até um espaço grande em que conseguimos guardar aspirador, vassouras, balde e outros. Em geral, a área de serviço é apenas a máquina de lavar embaixo e a máquina de secar sobre ela.

Nossa "área de serviço" atual
Nossa “área de serviço” atual

5. Estrutura da construção

Está acostumado com casas de alvenaria que demoram meses para ser construídas? As paredes aqui não são feitas de tijolos e cimento! As casas têm estruturas de madeira que parecem um Lego e vão sendo encaixadas. Depois, as paredes são forradas por isopor, espuma ou outros materiais que permitem que o isolamento térmico seja maior. Em seguida, elas e revestidas por drywall (que é uma tecnologia que substitui as vedações internas convencionais como paredes, tetos e revestimentos, consistindo de chapas de gesso aparafusadas em estruturas de perfis de aço galvanizado).

6. Banheira com cortina

Outro costume americano é que as casas não têm box no banheiro, mas sim banheiras com cortinas de plástico. Já vimos alguns apartamentos mais novos com box, mas são exceções. Quando a banheira é grande, não há nenhum problema. Mas quando é pequena, é garantia de que você vai tomar banho com a cortina grudando no traseiro!

Banheira com cortina está sempre presente nas casas americanas
Banheira com cortina está sempre presente nas casas americanas

7. Piso e revestimento nos banheiros e cozinha

É muito comum as casas brasileiras terem “pisos frios” e azulejos nos banheiros e cozinha. Aqui também é diferente. Em geral, as casas não têm isso. A parede da cozinha é toda revestida de armários e, às vezes, há algum azulejo na região da pia. Nos banheiros, nada de piso frio e azulejo também. Pode haver alguns azulejos na área da banheira, mas também é comum simplesmente recobrir a parede com uma placa de plástico que simula azulejos.

8. Aquecedor

Toda casa americana tem aquecedor, seja central, seja no apartamento. Isso é muito comum já que em muitos lugares as temperaturas são muito baixas e o inverno rigoroso (inverno rigoroso com temperaturas bem abaixo de zero). Mesmo em lugares que não neva, a tradição é mantida e todas as casas têm sistema de aquecimento que é ligado nos meses mais frios do ano.

7. Armários e Guarda-Roupas

No Brasil é comum ou comprar guarda-roupa em lojas de móveis ou mandar fazer armários embutidos que são como guarda-roupas, mas feitos sob medida para o espaço que você tem.  Aqui é um pouco diferente. As casas já são construídas com “buracos” nas paredes específicos para um armário. E a única coisa que fazem para aquele espaço se tornar um armário, é colocar uma porta na frente! Pronto! Não é comum ter prateleiras, gaveteiros e divisórias nos armários.

Um típico guarda-roupas americano: um buraco na parede com portas
Guarda-roupas no apartamento em Stanford: um buraco na parede com portas

10. Pia com triturador

Não é só coisa de filmes americanos, realmente, as pias aqui têm sempre um triturador. embutido. Para dizer a verdade, nós não nos habituamos a usá-lo e nem sabemos exatamente o que pode ser jogado ou não no triturador. Por este motivo, acabamos usando bem pouco o triturador.

Quer saber mais sobre como é a vida nos EUA? Veja os posts da nossa seção Morando Fora!

7 COMENTÁRIOS

  1. Estou estudando com o objetivo de me preparar com teorias e ideias para construir e os 10 pontos que você destacou na matéria são realmente muito bom! Me identifiquei também porque tenho vontade de pegar um pouco da arquitetura americana para usar na minha futura casa. Uma delas é o triturador, seu vilão rsrs. Obrigado por compartilhar conosco!, foi muito bom!!!

  2. Adorei 🙂 Concordo com tudo que foi dito, as casas realmente são bem diferentes. Comparando com o Brasil, acho que prefiro o estilo das casas nos EUA rs, mas em relação a lavanderia, odiava, sentia falta de mais espaço, do varal e de um tanque. Ah, sobre o triturador, eu viciei em usá-lo. Como fui au pair, a família americana onde vivia me ensinou tudo que podia jogar nele, jogava tudo que era resto de comida (com exceção de ossos), e até casca de ovos, pois se não fizesse isso, a família me dizia que se jogasse no lixinho, depois ia ficar com mau cheiro (o que eu concordo). Outro detalhe é sobre jogar papel higiênico no vaso sanitário, que aqui no Brasil, se fizemos isso, provavelmente teríamos que chamar o encanador em seguida. Gostei muito da estrutura do encanamento no banheiro nos Estados Unidos, que permite isso.

    Abraços

Deixe seu comentário